Repositório Digital

A- A A+

Incidência de cancro cítrico (Xanthomonas axonopodis pv. citri) em pomares de laranjeiras 'Valencia' com poda sanitária e pulverizações com produtos cúpricos, abamectin e calda sulfocálcica

.

Incidência de cancro cítrico (Xanthomonas axonopodis pv. citri) em pomares de laranjeiras 'Valencia' com poda sanitária e pulverizações com produtos cúpricos, abamectin e calda sulfocálcica

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Incidência de cancro cítrico (Xanthomonas axonopodis pv. citri) em pomares de laranjeiras 'Valencia' com poda sanitária e pulverizações com produtos cúpricos, abamectin e calda sulfocálcica
Outro título Incidence of citrus canker (Xanthomonas axonopodis pv. Citri) in 'Valencia' groves after sanitary prunings, copper, abamectin and lime sulfur sprays
Autor Theisen, Sergiomar
Orientador Koller, Otto Carlos
Data 2007
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Fitotecnia.
Assunto Cancro cítrico
Controle químico : Doenca de planta
Laranja Valência
Poda
Pulverizacao
Resumo O cancro cítrico (Xanthomonas axonopodis pv. citri Vauterin et al.) está presente em praticamente todos os continentes, causando prejuízos, por vezes expressivos à produção de citros. O estudo de medidas de controle assume grande importância, principalmente em áreas onde a doença atingiu o nível endêmico. O objetivo deste trabalho foi estudar formas alternativas de controle do cancro cítrico em pomar comercial de laranjeiras ‘Valência’ (Citrus sinensis L. Osbeck) enxertadas sobre Poncirus trifoliata Raf., situado no município de Butiá, RS, onde a doença é endêmica. Foram instalados dois experimentos, no primeiro, foi testada a utilização de poda sanitária, de tecidos infectados, em combinação com pulverizações com três produtos cúpricos, cada qual em concentrações de 0,1 e 0,2% de cobre metálico, realizadas duas semanas após o início de um forte fluxo de brotação. No segundo experimento, foram testadas pulverizações com inseticida abamectin para controle do minador-doscitros (Phyllocnistis citrella Stainton) e pulverizações com calda sulfocálcica a 5 e/ou 12%, no outono (maio) e no início do segundo forte fluxo de brotação (dezembro, início do verão), respectivamente. Os resultados do primeiro experimento indicam que: a poda sanitária exerce maior controle do cancro cítrico em anos de poucas chuvas no período de crescimento das plantas; os produtos cúpricos, nas concentrações de 0,1 e 0,2% de cobre metálico nas formulações calda bordalesa, oxicloreto e hidróxido de cobre, pulverizados duas semanas após o início de um forte fluxo de brotação, reduzem a incidência de cancro cítrico; as pulverizações cúpricas aumentam a produção de frutos sadios, sendo economicamente vantajosas. No segundo experimento, verificou-se que as pulverizações com 5 e/ou 12% de calda sulfocálcica, não diminuem a incidência de cancro cítrico e que a aplicação de abamectin para controle do minador-dos-citros e do cancro cítrico, em pomares, é desnecessária.
Abstract Citrus canker (Xanthomonas axonopodis pv. citri Vauterin et al.) is a world wide spread disease causing significant losses to growers. Control measures are very important where the disease has become endemic. In the present work alternative control treatments were evaluated in a ‘Valencia’ (Citrus sinensis Osbeck) grafted onto Poncirus trifoliata Raf. grove located in Butia, RS, Brazil, where the disease is already established. Two experiments were conducted. In the first one, sanitary pruning was tested in combination with copper sprays. Three sources of copper at concentrations of 0,1% or 0,2% of Cu+2 were applied two weeks after growth flushes. In the second experiment sprays with the insecticide abamectin to control citrus leaf miner (Phyllocnistis citrella Stainton) were tested in combination with lime sulfur sprays at 5% in May (autumn) or 12% at the beginning of the second growth flush (December, early summer). The results of the first experiment indicate that sanitary pruning exerts a good citrus canker control in years of less rain during the growing seasons; copper sprays at 0,1% or 0,2% of Cu+2 in formulations of bordeaux mixture, copper oxichloride and hydroxide applied two weeks after the first growth flush reduce citrus canker incidence; copper sprays increase the number of healthy fruit. From the data of the second experiment it is possible to conclude that lime sulfur sprays of 5% and/or 12% do not reduce citrus canker incidence and that abamectin sprays to control citrus leaf miner and citrus canker are not necessary.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/12502
Arquivos Descrição Formato
000621982.pdf (996.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.