Repositório Digital

A- A A+

Características da gestação inicial e reconhecimento materno da prenhez na égua

.

Características da gestação inicial e reconhecimento materno da prenhez na égua

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Características da gestação inicial e reconhecimento materno da prenhez na égua
Autor Canal, Vanessa
Orientador Mattos, Rodrigo Costa
Co-orientador Schmitt, Frederico Lança
Data 2015
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Veterinária. Curso de Medicina Veterinária.
Assunto Ciclo estral : Eguas
Desenvolvimento embrionário
Prenhez
Reproducao animal : Equinos
[en] Deployment
[en] Embryonic development
[en] Embryonic loss
[en] Estrous cycle
[en] Luteolysis
[en] Mare
[en] Maternal recognition of pregnancy
Resumo As taxas de perda embrionária precoce são altas na espécie equina durante o período de peri-implantação. Estima-se que 16 a 17% das gestações diagnosticadas no 15º dia são perdidas, sendo a maioria delas, entre os dias 15 e 35. Portanto, o conhecimento dos eventos biológicos e moleculares associados a este período da gestação em éguas são de extrema importância econômica, e por isso a necessidade de estudá-los. Muitos aspectos do início da gestação na égua mostram-se únicos desta espécie e têm importante significado prático na medicina veterinária. A interação entre o embrião e o ambiente uterino é fundamental para que o desenvolvimento embrionário precoce, a implantação e a manutenção da gestação ocorram de maneira adequada. Quando chega no útero, o embrião indica sua presença e interrompe a continuação do ciclo estral, promovendo a manutenção da gestação, em um processo chamado de reconhecimento materno da prenhez. Em suínos e ruminantes, esse sinal derivado do embrião que inibe a luteólise mantendo a gestação já é conhecido, ao contrário da espécie equina.
Abstract Early embryonic loss rates are high in the equine species during the peri-implantation period. It is estimated that 16-17% of the pregnancies diagnosed on the day 15 are lost, most of these, between day 15 and 35. Therefore, knowledge of the biological and molecular events associated with this period of pregnancy in mares is of great economic importance and so the need to study them. Many aspects of early pregnancy in the mare are unique of this species and have important significance in veterinary medicine. The interaction between the embryo and the uterine environment is fundamental so that early embryonic development, deployment and maintenance of pregnancy occur properly. When it arrives in the uterus, the embryo indicates its presence and stops the continuation of the estrous cycle, promoting the maintenance of pregnancy, in a process called maternal recognition of pregnancy. In pigs and ruminants, this signal derived from the embryo that inhibit luteolysis maintaining the pregnancy is known, on the contrary of the equine species.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/127065
Arquivos Descrição Formato
000973002.pdf (621.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.