Repositório Digital

A- A A+

Presença e extensão dos atributos da atenção primária à saúde entre os serviços de atenção primária em Porto Alegre : uma análise agragada

.

Presença e extensão dos atributos da atenção primária à saúde entre os serviços de atenção primária em Porto Alegre : uma análise agragada

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Presença e extensão dos atributos da atenção primária à saúde entre os serviços de atenção primária em Porto Alegre : uma análise agragada
Autor Oliveira, Mônica Maria Celestina de
Orientador Harzheim, Erno
Riboldi, João
Data 2007
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Epidemiologia.
Assunto Análise transversal
Atenção primária à saúde
Porto Alegre (RS)
Saúde da família
Serviços de saúde
[en] Primary health care
[en] Research on health services
[en] The family health strategy
Resumo Os atributos da Atenção Primária à Saúde (APS) são reconhecidos como eixos estruturantes do processo de APS e associados à qualidade dos serviços. O instrumento PCATool (Primary Care Assessment Tool) permite a mensuração da extensão destes atributos através da experiência dos usuários. Objetivo: Avaliar a qualidade da atenção nos diferentes serviços de APS existentes em Porto Alegre. Método: Estudo transversal de base populacional em adultos adscritos à rede pública de APS (Unidade Básica de Saúde, Estratégia Saúde da Família, Murialdo, Serviço de Saúde do Conceição) e usuários da Caixa de Assistência dos Funcionários do Banco do Brasil, desenhado com amostragem complexa e analisado com método de Linearização de Taylor. Resultados: observaram-se diferenças significativas entre os escores da APS para os diferentes serviços (Escore Geral com P < 0,05 em relação às UBS). Presença de co-morbidades (RP 1,46 - P=0,005), utilização da ESF (RP=2,52) e GHC (RP=5,11) como serviço preferencial estão associadas à forte orientação à APS (P<0,001). Conclusão: A maior orientação à APS presente na ESF justifica a sua escolha como modelo de expansão e qualificação da APS em Porto Alegre.
Abstract The attributes of Primary Health Care (PHC) are recognized as structural axis of the PHC and they are associated to the quality of the services. The Instrument PCATool (Primary Care Assessment Tool) allows the measurement of the extension of these attributes through the experience and contact with users. Goals - Evaluate the quality of health care in different services of PHC in Porto Alegre city. Method –Cross-sectional study with adult users of the PHC services (Basic Health Service-UBS, Family Health Stategy-ESF,Murialdo-CSEM, Health,Service Conceição-GHC) and users of Caixa de Assistência dos Funcionários do Banco do Brasil –CASSI, with complex sample and analysed with method Taylor Linearized. Results - We observed statistically significant differences of scores among different services of PHC (Global Scores P < 0,05 compared with Traditional Basic Health Service). Presence of co-morbities (RP=1,46 – P <0,001) and utilization of ESF (RP=2,52) and GHC (RP=5,11) as the preferential service are associated with a strong PHC orientation (P <0,001). Conclusions – ESF’s highest score for PHC justifies the choice of this model for expansion and qualification of PHC in Porto Alegre.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/12649
Arquivos Descrição Formato
000631287.pdf (2.644Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.