Repositório Digital

A- A A+

Crise institucional e futuro da extensão rural pública do Rio Grande do Sul : a percepção dos extensionistas

.

Crise institucional e futuro da extensão rural pública do Rio Grande do Sul : a percepção dos extensionistas

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Crise institucional e futuro da extensão rural pública do Rio Grande do Sul : a percepção dos extensionistas
Autor Deponti, Cidonea Machado
Almeida, Jalcione Pereira de
Resumo Os serviços de extensão rural pública do Rio Grande do Sul enfrentam uma série de dificuldades para sua operacionalização. No entanto, a extensão rural continua sendo um dos principais instrumentos de intervenção no meio rural do Rio Grande do Sul. Este trabalho objetiva analisar os determinantes da crise atual, bem como apontar possíveis rumos para extensão rural neste Estado. Metodologicamente utilizou- se a análise de materiais documentais e aplicaram-se entrevistas a interlocutores (público-meta, sindicatos, governo, extensionistas - técnicos, supervisores, bem-estar social, assistentes técnicos regionais e estaduais) por meio de roteiro semi-estruturado. Para identificação dos possíveis rumos utilizou-se de consulta aos extensionistas. Conclui-se, por intermédio das opiniões emitidas pelos atores sociais entrevistados que há convergência de entendimentos quanto ao reconhecimento da importância da EMATER/RS-ASCAR para a implementação da política pública estadual de extensão rural e à existência de uma atual situação de crise. Contudo, não há clareza quanto ao rumo que deve ser adotado pela Agência, seja em razão da diversidade de propostas (estatização, fusão com a pesquisa, privatização, reestruturação), seja em razão da ausência de critérios definidos no tocante à efetiva operacionalização das propostas mencionadas.
Abstract The services of public rural extension of Rio Grande do Sul face a series of difficulties for its operacionalization. However, the rural extension continues being one of the main intervention instruments in the rural way of Rio Grande do Sul. This work objectifies to analyze the determinant of the current crisis, as well as to aim possible directions for rural extension in this State. Metodologicaly was used the analysis of documental materials and interviews were applied speakers (public-goal, unions, government, extensionists - technicians, supervisors, social well-being, regional and state technical assistants) by means of semi-structured route. For identification of the possible directions it was used of consultation to the extensionists. It is ended, through the opinions emitted by the actors social interviewees that there is convergence of understandings with relationship to the recognition of the importance of EMATER/ RS-ASCAR for the implementation of the state public politics of rural extension and to the existence of a current crisis situation. However, there is not clarity with relationship to the direction that it should be adopted by the Agency, be in reason of the diversity of proposals (estatization, coalition with the research, privatization, restructuring), be in reason of the absence of approaches defined concerning the effective operacionalization of the mentioned proposals.
Resumen Los servicios de extensión rural pública de Río Grande do Sul enfrentan una serie de dificultades para su operacionalizacio. Sin embargo, la extensión rural continúa siendo uno de los instrumentos de la intervención principales de la manera rural de Río Grande do Sul. Este trabajo objectiva analizar el determinante de la crisis actual, así como para apuntar posibles direcciones para la extensión rural en este Estado. Metodologicamente se usó el análisis de materiales documentarios y entrevistas se aplicó portavoces (público-meta, uniones, gobierno, el extensionistas - técnicos, supervisores, bienestar social, los ayudantes técnicos regionales y estatales) por medio de la ruta semi- estructurada. Para la identificación de las posibles direcciones fue acostumbrado de consultación al extensionistas. Ha acabado, a través de las opiniones emitidas por los actores social que hay convergencia de comprensiones con relación al reconocimiento de la importancia de EMATER/RS-ASCAR para la aplicación de la política pública estatal de extensión rural y a la existencia de una situación de crisis actual. No hay claridad sin embargo, con relación a la dirección que debe ser adoptado por la Agencia, esté en razón de la diversidad de propuestas (estatizacio, unión con la investigación, la privatización, reestructurando), esté en la razón de la ausencia de acercamientos definida acerca del operacionalizacion eficaz de las propuestas mencionadas.
Contido em Revista de extensão e estudos rurais. Viçosa, MG. Vol. 2, n. 1 (2013), f. 79-117
Assunto Desenvolvimento rural
Extensão rural
Mediação social
[en] Future of the extension
[en] Institutional crisis
[en] Intervention and rural development
[en] Rural service extension
[en] Social actors
[es] Actores sociales
[es] Crisis institucional
[es] Extensión de servicio rural
[es] Futuro de la extensión
[es] La intervención y el desarrollo rural
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/117036
Arquivos Descrição Formato
000967245.pdf (437.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.