Repositório Digital

A- A A+

Soroepidemiologia de Toxoplasma gondii em felinos domiciliados atendidos em clínicas particulares de Porto Alegre, RS, Brasil

.

Soroepidemiologia de Toxoplasma gondii em felinos domiciliados atendidos em clínicas particulares de Porto Alegre, RS, Brasil

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Soroepidemiologia de Toxoplasma gondii em felinos domiciliados atendidos em clínicas particulares de Porto Alegre, RS, Brasil
Autor Pinto, Luciane Dubina
Orientador Araujo, Flávio Antônio Pacheco de
Data 2007
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Veterinária. Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias.
Assunto Anticorpos
Parasitologia veterinaria : Gatos
Soroepidemiologia : Toxoplasma gondii
Toxoplasma gondii
[en] Antibodies against Toxoplasma gondii
[en] Cats
[en] IHA
[en] IIF
[en] Porto Alegre
Resumo O Toxoplasma gondii é um parasito coccídio que se localiza intracelularmente em vários órgãos e tecidos de uma ampla gama de hospedeiros. O estudo da soroepidemiologia, deste parasito, na espécie felina é de grande relevância, pois o estreito convívio de seres humanos com esses animais pode acarretar na transmissão de algumas doenças como a toxoplasmose. Com o objetivo de contribuir com dados sobre a freqüência de anticorpos para Toxoplasma gondii em felinos domiciliados da cidade de Porto Alegre, os soros desses animais foram avaliados pelas técnicas de Hemaglutinação Indireta (HAI) e Reação de Imunofluorescência Indireta (RIFI). A freqüência de anticorpos de T. gondii para a amostragem em 245 soros felinos foi de 26,94% pela técnica de HAI e 37,96% pela técnica de RIFI. Dados epidemiológicos foram incluídos no trabalho, como gênero, raça, idade, acesso ou não à rua e tipo de alimentação. Estes parâmetros foram analisados estatisticamente para mensurar suas influências nos resultados obtidos com os testes. A percentagem de co-positividade e co-negatividade nas duas técnicas foi de 56% e 90%, respectivamente, e uma percentagem de concordância total de 77,5%, enquanto que o valor Kappa foi de 0.49. Este estudo mostra que os valores encontrados são relativamente altos, levando-nos a crer, que estes felinos, em algum momento de sua existência poderiam ser fonte de contaminação ambiental, como potenciais eliminadores de oocistos, principalmente aqueles que têm livre acesso à rua.
Abstract Toxoplasma gondii is an intracellular coccidian parasite that infects several organs and tissues in a large variety of hosts. Its seroepidemiology in feline species is of great value since the close relationship between human beings and cats may serve as a vector for the transmission of some diseases such as toxoplasmosis. The sera of 245 cats from Porto Alegre, southern Brazil, were submitted to indirect hemagglutination antibody (IHA) test and to indirect immunofluorescence (IIF) assay in order to determine the frequency of antibodies against Toxoplasma gondii. The IHA test showed that 26.94% of the cats had antibodies against Toxoplasma gondii compared to 37.96% in the IIF assay. Epidemiological data such as gender, race, age, access or not to the street and eating behavior were assessed. These parameters were statistically analyzed to measure the influence on test results. The co-positive and co-negative values amounted to 56 and 90% for the IHA test and IIF assay, respectively, yielding an overall agreement of 77.5% and a kappa coefficient of 0.49. The rates obtained by this study are relatively high, leading us to the assumption that these cats, mainly those with free access to the street, could be a source of environmental contamination, due to oocyst shedding, at some time over the course of their lifetime.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/12703
Arquivos Descrição Formato
000633355.pdf (607.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.