Repositório Digital

A- A A+

Traços de percursos de inserção profissional : um estudo sobre egressos dos conservatórios estaduais de música de Minas Gerais

.

Traços de percursos de inserção profissional : um estudo sobre egressos dos conservatórios estaduais de música de Minas Gerais

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Traços de percursos de inserção profissional : um estudo sobre egressos dos conservatórios estaduais de música de Minas Gerais
Autor Pimentel, Maria Odília de Quadros
Orientador Del Ben, Luciana Marta
Data 2015
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Artes. Programa de Pós-Graduação em Música.
Assunto Conservatórios de música
Educação profissional
Inserção profissional
Mercado de trabalho
Minas Gerais
Música
[en] Job market for music careers
[en] Minas Gerais state conservatories of music
[en] Professional and technical high school education in music
[en] Professional insertion in music careers
Resumo O presente trabalho teve como objetivo geral investigar a inserção profissional de egressos dos cursos técnicos dos Conservatórios Estaduais de Música de Minas Gerais (CEM). Os objetivos específicos buscaram identificar quem são os egressos dos cursos técnicos dos CEM; mapear as atividades profissionais dos egressos; examinar suas condições de trabalho; e analisar a avaliação dos egressos sobre o curso técnico. Nortearam o trabalho os conceitos de inserção profissional, trabalho, emprego e ocupação, além da definição de precarização e flexibilização do trabalho. O método escolhido foi o de levantamento ou survey, sendo que a população do survey foi composta pelos egressos dos cursos técnicos de dez dos 12 CEM dos anos de 2010, 2011 e 2012. A amostra foi considerada probabilística aleatória simples e o instrumento de coleta de dados escolhido foi o questionário autoadministrado via internet. Para analisar os dados, foi utilizada a estatística descritiva, realizada a partir de análises univariadas, bivariadas e comparação de subgrupos, e a estatística inferencial, realizada através de testes de significância estatística. Neste trabalho, a inserção profissional é considerada um percurso, um processo educativo. O percurso da inserção profissional dos egressos dos CEM é esboçado a partir dos traços deixados por esses egressos, imprescindíveis para demarcar aspectos que demonstram as relações que os egressos estabelecem entre o curso técnico oferecido pelos CEM e suas escolhas profissionais. Os resultados indicaram que os percursos de inserção profissional dos egressos são marcados por características sócio-demográficas, como idade, raça/etnia, sexo e religião; pela precocidade, tanto da formação quanto da atuação profissional; pela continuidade da formação, seja na área de música ou em outras áreas; e, em alguns casos, pela disfunção da inserção profissional, já que nem todos passam a atuar profissionalmente na área do curso depois de o terem concluído. Em relação às condições da atuação profissional, apesar da precariedade e flexibilidade no trabalho e dos baixos salários, abaixo da média nacional para a maioria dos egressos, a satisfação dos egressos com seu trabalho atual é alta e a avalição dos cursos, para a grande maioria dos egressos, bastante positiva; o mercado na área de música se caracteriza pela crise do emprego e não do trabalho. As atividades musicais realizadas profissionalmente pelos egressos são variadas e têm relação com vários momentos do sistema cultural, indicando que, embora os cursos técnicos dos CEM tenham como finalidade central a formação de cantores e instrumentistas, eles não fixam uma identidade única para seus egressos. A inserção profissional dos egressos é caracterizada como um mosaico de trajetórias, que se constitui a partir de egressos que permanecem na área de música, seja estudando, trabalhando, ou estudando e trabalhando, egressos que se deslocam para outras áreas, porque não encontraram as condições de trabalho desejadas ou porque não buscavam se profissionalizar em música, e egressos que se mantêm vinculados à área de música, participando de grupos musicais e desenvolvendo trabalho voluntário. Esses resultados poderão subsidiar a avaliação e o planejamento dos cursos técnicos dos CEM, contribuindo, assim, para uma melhor compreensão da articulação dos cursos com o mercado de trabalho da área de música e, de modo mais amplo, com a sociedade.
Abstract The general aim of the present research was to investigate the professional insertion of the former students of the Minas Gerais State Conservatories of Music (CEM) technical education programs. The specific objectives aimed to identify who are the CEM‟s former students; to map their professional activities; to examine their working conditions; and to analyze how they evaluate the technical program they have attended. This research was guided by the concepts of professional insertion, labor, employment and occupation, as well as by the definition of job insecurity and work flexibility. The method chosen to carry out this study was the survey, and students, who have completed the technical education program from 10 out of the 12 CEMs in the years 2010, 2011 and 2012, composed the sample population of the survey. A random probabilistic sampling was used and the data collection instrument chosen was a self-administrated on-line questionnaire. In order to analyze the data, descriptive statistics was carried from univariate, bivariate and sub-group comparison analyzes, and inferential statistics undertaken through tests of statistical significance. Throughout this research, the professional insertion is considered a path, an educational process. The professional insertion path of the former CEM students is outlined from traces left by them, traces that are essential to demarcate the aspects that show the relation that the former students establish between the technical education offered by the CEM and their professional career choices. The results indicate that the former student‟s professional insertion path is marked by social-demographical characteristics, such as age, race/ethnicity, sex and religion; by precociousness, both in their formation and in their professional performance; by a continuity of their professional formation, in the musical field or in other areas of study; and, in some cases, by a professional insertion dysfunction, since not all of the former students have been working in the area of their formal training. Regarding the working conditions, in spite of the job insecurity, work flexibility and the low salaries – which are below the national average for most of the former students, their satisfaction with their jobs is high and the courses evaluation – for the majority of the former students – is very positive. The job market for music careers is characterized by an employment crisis and not by a working crisis. The former students perform various musical activities related to different moments of the cultural system. This fact indicates that, although the CEM‟s technical programs have as their main goal the formation of singers and instrument players, they do not attach a unique identity to their former students. A mosaic of trajectories characterizes the former CEM students‟ professional insertion. This mosaic is constituted by former students that continue to work in the music field – either as students, as professionals or as both students and professionals; former students who migrate to different careers because they couldn‟t find the desired working conditions or because they did not want to professionalize in music; and former students who are still attached to the musical field through the participation in musical groups and/or developing volunteer work. The results of the present research can enable the evaluation and planning of the CEMs, and therefore contribute to a better understanding of the programs‟ articulations with the job market for music graduates and, in a broader way, with the whole society.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/122546
Arquivos Descrição Formato
000968553.pdf (2.047Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.