Repositório Digital

A- A A+

Aprendendo a ser negro : a perspectiva dos estudantes

.

Aprendendo a ser negro : a perspectiva dos estudantes

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Aprendendo a ser negro : a perspectiva dos estudantes
Outro título Learning to be black: the students’ perspective
Autor Santos, Marzo Vargas dos
Molina Neto, Vicente
Resumo O artigo trata de identificar e compreender de que modo os estudantes negros da rede municipal de ensino de Porto Alegre constituem interações sociais, e como essas se manifestam na cultura estudantil e na Educação Física. Por meio de uma etnografia educativa, reflete sobre a participação do negro na construção da sociedade, que não é isenta de contradições e controvérsias. Os autores realizam análise de documentos, observação participante, diário de campo, grupos de discussão e entrevista semiestruturada. A análise enfatiza o modo pelo qual os colaboradores do estudo se percebem nas relações étnico-raciais, ao tratar dos códigos de significados na cultura estudantil, especialmente quanto ao seu reconhecimento no grupo, revelando que os negros manifestam certa naturalização de uma posição social de inferioridade. As diferentes culturas da escola dão sentidos distintos às ações, rituais e códigos que serão interpretados por aqueles envolvidos com os elementos dessa cultura.
Abstract The article seeks to identify and understand the mode in which Afro-Brazilian students in the municipal school system of Porto Alegre constitute their social interactions and how such constructions manifest themselves amongst student culture and in Physical Education classes. Using educational ethnography, it reflects on afro participation in the construction of a society that is full of contradictions and controversies. The authors analyzed documents, used participant observation, kept a field diary, led discussion groups and conducted semi-structured interviews. The analysis emphasizes the way in which the study’s subjects perceived themselves in ethno-racial relationships when dealing with the codes of student culture, especially when identifying themselves in relation to the group, revealing that Afro-Brazilians manifest a certain naturalization of a social position of inferiority. The different cultures in the school lend different meanings to the actions, rituals and codes, which will then be interpreted using elements of this very culture.
Contido em Cadernos de Pesquisa : revista de estudos e pesquisa em educação. São Paulo : Fundação Carlos Chagas, 2011. Vol. 41, n. 143 (maio./ago. 2011), p. 516-537.
Assunto Estudantes
Negro
Sociologia
[en] Afro-brazilian
[en] Physical education
[en] Race
[en] Students
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/118031
Arquivos Descrição Formato
000835326.pdf (188.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.