Repositório Digital

A- A A+

Racionalização, cultura e turismo em meio rural na serra gaúcha

.

Racionalização, cultura e turismo em meio rural na serra gaúcha

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Racionalização, cultura e turismo em meio rural na serra gaúcha
Autor Brambatti, Luiz Ernesto
Orientador Samios, Eva Machado Barbosa
Data 2005
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Sociologia.
Assunto Mudança cultural
Mudança social
Serra Gaúcha, Região (RS)
Sociedade agraria
Turismo
Resumo A tese intitulada de “Racionalização, cultura e turismo em meio rural na Serra Gaúcha” é um estudo das transformações ocorridas com os agricultores das pequenas comunidades rurais dos municípios onde, na Serra Gaúcha, a partir da década de 90, foram desenvolvidos roteiros de turismo em meio rural, tendo como atrativo principal o legado cultural e patrimonial da imigração italiana, remanescente do processo migratório europeu do final do século XIX. A hipótese principal da pesquisa é comprovar a mudança da mentalidade tradicional do agricultor para uma de tipo racional a partir da atividade do turismo, de acordo com o paradigma weberiano de desenvolvimento da sociedade ocidental. Tal transformação, que está na raiz do desenvolvimento capitalista, teria como causas a proximidade com núcleos urbanos altamente industrializados, indicadores de sociedades avançadas, onde as mudanças culturais são igualmente aceleradas; a secularização religiosa, a pluriatividade da economia rural e a influência dos meios de comunicação de massa. O turismo, enquanto atividade econômica da modernidade, racionaliza as manifestações culturais autóctones tornando-as espetáculos para serem consumidos pelos visitantes. O estudo faz ainda uma sociologia comparativa dos valores próprios dos descendentes de imigrantes europeus, principalmente italianos, conservados pelos seus descendentes, como uma variável demonstrativa e comprovatória de um determinado ethos presente nestes segmentos sociais.
Abstract This study named “Racionalização, Cultura e Turismo em meio rural na Serra Gaúcha” ( Racionalization, culture and tourism in the countryside of Serra Gaúcha) is a study of transformations that happen in countryside men’s in the small countryside rural villages in cities where, in Serra Gaúcha, since the 90’s, tourism routes were developed for the country side. Its main attraction was cultural and patrimonial legacy of Italian immigration, left after the European immigration process by the end of the XIX century. This research’s main hypothesis is to prove there was a change in traditional thinking a rational thought, according to weberian paradigm of occidental society development. Such transformation is in the basis of capitalist development and would have as causes the proximity with highly industrialized urban centers , indexes of advanced societies, where cultural changes are equaly accelerated, religious secularization, country side economy pluriativity , and the influence of mass communication means. Tourism, while modern economie activity, rationalizes regional cultural manifestations. This study also makes a comparative sociology of values of European immigrants descendents themselves , mainly Italians sustained by their descendents as a demonstrative and proving variable of a certain ethos that is present in these social segments.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/12117
Arquivos Descrição Formato
000618620.pdf (1.798Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.