Repositório Digital

A- A A+

Neoplasmas de cavidade oral em cães

.

Neoplasmas de cavidade oral em cães

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Neoplasmas de cavidade oral em cães
Autor Kersting, Aline Borges
Orientador Driemeier, David
Co-orientador Fredo, Gabriela
Data 2015
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Veterinária. Curso de Medicina Veterinária.
Assunto Ameloblastoma
Cães : Doenças : Diagnóstico
Melanoma : Cirurgia
Neoplasia : Tratamento
Neoplasias bucais
Patologia e clinica veterinaria
[en] Acanthomatous ameloblastoma
[en] Dogs
[en] Malignant melanoma
[en] Neoplasm
[en] Oral cavity
[en] Peripheral odontogenic fibroma
Resumo A cavidade oral é um local comum para o desenvolvimento de tumores em pequenos animais, superado por tumores de pele e tecidos conjuntivos, tumores mamários e hematopoiéticos. Este trabalho teve como objetivo fazer um estudo retrospectivo dos casos de neoplasmas orais em cães diagnosticados por exame histológico no Setor Patologia Veterinária (SPV) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), de 2005 a 2014, e reclassificar todos os neoplasmas anteriormente denominados de “Epúlides” de acordo com a literatura atual. Os arquivos dos exames anatomopatológicos foram revisados e os casos de neoplasmas de cavidade oral em cães foram selecionados. Destes casos, foram compilados e agrupados os dados referentes ao diagnóstico, à idade, à raça, ao sexo e à localização anatômica, para posterior análise de dados. Durante o período o SPV-UFRGS processou 512 amostras de biopsias de cavidade oral de cães, dessas, 493 amostras tiveram diagnóstico conclusivo e foram incluídas no estudo. Os neoplasmas não odontogênicos malignos mais frequentes foram o melanoma, o fibrossarcoma e o carcinoma de células escamosas, e os benignos foram o plasmocitoma e o papiloma oral. Dentre os neoplasmas odontogênicos, os mais observados foram o ameloblastoma acantomatoso (epúlide acantomaso) e o fibroma odontogênico periférico (epúlide fibromatoso e ossificante) A idade média dos cães acometidos foi de 9,4 anos, sendo a faixa etária entre oito e 11 anos a mais frequente. As fêmeas foram mais acometidas com 54,96% (260/473) em relação aos machos com 45,04% (213/473) dos casos em que o sexo foi informado. Quanto à raça, os cães sem raça definida foram os mais afetados, seguidos pelos cães da raça Poodle e pelos cães da raça Cocker Spaniel. O estudo retrospectivo baseado na coleta de dados é de suma importância na Medicina Veterinária, onde por meio destes é possível, agrupar dados clínicos e patológicos sobre as doenças, determinar a prevalência de uma enfermidade e a distribuição geográfica. Auxiliando o médico veterinário clínico no diagnóstico, e por consequência proporcionando um melhor prognóstico para o animal afetado.
Abstract The oral cavity is a common site for development of tumors in small animals, surpassed only by tumors of skin and of connective tissues, hematopoietic system and mammary glands. This study describes a retrospective study of oral neoplasms diagnosed in dogs by histological examination in the Setor Patologia Veterinária (SPV) from Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) in the period from 2005 to 2014, and histologically reclassify all neoplasms previously called "epulides" according to the current literature. A database search was reviewed and cases of oral cavity neoplasms in dogs were selected. The diagnosis and the anatomical location of the tumors as well as pacient information like age, breed and sex were compiled, grouped and analyzed. During the period the SPV-UFRGS processed 512 biopsies of the oral cavity of dogs, of these, 493 biopsies were conclusive diagnosis and were included in the study. Malignant melanoma, fibrossarcoma and Squamous Cell Carcinoma were the most commom malignant non odontogenic tumors, and plasmocytoma and the oral papilloma were the most commom benign type. Among the odontogenic neoplasms, the most commonly observed were acanthomatous ameloblastoma (acanthomatous epulides) and peripheral odontogenic fibroma (fibromatous and ossifying epulides). The average age of affected dogs was 9.4 years, and the age range between eight and 11 years. Females were more affected by 54.96% (260/473) than males by 45,04% (213/473) of cases where sex was reported. Mixed breed dogs were most affected, followed by Poodles and Cocker Spaniel. Retrospective studies based on data collection are a great source of information in veterinary medicine. Based on them, it is possible to evaluate clinical and pathological aspects of a disease state, determine its prevalence and geographic distribution, helping the veterinarian clinician to determine a final diagnosis and prognosis for the patient.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/127071
Arquivos Descrição Formato
000971290.pdf (358.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.