Repositório Digital

A- A A+

Pain, masticatory performance and swallowing threshold in orthodontic patients

.

Pain, masticatory performance and swallowing threshold in orthodontic patients

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Pain, masticatory performance and swallowing threshold in orthodontic patients
Autor Trein, Marcos Porto
Mundstock, Karina Santos
Maciel, Leonardo
Rachor, Jaqueline
Gameiro, Gustavo Hauber
Abstract Objective: The aim of this study was to assess pain, masticatory performance and swallowing threshold of patients undergoing orthodontic treatment. Methods: Ten patients of both genders (mean age of 17.25 ± 5.21 years), with complete permanent dentition, who underwent orthodontic treatment with fixed appliances were evaluated. The masticatory performance and the swallowing threshold were assessed by patient’s individual capacity of fragmenting an artificial test food (Optocal) which was chewed and had the resulting particles processed by a standardized sieving method, presenting the median particle size (MPS) of crushed units. The intensity of pain / discomfort during chewing was evaluated by means of a visual analog scale. All tests were performed at the following times: T0 – before activating the orthodontic appliance; T1 – 24 hours after activation, and T2 – 30 days after activation. Results: The results showed a significant increase in pain at T1 (T0 – 0.60 ± 0.70 mm; T1 – 66.2 ± 34.5 mm), returning to baseline values at T2 (3.20 ± 3.82 mm). Masticatory performance was also reduced in T1 (MPS 10.15 ± 1.1 mm2) in comparison to T0 (MPS 7.01 ± 2.9 mm2) and T2 (MPS 6.76 ± 1.3 mm2). However, particle size was not affected in the swallowing threshold test (T0 – 5.47 ± 2.37 mm2; T1 – 6.19 ± 2.05 mm2; T2 – 5.94 ± 2.36 mm2). Conclusion: The orthodontic appliances did not interfere in the size of the particles that would be swallowed, even in the presence of pain
Resumo Objetivo: o objetivo desse estudo foi avaliar a dor, a performance mastigatória e o limiar de deglutição em pacientes submetidos ao tratamento ortodôntico. Métodos: foram avaliados dez pacientes de ambos os sexos (idade média 17,25 ± 5,21 anos), com dentição permanente completa, submetidos ao tratamento ortodôntico com aparelhos fixos. A performance mastigatória e o limiar de deglutição foram avaliados pela capacidade individual de fragmentação de um alimento teste artificial (Optocal), o qual foi mastigado e as partículas resultantes processadas por um método padronizado com peneiras, apresentando o tamanho mediano das partículas (TMP) das unidades trituradas. A intensidade da dor/desconforto foi avaliada com o uso de uma escala analógica visual. Todos os testes foram realizados nos seguintes momentos: T0: antes da ativação do aparelho ortodôntico; T1: 24 após a ativação, e T2: 30 dias após a ativação. Resultados: os resultados demonstraram um aumento significativo na dor em T1 (T0: 0,60 ± 0,70mm; T1: 66,2 ± 34,5mm), retornando aos valores basais em T2 (3,20 ± 3,82mm). A performance mastigatória também foi reduzida em T1 (TMP: 10,15 ± 1,1mm2) comparada a T0 (TMP: 7,01 ± 2,9mm2) e T2 (TMP = 6,76 ± 1,3 mm2). Entretanto, o tamanho das partículas não foi afetado no teste do limiar de deglutição (T0: 5,47 ± 2,37mm2; T1: 6,19 ± 2,05mm2; T2: 5,94 ± 2,36mm2). Conclusão: os aparelhos ortodônticos não interferiram no tamanho das partículas que seriam deglutidas, mesmo na presença da dor
Contido em Dental Press journal of orthodontics. Maringá, PR. Vol. 18, no. 6 ( Nov./dez. 2013), p. 117-123
Assunto Dor
Má oclusão
Má oclusão
Mastigação
Mastigação.
Ortodontia
Ortodontia
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/119146
Arquivos Descrição Formato
000955220.pdf (111.4Kb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.