Repositório Digital

A- A A+

Conservantes florais comerciais nas soluções de manutenção de hastes florais de gérbera de corte

.

Conservantes florais comerciais nas soluções de manutenção de hastes florais de gérbera de corte

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Conservantes florais comerciais nas soluções de manutenção de hastes florais de gérbera de corte
Outro título Commercial floral preservative in solutions in the maintenance of gerbera floral stalks
Autor Schmitt, Fernanda
Milani, Marília
Duarte, Valmir
Schafer, Gilmar
Bender, Renar João
Resumo As flores de corte são produtos altamente perecíveis e sua vida pós-colheita deve ser prolongada ao máximo para garantir a fidelidade dos consumidores. Uma possível medida para ampliar o período pós-colheita é a adição de fontes exógenas como biocidas, açúcares e substâncias acidifi cantes, compostos presentes nos conservantes florais comerciais. Nesse sentido, objetivou-se avaliar a eficácia do uso de conservantes florais na longevidade pós-colheita e na redução do número de bactérias em hastes florais de gérbera de corte. Seis hastes florais por unidade experimental de gérberas ‘Essandre’, colhidas em produtor comercial, foram condicionadas em frascos de vidro com 1L das seguintes soluções: T1 - água destilada (tratamento testemunha); T2-1,0% (v/v) Flower®; T3-1,5% (v/v) Flower®; T4-1,0% (v/v) Flower Plus®; T5- 1,5% (v/v) Flower Plus®; e T6-1 tablete de Florissant 500©. Ao final de 7 dias, observou-se o conteúdo de carboidratos totais e, ao final do experimento: a longevidade; a massa fresca relativa; e a absorção de solução. Nas soluções de vaso, durante o período experimental, avaliou-se o pH. A contagem bacteriana, nas hastes florais, foi realizada com os tratamentos: T1 - água destilada (tratamento testemunha); T2-0,75% (v/v) Flower®; T3-1,5% (v/v) Flower®. Os conservantes florais testados não aumentam a longevidade pós-colheita de hastes florais de gérbera de corte. O uso de conservante floral reduz o número de bactérias em hastes florais de gérbera de corte
Abstract Cut flowers are highly perishable products and its shelf-life should be prolonged to the maximum to ensure the fi delity of consumers. A measure to assist vase life lengthening might most likely derives from the addition of exogenous sources of biocides, carbohydrates and acidifying substances compounds present in commercial floral preservatives. The objective of this study was to evaluate the effi cacy of floral preservatives on postharvest longevity, and reducing the number of bacteria in gerbera cut flowers. Six cv. ‘Essandre’ gerbera flower stalks as experimental unit were harvested at a commercial cut flower producer and placed in glass jars with 1L of these solutions: T1 - distilled water (control treatment); T2-1,0% (v/v) Flower® ; T3- 1,5% (v/v) Flower®; T4-1,0% (v/v) Flower Plus®; T5-1,5 % (v/v) Flower Plus® and T6 - one tablet Florissant 500©. The following variables were evaluated at the end of shelf life of the fl ower stalks: contents of storage substances, longevity, relative fresh weight and solution uptake. The pH of vase solutions was determined along the evaluation period. Bacterial counts were performed from solutions of the following treatments: T1 - distilled water (control treatment); T2-0,75% (v/v) Flower®; and T3-1,5% (v/v) Flower®. The floral preservatives tested did not increase the postharvest longevity of gerbera cut flowers. The use of floral preservative reduces the number of bacteria in gerbera cut flowers
Contido em Ciência rural. Santa Maria. Vol. 44, n.12 (dez. 2014), p. 2124-2128
Assunto Gérbera
Pós-colheita
[en] Floriculture
[en] Gerbera jamesonii
[en] Maintenance solutions
[en] Postharvest
[en] Vase life
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/119005
Arquivos Descrição Formato
000964864.pdf (296.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.