Repositório Digital

A- A A+

Impactos ambientais causados pelas indústrias de cerâmica vermelha no Rio Grande do Sul

.

Impactos ambientais causados pelas indústrias de cerâmica vermelha no Rio Grande do Sul

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Impactos ambientais causados pelas indústrias de cerâmica vermelha no Rio Grande do Sul
Autor Manfredini, Constance
Orientador Sattler, Miguel Aloysio
Data 2003
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil.
Assunto Cerâmica vermelha : Construção civil
Impacto ambiental
Indústria cerâmica
[en] Ceramic materials
[en] Environmental impacts of ceramic industries
[en] Sustainability
Resumo A cadeia produtiva da construção civil está associada a grandes consumos de matérias-primas e energia, além de ser uma das maiores geradoras de resíduo, sendo responsável por parcela significativa dos impactos ambientais a nível global. Embora seja vasta a disponibilidade de literatura internacional a respeito de impactos ambientais causados por materiais de construção, a bibliografia nacional ainda é limitada. Este fato constitui uma barreira na determinação dos impactos ambientais causados por materiais de construção locais, e conseqüentemente os impactos causados pelas edificações e pelo setor da construção. Os materiais cerâmicos estão entre os mais tradicionais empregados na construção civil no Brasil, onde existem aproximadamente 11.000 indústrias, principalmente de pequeno e médio porte. No entanto o setor enfrenta uma série de problemas ambientais, econômicos e de qualidade dos produtos fabricados. Em 2000, o Núcleo Orientado para a Inovação da Edificação (NORIE), pertencente ao Departamento de Engenharia Civil da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), iniciou uma pesquisa visando identificar de forma qualitativa e quantitativa os impactos ambientais causados pelo processo produtivo de materiais de cerâmica vermelha, para o Estado do Rio Grande do Sul. Este trabalho analisa os dados coletados em uma pesquisa realizada em 40 indústrias de cerâmica vermelha de diferentes escalas (com produção de 20.000 a 1.500.000 peças/mês) e utiliza a metodologia de Análise do Ciclo de Vida para obter resultados relativos a recursos naturais, fontes energéticas, geração de resíduos sólidos e emissões gasosas, relacionados a cada fase do processo produtivo. Os resultados obtidos revelam os impactos causados pelas indústrias de cerâmica vermelha no Rio Grande do Sul, apontando os aspectos positivos e negativos do processo. São também obtidos dados quantitativos com relação à energia incorporada nos produtos, através de informações coletadas nas indústrias.
Abstract The Building Construction supply chain is characterized by a high consumption of raw materials and energy and a high production of waste; being responsible for a significant share in the global environmental impact. Although being large the availability of international literature on environmental impacts determined by building materials, the existing literature on such impacts in Brazil is very limited. This constitutes a barrier to determine the environmental impact of local building materials, and consequently the impact caused by buildings and the building sector. Ceramic products are in the roll of the most traditional construction materials used in Brazil, where there are about 11,000 industries, mostly small and medium sized. However, the sector is going through environmental, economic and product quality problems. In 2000, NORIE, a section of the Department of Civil Engineering Department at UFRGS (Federal University of Rio Grande do Sul), started a research project aiming at identifying quantitative and qualitative environmental impacts caused by ceramic bricks, blocks and tiles production, in the State of Rio Grande do Sul, south of Brazil. This research analyses the collected data on a survey performed at 40 ceramic industries, with different scales (producing from 20,000 to 1,500,000 bricks/month), and uses LCA methodology to obtain results related to material and energy consumption, as well as waste emissions in each process step. The obtained results reveal the environmental impacts caused by ceramic bricks, blocks and tiles industries in Rio Grande do Sul, pointing out positive and negative production aspects. In addition, it was possible to estimate the embodied energy of local ceramic materials through the collected data.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/117391
Arquivos Descrição Formato
000375935.pdf (4.807Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.