Repositório Digital

A- A A+

Resíduos eletroeletrônicos : um diagnóstico da cadeia de processamento

.

Resíduos eletroeletrônicos : um diagnóstico da cadeia de processamento

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Resíduos eletroeletrônicos : um diagnóstico da cadeia de processamento
Autor Kunrath, Jorge Luiz
Orientador Veit, Hugo Marcelo
Data 2015
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Minas, Metalúrgica e de Materiais.
Assunto Lixo eletrônico
Reciclagem
[en] Electronic equipment waste
[en] Waste management
[en] Waste processors of electronic equipment
Resumo Reconhecido como um problema mundial, o crescente volume de resíduos eletrônicos tem representado uma preocupação quanto às práticas de descarte destes equipamentos por utilizar na fabricação produtos e metais tóxicos com possíveis danos à saúde dos seres humanos e ao ambiente. Os resíduos de equipamentos eletroeletrônicos também possuem em sua composição metais preciosos como ouro e a prata, além de teores significativos de cobre, representando fonte de interesse comercial na recuperação destes materiais, reduzindo a necessidade de exploração destes recursos na natureza. Estes fatores associados à rápida obsolescência e posterior descarte impulsionou uma complexa cadeia produtiva formada por empresas que coletam, separam, fracionam, recuperam, armazenam e reciclam estes materiais. Neste fluxo ocorrem várias interações entre as empresas e a sociedade com consequentes impactos sociais, econômicos e ambientais. Esta pesquisa realizou um diagnóstico de uma parte desta cadeia, compreendida pelos “processadores de resíduos”, entendido como as empresas que realizam a coleta, armazenagem, segregação e descaracterização dos equipamentos. Seus processos são em sua maioria manuais e, em alguns casos, algumas etapas de processamento mecânico. Operam na etapa de pré-processamento como fornecedores de insumos para o restante da cadeia. Estas empresas não realizam os procedimentos mais complexos da reciclagem, como a pirometalurgia, hidrometalurgia e eletrometalurgia. Para atingir o objetivo proposto foi utilizado um questionário semiestruturado direcionado a empresas previamente selecionadas e de abrangência nacional. Os dados coletados foram tabulados e analisados em seus contextos qualitativos e quantitativos, com o cruzamento de informações. Os resultados da pesquisa forneceram um conjunto de informações a respeito do sistema produtivo, dos volumes processados e de aspectos econômicos e de gestão do setor. Foi possível identificar os vários níveis de amadurecimento e gestão, onde algumas empresas operam com consistente estrutura administrativa, conhecimento, cumprimento da legislação e consciência ambiental, e outras, com sistemas de gestão deficientes e quase informalidade. Possuem capacidade média de processamento de resíduos de 100 toneladas/mês, e utilização de 50% desta capacidade. A parcela reciclável dos resíduos é em média 80% do total do material coletado. Os setores da sociedade que mais contribuem com resíduos são a indústria com 41,25% seguido do comércio e doméstico. No contexto econômico, 70% do faturamento tem origem no processamento de placas de circuito integrado. Quanto à comercialização dos produtos 75,39% tem como destino outros recicladores no Brasil ou exterior. Os dados coletados sobre os custos de processamento não foram satisfatórios pelo reduzido número de respostas, demonstrando que a questão poderia ter sido mais bem formulada ou a técnica de coleta melhor estudada. As principais contribuições resultantes deste trabalho são fornecer uma visão do fluxo e do volume de resíduos processados, possibilitar uma compreensão das interações econômicas entre os diversos interessados e das dificuldades que o setor enfrenta para alcançar um sistema de gestão sustentável para os resíduos eletroeletrônicos.
Abstract Recognized as a world problem, the increasing volume of electronic waste gives rise to as much concern as the practice of discarding this equipment because, in its fabrication, toxic metals are used, which causes possible health risks for human beings and for the environment. Electronic equipment waste also has precious metals within its composition, such as gold and silver, besides significant levels of copper, which represents a source of commercial interest in terms of the recuperation of these materials and a subsequent reduction in the necessity of exploration of these natural resources. These factors, together with the rapid transformation into obsolescence and later disposal of the equipment, has stimulated a complex production chain made up of companies who collect, separate, break up, recuperate, store and recycle these materials. In this interchange, various interactions occur between the companies and the society with a consequent social, economic and environmental impact. The present research has made a diagnosis of one part of this chain, as in the “waste processors”, that means the companies which carry out the collection, storage, separation and transformation of the equipment. The majority of the processes are manual with a few cases of mechanical processes in some stages. They operate at the pre-processing stage as input suppliers for the rest of the chain. These companies do not carry out the more complex procedures of recycling, such as pyrometallurgy, hydrometallurgy or electrometallurgy. To achieve the proposed objective, a semi-structured questionnaire was used, directed towards previously selected companies on a national scale. The collected data were tabled and analyzed within their qualitative and quantitative context with a cross-check information. The results of the research produced information in relation to the productive system, the volume which is processed, the economic aspects and the sector management. It was possible to identify the various levels of maturation and management, where some companies operate with a consistent administrative structure, knowledge, compliance with the law and environmental consciousness but where others operate with deficient management and a lack of formality. They have an average capacity of waste processing of residues of 100 tons per month with 50% utilization of this capacity. The recycled part of the waste represents an average of 80% of the total amount of collected material. The sectors that more generate this kind of waste are the industrial sector, with 41.25%, followed by the commercial and domestic sectors. Within an economic context, 70% of the income originates from Printed Circuit Boards (PCBs). Regarding the commercialization of the products, 75.39% are destined for other recycling plants in both Brazil and abroad. The collected data were not satisfactory in relation to the processing costs because of the low number of replies, demonstrating that the questions in relation to this could have been better formulated or the information collecting method should be improved. The main contributions resulting from this study are: create a vision of the volume flux of processed waste and allow for comprehension of the economical interactions between the various interested parties and the difficulties which the sector faces to achieve a sustainable management system for electronic waste.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/118849
Arquivos Descrição Formato
000969389.pdf (7.229Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.