Repositório Digital

A- A A+

Desenvolvimento de métodos de análise por CLAE-UV para os antimicrobianos tetraciclina sulfametoxazol e trimetoprima utilizando materiais à base de sílica e poliméricos como sistemas de pré-concentração

.

Desenvolvimento de métodos de análise por CLAE-UV para os antimicrobianos tetraciclina sulfametoxazol e trimetoprima utilizando materiais à base de sílica e poliméricos como sistemas de pré-concentração

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Desenvolvimento de métodos de análise por CLAE-UV para os antimicrobianos tetraciclina sulfametoxazol e trimetoprima utilizando materiais à base de sílica e poliméricos como sistemas de pré-concentração
Autor Pedroso, Rosana Cristina Ribeiro
Orientador Pizzolato, Tania Mara
Co-orientador Froehlich, Pedro Eduardo
Data 2007
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Química. Programa de Pós-Graduação em Química.
Assunto Análise de traços
Fármacos
Resumo Este trabalho apresenta um estudo sobre o desenvolvimento de métodos de análise de alguns antimicrobianos em meio aquoso, utilizando novos materiais à base de sílica e poliméricos como sistemas de pré-concentração/extração em nível de traços. A determinação quantitativa da eficiência de extração e concentração destes materiais, frente aos compostos em estudo, foi realizada através de cromatografia líquida com detector espectrofotométrico na região do ultravioleta (CLAE-UV). Os métodos cromatográficos utilizados são farmacopêicos e por estarem fora do seu escopo de análise de compostos majoritários e de matriz, eles foram re-validados. A capacidade de retenção das fases sólidas foi avaliada frente aos antimicrobianos Tetraciclina (TC), Sulfametoxazol (SMX) e Trimetoprima (TM) empregando a extração em fase sólida (EFS) off line e a quantificação foi conduzida através de dois métodos cromatográficos, um para TC e outro para SMX e TM. Os resultados, expressos em recuperação, ficaram restritos aos sólidos à base de sílica, pois não foi possível concluir este estudo nos polímeros devido às dificuldades de síntese dos mesmos. O melhor percentual de recuperação para TC (70%) foi quando utilizou como eluente o solvente de diluição (Tabela VIII) na sílica 200ºC e metanol:água (50:50) para SMX (40%) e TM (90%) na sílica comercial (C18 da Waters). Alguns parâmetros de desempenho dos melhores resultados foram avaliados nas amostras padrão e nas amostras reais. Os dados foram tratados estatisticamente obtendo-se curvas analíticas com baixa dispersão no conjunto de pontos experimentais e menor incerteza dos coeficientes de regressão, estimados nos intervalos propostos. O volume de quebra foi de 25 mL e o fator de concentração foi de 5 para os três analitos. A precisão foi avaliada pela repetibilidade, obtendo-se coeficientes de variação dentro dos limites de concentração aceitos em análises de traços. Foram avaliados os limites de detecção (3,6 μg/l para TC; 0,3 μg/l para SMX e 0,3 μg/l para TM) e quantificação (12 μg/l para TC; 1,1 μg/l para SMX e 0,9 μg/l para TM) do método, em água do arroio Dilúvio. As análises das amostras coletadas no arroio Dilúvio de Porto Alegre e na água potável coletada da torneira do Laboratório de Análises Ambientais do Instituto de Química em agosto de 2007 não apresentaram os antimicrobianos em estudo, nos níveis detectáveis pelos métodos.
Abstract This work presents a study for the development of some methods of analysis of antimicobians in aqueous medium; using home-made silica-based and polymeric materials as a pre-concentration/extraction system in trace level. The quantitative determination of the efficiency of extraction and concentration of these materials compared to the pharmaceuticals in study was made through liquid chromatography with ultraviolet spectrophotometer detector in the ultraviolet region (CLAE-UV). The chromatographic methods used are pharmacopoeia and because they are out of the target analysis of majority composts and the source, they were revalidated. The retention capacity of these solid phases was evaluated considering the antimicrobialses: tetracicline (TC), sulfametoxazol (SMX) and trimetoprime (TMI) using solid-phase extraction (SFE) off line and the quantification was lead through two chromatographic methods, one for TC and another one for SMX and TM. The results, known in recovery, were restricted to silica-based solids; therefore, it was not possible to conclude this study for polymers due to the synthesis difficulties. The best percentage of recovery for TC (70%) was when it was used as eluente solvent of dilution (Table VIII) in 200ºC silica and methanol:water (50:50) for SMX (40%) and TM (90%) in commercial silica (C18 Waters). Some performance parameters were evaluated for standard and for real sample. The data were statistically evaluated resulting in analytical curves with low dispersion in the set of experimental points and lower uncertainty of the coefficients regression, predicted in the intervals considered. The breakthrough volume, in all cases was determined as 25 mL resulting in a concentration factor of 5. The precision was evaluated for analysis repeatability with acceptable coefficient of variation inside of limits of concentration in trace level. The limits of detection (3,6 μg/l for TC; 0,3 μg/l for SMX and 0,3 μg/l for TM) and quantification (12 μg/l for TC; 1,1 μg/l for SMX and 0,9 μg/l for TM) were determined in Dilúvio stream water. The analyses of the samples collected in Dilúvio stream in Porto Alegre and the tap water collected in the lab, in August 2007 did not present antimicrobians contamination, in the levels detected by the method.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/12044
Arquivos Descrição Formato
000620695.pdf (829.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.