Repositório Digital

A- A A+

Fatores motivacionais que influenciam na prática dos atletas participantes do evento Festival Gaúcho de Hóquei Indoor 2014

.

Fatores motivacionais que influenciam na prática dos atletas participantes do evento Festival Gaúcho de Hóquei Indoor 2014

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Fatores motivacionais que influenciam na prática dos atletas participantes do evento Festival Gaúcho de Hóquei Indoor 2014
Autor Stone, Rodrigo Fehlberg
Orientador Voser, Rogerio da Cunha
Data 2015
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Educação Física. Curso de Educação Física: Licenciatura.
Assunto Hoquei
[en] Field hockey
[en] Indoor hockey
[en] Motivation
Resumo Este estudo quantitativo, de cunho descritivo-exploratório teve por objetivo geral verificar os fatores motivacionais que influenciam os atletas na prática do hóquei indoor. O estudo contou com 64 jovens atletas de ambos os sexos, com idades entre 9 e 19 anos, que participaram do Festival Gaúcho de Hóquei Indoor, que ocorreu no dia 31 de maio de 2014, na cidade de Farroupilha/RS. Para aquisição dos dados relacionados aos motivos da prática esportiva, foi utilizada a "Escala de Motivos para Prática Esportiva" (EMPE), a qual foi validada por Barroso (2007) para população brasileira e é composta por 33 questões. Como a medida foi feita em uma escala nominal, foram estabelecidos os seguintes critérios: "nada importante" (para o nível 0), "pouco importante" (para os níveis 1,2 e 3), "importante" (para os níveis 4,5 e 6), "muito importante" (para os níveis 7,8 e 9), e "totalmente importante" (para o nível 10). Posteriormente, as questões foram agrupadas em 7 domínios motivacionais, assim denominados: status, condicionamento físico, energia, contexto, técnica, afiliação e saúde. Para a análise dos dados, foi utilizada a estatística descritiva com a apresentação das médias, o Teste t de Student para amostras independentes na comparação das médias e o Coeficiente de Correlação de Pearson para a relação entre idade e os motivos. Os resultados demonstraram que o fator saúde obteve a maior média em ambos os sexos; apenas no fator energia foi revelada uma diferença estatística significativa (p<0,05) entre os sexos dos praticantes; ainda foi possível observar que o sexo feminino obteve médias superiores em todos os fatores; não houve nenhuma correlação estatística significativa (p<0,05) entre os escores médios dos motivos para a prática do esporte e a idade dos praticantes. Importante que outros estudos relativos ao Hóquei sejam realizados com uma amostra maior e com atletas de alto rendimento.
Abstract This quantitative study was a descriptive-exploratory general objective was to verify the motivational factors that influence athletes in the practice of indoor hockey. The study included 64 young athletes of both genders, aged between 9 and 19 years who participated in the Gaucho Indoor Hockey Festival, which took place on May 31, 2014, in the town of Farroupilha/RS. For reasons related to the acquisition of sports data "Scale Motives for Sport Practice" (EMPE), which was validated by Barroso (2007) for the Brazilian population and consists of 33 questions was used. Because the measurement was made at a nominal scale, the following criteria were established: "anything important" (at level 0), "somewhat important" (for levels 1,2 and 3), "important" (for levels 4, 5 and 6), "very important" (for levels 7,8 and 9), and "all important" (for level 10). Subsequently, questions were grouped into seven motivational domains, so-called status, physical fitness, energy, environment, technology, membership and health. For data analysis, descriptive statistics with the presentation of means was used, the Student t test for independent comparison of the averages and the Pearson correlation coefficient for the relationship between age and reasons samples. The results showed that the health factor had the highest average in both sexes; only the power factor was revealed a statistically significant difference (p <0.05) between the sexes practitioners; is also observed that females had higher averages in all factors; there was no statistically significant correlation (p <0.05) between the mean scores of the reasons for the sport and the age of the practitioners. Important that other studies of Hockey are conducted using a larger sample and with high performance athletes.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/126457
Arquivos Descrição Formato
000973032.pdf (563.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.