Repositório Digital

A- A A+

A construção da participação na fala-em-interação de sala de aula : um estudo microetnografico sobre a participação em uma escola municipal de Porto Alegre

.

A construção da participação na fala-em-interação de sala de aula : um estudo microetnografico sobre a participação em uma escola municipal de Porto Alegre

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A construção da participação na fala-em-interação de sala de aula : um estudo microetnografico sobre a participação em uma escola municipal de Porto Alegre
Autor Schulz, Lia
Orientador Garcez, Pedro de Moraes
Data 2007
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Programa de Pós-Graduação em Letras.
Assunto Comunicação lingüística
Estruturas de participação
Etnografia
Filosofia da linguagem
Participação social
Sala de aula
Sociolingüística
Teoria dos atos de fala
[en] Classroom
[en] Participation
[en] Talk-in-interaction
Resumo Esta dissertação tem como objetivo analisar as estruturas de participação encontradas na falaem- interação de sala de aula de uma escola pública de Porto Alegre. A fundamentação teórico-metodológica adotada nesta pesquisa está ancorada na Microetnografia Escolar. O conceito de estruturas de participação apresentado também conta com contribuições teóricometodológicas advindas da Análise da Conversa Etnometodológica e Sociolingüística Interacional. A pesquisa foi realizada por meio de um trabalho de campo que envolveu a geração de dados etnográficos e microetnográficos, com observação participante e geração de dados audiovisuais. As gravações realizadas foram de interações de sala de aula e do Conselho de Classe Participativo, que acontece na escola alvo da pesquisa. Na análise dos dados, foi observado que a construção de participação que é realizada na fala-em-interação de sala de aula e no conselho de classe está relacionada com a história da escola e com as ações cotidianas dos educadores que possibilitam a manutenção diária do projeto políticopedagógico da escola, que prima pela inclusão social. O espaço de participação construído no conselho de classe, em que todos podem participar e ter a palavra para dizer o que estão aprendendo e o que está difícil de aprender, possibilita também com que os alunos dessa escola passem a ser protagonistas de seus processos de aprendizagem. A análise mais de detida das atividades realizadas no pré-conselho revela diferentes práticas como prestações de contas, orquestração das falas dos participantes, possibilidades de escolhas e a construção conjunta de autoria, que constituem o evento como um espaço em que se dá voz e se ratifica a participação de todos. Além disso, a relação entre participação e aprendizagem construída por meio das ações dos educadores evidencia que, para que se possa transformar a escola em um espaço de aprendizagem para todos, é fundamental ter a participação de cada um, fazendo com que o aprendizado seja parte do engajamento, protagonismo e autoria de todos.
Abstract This master thesis is aimed at analyzing participation structures observed in classroom talk-ininteraction in a public school in Porto Alegre from a microethnographic perspective. The concept of participation structures adopted has also benefited from theoretical and methodological contributions of Conversation Analysis and Interactional Sociolinguistics. Fieldwork research included generation of ethnographic and microethnographic data, participant observation and audiovisual recordings of classroom interactions and of the Conselho de Classe Participativo (Participative Class Meeting), which takes place at the researched school. It was observed that the pupils’ constant participation, fostered during both classroom talk-in-interaction and the class meetings, was related to the history of the school and to recurrent actions taken by teachers and educators, which allowed the socially inclusive political-pedagogical project of the school to be put into practice daily. The arena of participation constructed in the class meetings, during which anyone could participate and take the turn to say what s/he was learning and what difficulties s/he was facing, allowed pupils at this school to be protagonists in their own learning processes. A more detailed analysis of the activities during a preparatory assembly for the class meetings revealed the emergence of several practices (such as accounts, orchestration of participants’ turns, management of the pupils’ choices and construction of collective authorship), characterizing the class meeting as an event in which opportunity to participate was given to all and constantly ratified. Furthermore, the observed relationship between participation and learning promoted by the actions of teachers and educators revealed that, in order to transform the school into an arena of learning to all, it is crucial that each and every pupil participate, so that the learning process results from the commitment, participation and authorship of everyone.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/12103
Arquivos Descrição Formato
000619554.pdf (984.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.