Repositório Digital

A- A A+

Avaliação clínica retrospectiva de restaurações estéticas : classe III, IV e V

.

Avaliação clínica retrospectiva de restaurações estéticas : classe III, IV e V

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação clínica retrospectiva de restaurações estéticas : classe III, IV e V
Outro título Retrospective clinical evaluation of esthetic restorations : class III, IV and V
Autor Vieira, Rodrigo Monteiro
Orientador Coelho de Souza, Fábio Herrmann
Data 2015
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. Programa de Pós-Graduação em Odontologia.
Assunto Dentistica operatoria
Estetica dentaria
Resinas compostas
Restauracoes
[en] Composites resin
[en] Permanent dental restoration
[en] Retrospective studies
Resumo O objetivo do presente estudo foi realizar uma avaliação clínica retrospectiva de restaurações diretas de resina composta de classe III, IV e V em dentes anteriores e pré-molares utilizando os métodos USPHS e FDI. Oitenta e sete pacientes foram selecionados através de uma pesquisa dos prontuários presentes no Setor de Acolhimento da Faculdade com restaurações realizadas entre 2000 a 2013 que possuíam um período mínimo em boca de 6 meses. Foram incluídos pacientes adultos de ambos os sexos que receberam tratamento com restaurações de classe III, IV ou V realizadas com as resinas compostas: Charisma, Z350 XT, Durafill VS, Esthet-X HD, Fillmagic e Opallis; realizadas com sistema adesivo convencional; em dentes vitais ou não vitais. Aqueles pacientes que possuíam higiene oral precária ou com necessidades especiais não foram incluídos no estudo. A avaliação clínica foi feita através dos métodos USPHS e FDI modificados por um examinador calibrado. A análise de sobrevivência das restaurações foi realizada através do método Kaplan-Meier e teste Log-Rank para comparação entre os grupos. A regressão de Cox multivariada e Hazard Ratio foram empregadas para verificar os fatores associados à falha das restaurações. O nível de significância foi de 5%. Foram avaliadas 272 restaurações, com um intervalo de tempo em boca de 8 meses até 13 anos (média - 4,8 anos). Foram avaliadas 120 restaurações classe III, entre elas, 15 apresentaram falhas (12,5%), com uma taxa de falha anual de 2,74%. Já para as restaurações de classe IV, realizou-se a avaliação de 80 restaurações, 38 demonstraram falhas (47,5%), como uma taxa de falha anual de 12,6%. E para as de classe V, foram analisadas 72 restaurações, sendo observada a presença de falhas em 27 delas (37,5%), com uma taxa de falha anual de 9,3%. O motivo mais comum de falha foi por fratura e/ou retenção para as três classes, ocorrendo em 73 casos. Dentes não vitais demonstraram 50% de falha em um tempo médio de 4,8 anos com uma taxa de falha anual de 13,4%; enquanto os dentes vitais apresentaram 28,1% de falha com uma taxa de falha anual de 6,6%. A regressão de Cox revelou associação entre marca comercial do compósito, classe da restauração e vitalidade pulpar com falha das restaurações. Conclui-se que restaurações de resina composta demonstraram um desempenho clínico satisfatório ao longo do tempo, apresentando sucesso em 70,6% dos casos em uma média de 4,8 anos, sendo que as de classe III apresentaram melhor desempenho clínico que classe V e classe IV e as restaurações em dentes desvitalizados apresentaram 2,37 vezes mais risco de falhas que restaurações em dentes vitais. Os principais motivos de falha para todos os tipos de restauração foi por fratura e/ou perda de retenção. Os dois métodos (USPHS e FDI) se demonstraram eficazes no processo de avaliação clínica em restaurações em dentes anteriores.
Abstract The aim of this study was to evaluate direct composite restorations Class III, IV, V in anterior teeth and premolars through the USPHS and FDI methods. Eighty-seven patients were selected through a search of the patients’ records present in the School of Dentistry. Restorations performed between 2000 to 2013 which a minimum of six months in mouth were selected. Adult patients of both sexes were included, who received treatment with restorations class III, IV or V with the follow composites: Charisma, Z350 XT, Durafill VS, Esthet-X HD, Fillmagic and Opallis; all restorations with total etch adhesive system; on vital and non-vital teeth. Patients with poor oral hygiene or special needs were not included in the study. Clinical evaluation was performed by USPHS and FDI modified methods, by one calibrated examiner. The survival of the restorations was analyzed using the Kaplan-Meier method and log-rank test to compare the groups, and multivariate Cox regression and hazard ratio were employed to identify factors associated with the failure of the restorations. The significance level was 5%. 272 restorations were evaluated with a time interval in service from 8 months to 13 years (mean 4.8 years). 120 class III restorations were evaluated, among them, 15 had failures (12.5%), with an annual failure rate of 2.74%. For the class IV type, 80 restorations were evaluated, 38 demonstrated failures (47.5%), with an annual failure rate of 12.6%. And for the class V, 72 restorations were analyzed, being observed the presence of failures in 27 of them (37.5%), with annual failure rate of 9.3% .The most common reason for failure was fracture or retention loss, for the three types of classes, occurring in 73 cases. Non-vital teeth showed 50% of failure in an average of 4.8 years, with an annual failure rate of 13.4%; while the vital teeth showed 28.1% of failure, with an annual failure rate of 6.6%. Cox regression revealed an association between brands, class type and tooth vitality with failures of the restorations. It was concluded that composite restorations showed a satisfactory clinical performance over time, with success in 70.6% of cases in a mean time of 4.8 years. Class III showed better clinical performance than class IV and V. Non-vital teeth restorations had 2.37 times the risk of failures than vital teeth. The main reasons for failure for all types of restoration was fracture and / or retention loss. Both methods (USPHS and FDI) demonstrated efficient in the process of clinical evaluation for anterior teeth.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/125809
Arquivos Descrição Formato
000971785.pdf (1.092Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.