Repositório Digital

A- A A+

Avaliação de microrganismos mesófilos aeróbicos em placas de corte após diferentes métodos de higienização

.

Avaliação de microrganismos mesófilos aeróbicos em placas de corte após diferentes métodos de higienização

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação de microrganismos mesófilos aeróbicos em placas de corte após diferentes métodos de higienização
Outro título Evaluation of mesophilic aerobic in cutting boards after different methods of cleaning
Autor Barros, Cintia Meneses
Strasburg, Virgílio José
Resumo INTRODUÇÃO: Superfícies contaminadas que entram em contato com alimentos podem representar perigos pelo risco de contaminação cruzada. Processos de higienização adequados devem ser utilizados para minimizar esses riscos. OBJETIVO: Avaliar, por meio de testes laboratoriais, os efeitos dos métodos de higienização sobre as bactérias mesófilas aeróbias (MA) em placas de polietileno utilizadas no processamento de alimentos que não passam por cocção em uma unidade produtora de refeições (UPR) na cidade de Porto Alegre/RS. MÉTODOS: Foram utilizadas 6 placas de corte sendo três delas de aquisição recente (grupo 1) e outras três com mais de um ano de uso (grupo 2). As placas foram pareadas para a realização da avaliação dos três processos distintos de higienização, sendo que o procedimento de limpeza com água e detergente neutro foi comum a todas. Após a realização de cada um dos processos as placas foram encaminhadas para laboratório para a realização dos testes de plaqueamento em superfície direta para verificar a contagem de colônias de bactérias mesófilas aeróbias. RESULTADOS: O procedimento de higienização com o hipoclorito de sódio foi o método que apresentou os melhores resultados sobre a contagem das mesófilas aeróbias sobre as placas de polietileno do grupo 1. Nas placas do grupo 2 nenhum dos processos realizados contribuiu para a diminuição da contagem das MA. CONCLUSÃO: Ficou evidenciado que o estado de conservação interferiu sobre os resultados da contagem de MA nos processos de higienização das superfícies das placas de polietileno.
Abstract BACKGROUND: Contaminated surfaces that come into contact with food may pose dangers due to the risk of cross-contamination. Appropriate cleaning procedures must be used to minimize these risks. AIM: To valuate, by means of laboratory tests, the effects of the methods of cleaning on the aerobic mesophilic (AM) bacteria on polyethylene plates used in food processing that do not go through a cooking process in a food production unit (UPR) in the city of Porto Alegre / RS. METHODS: Six cutting boards were analyzed, three of them recently acquired (group 1) and three others with more than one year of use (group 2). The plates were paired for the evaluation of three distinct hygiene processes. The cleaning procedure with water and neutral detergent was common to all of them. After performing each cleaning process, the plates were sent to the laboratory for the direct surface plating tests to check the AM bacteria colonies counting. RESULTS: The procedure of cleaning with sodium hypochlorite was the method that showed the best results on the (AM) bacteria counting on the polyethylene plates of group 1. In group 2 plates, none of the processes performed contributed to the decreased counts of AM bacteria. CONCLUSION: Thus, it was evident that the conservation status interfered on the results of the counting of AM bacteria in the hygiene procedures of polyethylene plates surfaces.
Contido em Clinical and biomedical research. Porto Alegre. Vol. 34, n. 1 (2014), p. 21-27
Assunto Desinfecção
Polietileno
[en] Aerobic mesophilic
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/118039
Arquivos Descrição Formato
000964049.pdf (1.744Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.