Repositório Digital

A- A A+

Práticas de educação não escolar entre a precarização e a profissionalização

.

Práticas de educação não escolar entre a precarização e a profissionalização

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Práticas de educação não escolar entre a precarização e a profissionalização
Outro título Practices of non-school education between precarization and professionalization
Autor Moura, Eliana Perez Goncalves de
Zucchetti, Dinora Tereza
Menezes, Magali Mendes de
Resumo O texto busca analisar os efeitos da emergência do terceiro setor – fruto da nova organização produtiva – que afetou inúmeros coletivos de trabalhadores, dentre os quais os sujeitos que atuam em projetos socioeducativos. Considerando o movimento nacional de luta pela profissionalização, expresso em parte na proposição do Projeto de Lei n. 5346/09 como um processo que escamoteia um mecanismo de naturalização das desigualdades, reflete-se sobre a relação entre a inserção laboral, a formação profissional e os processos de precarização que têm caracterizado a prática laboral desses educadores no contexto contemporâneo. Neste texto, ensaiamos uma breve reflexão teórica baseada em dados de uma pesquisa – do tipo qualitativa, na modalidade de pesquisa-formação – desenvolvida junto a um grupo de 11 educadores que atuam em projetos socioeducativos executados por organizações governamentais, não governamentais e do terceiro setor, na cidade de Novo Hamburgo/RS. Também se discute a ideia da formação em serviço como resultado da precarização do trabalho e desta como reflexo da funcionalidade presente em programas e projetos socioeducativos. Ante uma tendência a uma leitura “naturalizante” dessa relação, abordamos o tema sob essa perspectiva para propor uma análise que proporcione a compreensão dos mecanismos de produção e reprodução social desse fazer profissional.
Abstract This paper aims to analyze the effects of the emergence of the third sector – result of a new organization of production –, which affected the collectives of a number of workers, including those working in socio-educational projects. Considering the national movement for professionalization, partly expressed in the proposal of Bill n. 5346/09, as a process which conceals a mechanism that naturalizes inequalities and reflects on the relationship between labor insertion, professional training and the processes of pauperization that have characterized the work practice of these educators in the contemporary context. In this paper, we outlined a brief theoretical reflection based on data from a qualitative training research conducted with a group of eleven educators who work in socio-educational projects implemented by governmental, non-governmental and third sector organizations in the city of Novo Hamburgo, Southern Brazil. This study also discusses the idea of in-service training as a result of the precarization of working conditions and the idea of this precarization as a reflection of the functionality present in socio-educational programs and projects. In view of a trend to “naturalize” this relationship, we approach the topic from this perspective to propose an analysis that provides a better understanding of the mechanisms of production and social reproduction of this professional performance.
Contido em Trabalho & educação. Vol. 23, n. 3 (set./dez. 2014), p. 87-100
Assunto Educação não-formal
Formação de professores
Profissionalização
Trabalho
[en] Educators’ training
[en] Non-school education
[en] Precarized work
[en] Professionalization
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/126282
Arquivos Descrição Formato
000964568.pdf (163.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.