Repositório Digital

A- A A+

Vida na rede : uma análise antropológica da virtualidade

.

Vida na rede : uma análise antropológica da virtualidade

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Vida na rede : uma análise antropológica da virtualidade
Autor Dornelles, Jonatas
Orientador Oliven, Ruben George
Data 2008
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social.
Assunto Antropologia urbana
Cibercultura
Ciberespaço
Interação social
Internet
Internet : Aspectos antropológicos
Lan house
Orkut (Site)
Second Life (Jogo)
Sociabilidade virtual
[en] Cyberculture
[en] Cyberspace
Resumo Essa tese de doutorado tem o caráter antropológico e é o resultado de uma investigação sobre a virtualidade gerada pelo ciberespaço, que é materializado na Rede de computadores da Internet e as atuais tecnologias digitais e informáticas. Foram pesquisadas três instâncias empíricas em que a dimensão virtual se consolida como condição de interação social: praticantes de jogos virtuais em ambientes de Lan House; usuários da plataforma virtual do Orkut; e, o espaço virtual 3D disponibilizado pelo software Second Life. O trabalho analítico e comparativo considerou as especificidades de cada situação investigada e as recorrências passíveis de generalização. O objetivo do estudo foi responder às perguntas de como os indivíduos contemporâneos lidam com trânsito regular entre as dimensões do on-line (virtual) e do off-line (real), assim como investigar em que medida suas vidas são afetadas pela alternância constante entre esses modos espacial e temporalmente diferentes de comunicação e de interação social. Seguindo o caráter antropológico do estudo foi possível reconstruir os diversos sentidos dados pelos sujeitos ao que seria uma “vida” virtual conectada à “vida” real, que deve ser considerada a condição contemporânea de existência e de representação da realidade dos segmentos investigados.
Abstract This PhD thesis has an anthropological character and it is the result of an investigation on the virtuality generated by the cyberspace that is materialized in the Internet and the current digital technologies and computer sciences. Three empirical instances were researched which the virtual dimension consolidates as condition of social interaction: players of virtual games in Lan House atmosphere; users of the virtual platform of Orkut; and, the virtual 3D space showed by the Second Life software. The analytic and comparative work considered the specific elements of each situation investigated and the possible agreement among them. The objective of the study was to answer to the questions of how contemporary individuals work with the regular traffic among the virtual and real dimensions, and how they lives are affected by the constant alternation between those different forms of time and space communication and social interaction. Following the anthropological character of the study, was possible to reconstruct the several meanings given by the subjects to the "virtual life" connected to the "real life", that should be considered as being the contemporary condition of existence and representation of the reality by the investigated segments.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/12517
Arquivos Descrição Formato
000627358.pdf (1.885Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.