Repositório Digital

A- A A+

Suprimento de nitrogênio para culturas de verão pela aplicação antecipada em azevém pastejado por ovinos

.

Suprimento de nitrogênio para culturas de verão pela aplicação antecipada em azevém pastejado por ovinos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Suprimento de nitrogênio para culturas de verão pela aplicação antecipada em azevém pastejado por ovinos
Outro título Summer crops nitrogen supply by early application in ryegrass grazed by sheeps
Autor Alves, Rubens Cherubini
Orientador Bremm, Carolina
Data 2015
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Zootecnia.
Assunto Adubação nitrogenada
Milho
Ovino
Pastejo
Soja
[en] Integrated systems
[en] Lolium multiflorum
[en] Maize
[en] Nutrient cycling
[en] Soybean
Resumo A agropecuária tem um importante papel na economia do Brasil. Fertilizantes nitrogenados estão entre os principais insumos da agropecuária mundial, e o seu uso em grandes volumes geram problemas ambientais. Sistemas Integrados de Produção Agropecuária (SIPAs) buscam a maior eficiência no uso dos recursos naturais em comparação às monoculturas agrícolas, reduzir as perdas de nutrientes e promover a ciclagem do nitrogênio (N). O animal é considerado um catalizador da ciclagem de nutrientes e em um SIPA a intensidade de pastejo e a fertilização, são as principais variáveis a ser manejada na fase pastagem, pois determinam a cobertura do solo, que é transferida para a fase lavoura e influencia a sua produtividade. A soja e o milho estão entre as mais importantes culturas da agricultura Brasileira. A soja tem o potencial de suprir parte das suas demandas através da Fixação Biológica de N, já o milho é dependente do solo para atender a sua necessidade por N. A adubação antecipada baseia-se em que a exportação de nutrientes na fase lavoura é maior do que na fase pastagem. Propõe-se que a adubação seja realizada no inverno, promovendo maiores rendimentos da fase pastagem e a ciclagem dos nutrientes para a fase lavoura. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito da adubação nitrogenada em pastagem de azevém pastejada por ovinos sob diferentes intensidades de pastejo e métodos de pastoreio no índice de nutrição nitrogenada das culturas de verão em SIPAs. Este estudo foi realizado entre os anos 2013 e 2014, em um experimento de longa duração iniciado em 2003, em SIPA, o qual é composto por 32 unidades experimentais delineados em blocos casualizados, com quatro tratamentos, dois métodos de pastoreio, contínuo e rotativo, duas intensidades de pastejo, moderada e baixa em pastagem de azevém-anual pastejada por ovinos, no período de inverno e dois sistemas de cultivos de verão, monocultivo de soja e rotação soja/milho, com quatro repetições. A fertilização foi realizada exclusivamente na fase pastagem com 75 kg de N e 60 kg de P2O5 e K2O ha-1. A massa de forragem residual (MFR) foi avaliada ao final da fase pastagem. Durante o verão foram avaliados o rendimento de fitomassa das culturas de verão durante a fase vegetativa, o teor de N na fitomassa e o Índice de Nutrição Nitrogenada (INN) das culturas. Para a cultura do milho, houve efeito das intensidades de pastejo (P<0,05) para INN e MFR. Para as culturas da soja houve efeito das intensidades de pastejo (P<0,05) apenas para a MFR. Não foi encontrada diferença entre os métodos de pastoreio para as duas culturas. A MFR é uma importante fonte de N para a cultura de verão subsequente. Menores intensidades de pastejo resultam em maiores MFR e, consequentemente, maiores INN para a cultura do milho. A adubação nitrogenada antecipada não apresentou efeito sobre a soja uma vez que esta cultura tem a capacidade de atender a sua demanda por N através da Fixação Biológica de N.
Abstract Agriculture has an important role in Brazilian economy. Nitrogen fertilizers are among the main inputs of worldwide agriculture, and its use in large volumes has generated environment problems. Integrated Crop Livestock Systems (ICLS) search for a more efficient use of natural resources than monoculture agriculture systems, reduce Nitrogen (N) losses and promote its cycling. The animal is consider a catalyst for nutrient cycling and in an ICLS, the grazing intensity along with fertilization, are the main variable to be manage in the pasture phase, since it determines the soil cover, which is transfer to the crop stage and directly influences its yield. Soybean and maize are among the most important crops of the Brazilian agriculture. Soybean has the potential to attend most of their demands for nitrogen (N) through the Biological Fixation, on the other hand, maize is dependent on soil fertility to attend their need for this nutrient. Early fertilization is based on that the export of nutrients in the crops phases is greater than pasture phase. Is propose that the fertilization should be manage on winter, because it would provide higher yields of pasture phase and recycling of nutrients to the crop stage. The objective of this study was to evaluate the effect of early nitrogen fertilization on Italian ryegrass pasture grazed by sheep under different grazing intensities and grazing methods on ICLS summer crops nitrogen nutrition index. This work was perform between 2013 and 2014, in a long-term ICLS experiment, with 32 experimental units designed in a randomized block with four treatments and four replications. The treatments were two stocking methods, continuous and rotational grazing, two grazing intensities, moderate and low, with Italian ryegrass grazed by sheep on winter, and two cropping systems, soybean monoculture and soybean/maize crop rotation, on summer. The fertilization management was 75 kg of N, 60 kg of P2O5 and K2O ha-1. The residual forage mass (RFM) on the end of grazing phase. During summer were evaluate the crops biomass yield on vegetative phase, the N content on the phytomass, and the crops NNI. On maize crop area were found effect of the grazing intensities (P<0.05) on the RFM and NNI. On soybean crop area was found effect of the grazing intensities (P<0.05) on the RFM. There were no differences between the grazing methods in both crop systems, and on RFM and NNI of soybeans areas (P>0.05). The RFM is an important summer crop N source. Lowest grazing intensities result on higher RFM, and consequently in higher NNI on maize crop. The early fertilization does not cause effects on soybean, once this crop has the ability to meet its demand for N by N Biological Fixation.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/117427
Arquivos Descrição Formato
000966963.pdf (1.390Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.