Repositório Digital

A- A A+

Efeitos da prática do método Pilates na postura corporal de mulheres adultas saudáveis

.

Efeitos da prática do método Pilates na postura corporal de mulheres adultas saudáveis

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Efeitos da prática do método Pilates na postura corporal de mulheres adultas saudáveis
Outro título Effects of pilates method practice in body posture of healthy adult women
Autor Schmit, Emanuelle Francine Detogni
Orientador Loss, Jefferson Fagundes
Data 2015
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Educação Física. Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano.
Assunto Fisioterapia
Mulheres
Percepção
Pilates
Postura corporal
[en] Balance postural
[en] Exercise therapy
[en] Perception
Resumo O Método Pilates propicia melhora da flexibilidade, coordenação motora e força muscular, podendo refletir em ajustes posturais. Contudo, ainda não existem evidências acerca dos resultados da prática em relação à postura corporal, principalmente, devido às divergências metodológicas das pesquisas. Assim, os objetivos do presente estudo foram: verificar o efeito de 30 sessões do Método Pilates em mulheres adultas saudáveis no alinhamento postural estático, hábitos posturais, equilíbrio dinâmico e esquema corporal; além de adaptar um instrumento de avaliação do esquema corporal e testar sua repetibilidade e reprodutibilidade. A fim de verificar o estado da arte do objetivo geral da presente dissertação, foi conduzida uma revisão sistemática, em que uma busca em bases de dados foi realizada e somente os estudos que atingissem todos os critérios de elegibilidade foram incluídos. Quatro ensaios clínicos que verificaram o efeito da prática do Pilates na postura corporal estática foram incluídos. Os resultados desta revisão sugerem que a partir de 24 sessões de Pilates, praticadas duas vezes por semana, ocorrem ajustes nos alinhamentos frontal dos ombros e sagital da pelve em adultas jovens. E, após 48 sessões, soma-se a melhora no alinhamento sagital da cabeça. Entretanto, mais pesquisas são necessárias para entender os efeitos em relação à postura corporal como um todo, além de, verificar a afirmação empírica de Joseph Pilates acerca da prática “[...] em 30 sessões, você terá um novo corpo”. Para sanar essa lacuna, foi realizado um estudo de tipo quase-experimental, em que 19 mulheres adultas sedentárias saudáveis foram submetidas a 30 sessões de Mat Pilates, duas vezes por semana. Sendo avaliadas na admissão, pré e pós intervenção, quanto ao equilíbrio dinâmico (SEBT), postura corporal estática (protocolo e software DIPA) e hábitos posturais (questionário BackPEI). Houve melhora, após a intervenção, no equilíbrio dinâmico (p < 0,001) e ajustes posturais no alinhamento da coluna e sua respectiva flecha no plano frontal (p = 0,006) e no equilíbrio postural do tronco no plano sagital (p = 0,011). Porém, a participação em 30 sessões de Pilates, duas vezes por semana, parece não surtir efeito nos hábitos posturais na posição sentada (p > 0,05), melhorando apenas o modo de pegar um objeto do chão (p < 0,025). Com o intuito de avaliar o esquema corporal, foi conduzido um estudo adaptando uma metodologia já existente, além de testar sua repetibilidade e reprodutibilidade, bem como a aplicabilidade. Foram avaliadas 65 mulheres adultas saudáveis, e os resultados indicaram excelente repetibilidade, já, em relação à reprodutibilidade, essa fica restrita a área do esquema corporal e a distância entre trocânteres. A participação em trinta sessões de Pilates, duas vezes por semana, melhorou o índice de percepção do quadril (p = 0,037) porém parece não ser capaz de modificar a percepção da área do esquema corporal.
Abstract The Pilates Method provides improvements in flexibility, coordination and muscular strength resulting in postural adjustments. However, there are no evidences of practice results related to corporal posture, mostly because of the discrepancy among the methodology applied to the researches. Therefore, the objectives of this paper were: verify the influence of 30 sessions of Pilates Method in static postural alignment, postural habits, dynamical balance and body schema of healthy adult women and adapt an instrument of body schema evaluation and test its repeatability and reproducibility. In order to verify the art state of the general objective of this study, a systematic review was conducted, in which, a search on databases was executed and only the studies that completely fulfilled the eligibility criteria were selected. Four clinical trials that verified the effect of Pilates Method on static corporal posture were included. The results of this review suggest that after 24 sessions of Pilates, practiced twice a week, adjustments in the frontal alignment of shoulders and sagittal pelvis of young adult women occur. After 48 sessions, the increase of sagittal head alignment can be noticed. However, more research is needed to comprehend Pilates’ effects on corporal posture as a whole, aside from verifying the empiric affirmation of Joseph Pilates “[…] in 30 sessions, you are going to have a new body”. To remove any doubts, a quasi-experimental study was conducted, in which 19 healthy but sedentary adult women were submitted to Mat Pilates, two times a week, totalizing 30 sessions. They were evaluated at the admission, pre and post intervention about the dynamic balance (SEBT), static corporal posture (DIPA software and protocol) and postural habits (BackPEI questionnaire). After the intervention, there was improvement on the dynamic balance (p < 0,001) and trunk postural balance on the sagittal plane (p = 0,011) and postural adjustments on the spine alignment and its arrow of the frontal plane (p = 0,006). Nevertheless, practicing 30 sessions of Pilates, twice a week, did not improve the postural habits while seating (p > 0,05), increasing just the way of grabbing an object on the ground (p < 0,025). To measure the body schema, a paper was conducted by modifying one methodology that already existed and test the repeatability and reproducibility, as well as its applicability. 65 healthy adult women were evaluated and the results showed excellent repeatability albeit the reproducibility remained tied to the area of body schema and the distance between the trochanters. 30 sessions of Pilates, twice a week, upgraded the hip perception index (p = 0,037) but seemed unable to change the body schema area perception.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/122295
Arquivos Descrição Formato
000971265.pdf (1.240Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.