Repositório Digital

A- A A+

Eficiência do uso de sanitizantes na higienização de carcaças de frango com contaminação fecal

.

Eficiência do uso de sanitizantes na higienização de carcaças de frango com contaminação fecal

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Eficiência do uso de sanitizantes na higienização de carcaças de frango com contaminação fecal
Autor Paludo, Joana
Orientador Kindlein, Líris
Co-orientador Valle, Stella de Faria
Data 2015
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Veterinária. Curso de Medicina Veterinária.
Assunto Ácidos orgânicos
Avaliação microbiológica
Avicultura
Contaminação de alimentos
Higienização
Sanitizacao : Alimentos
[en] Contamination
[en] Organic acids
[en] Poultry
Resumo A contaminação fecal é umas das principais causas de perdas econômicas na indústria avícola. A fim de encontrar uma alternativa para o melhor aproveitamento das carcaças ou partes das carcaças de frangos de corte contaminadas, o objetivo do presente trabalho foi avaliar a eficiência sanitizante de ácidos orgânicos (ácido propiônico 2% (v/v) e ácido lático 2% (v/v)) em carcaças de frango com contaminação fecal na superfície externa através de avaliação microbiológica das carcaças antes e após o processo de sanitização. Foram coletadas 15 carcaças de frango contaminadas (fezes), lavadas em água corrente com 3 atm de pressão para diminuição da matéria orgânica e distribuídas em três (3) tratamentos: T1- ácido propiônico 2%, T2- ácido lático 2% e T3- água hiperclorada 15ppm (tratamento controle). A sanitização foi realizada através de aspersão e com tempo de ação de 5 minutos (Lawson et al., 2009). Foram coletados suabes antes e após a lavagem conforme metodologia descrita por Silva et al. (2007) para posterior análise de bactérias aeróbias mesófilas, coliformes totais e termotolerantes (Brasil, 2003). Os dados foram analisados através do Procedimento GLM utilizando o software SPSS. Os resultados desse estudo mostraram que todas as carcaças apresentaram redução da contaminação bacteriana após os três (3) tratamentos, inclusive as carcaças tratadas com água hiperclorada (p < 0,05). Entretanto, não foi verificada diferença significativa entre os tratamentos (p > 0,05). A sanitização com o uso de ácidos orgânicos e água hiperclorada pode ser uma alternativa nos matadouros-frigoríficos para um melhor aproveitamento das carcaças contaminadas por fezes, corroborando com a na Resolução n. 4, de 4 de outubro de 2011, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Brasil, 2011), que autoriza o emprego do sistema de lavagem de carcaças no processo de abate de aves para remoção de contaminação por conteúdo gastrintestinal visível presente nas superfícies internas e externas das carcaças anterior a etapa de pré-resfriamento, como alternativa a prática do refile.
Abstract The fecal contamination is one of the principles cause of economic losses in the aviculture industry. In order to find a solution for the carcass improvement or parts of poultry carcass contaminated, the objective of this study was to evaluate the sanitizer effect of organic acids (propionic acid 2% (v/v) and lactic acid 2% (v/v)) in poultry carcass with fecal contamination on the slaughter line through microbiological evaluation carcass after and before sanitization process. It was collected 15 poultry carcasses contaminated (stools), were washed over running water with 3 atm pressure for reduction organic material and were distributed in 3 trataments: T1- propionic acid 2% , T2- lactic acid 2% and T3- hyperchlorinated water 15 ppm (control tratament). The sanitation was realized through spraying and a time of 5 minutes (Lawson et al., 2009). ave been collected swabs after and before washing according to the Silva et al. (2007) methodology for further mesophilic aerobic bacteria, total coliform and fecal coliform analysis (Brasil, 2003). The dates were analised using the procedure GLM using SPSS software. The results this study than shown that all carcasses presented microbial reduction after from 3 trataments, including the carcasses treated with hyperchlorinated water (p <0,05). However was not verified significantly difference between the trataments (p >0,05). The sanitation using organic acids and hyperchlorinated water can be an alternative in slaughterhouses for a better use of carcasses contaminated with faeces, corroborating the Resolucion n.4, on October 4, 2011 by the Ministery of Agriculture, Livestoch and Supply (Brasil, 2011) aproves for using the carcasses washing system in poultry slaughter process to remove the gastrointestinal’s contamination present to the internal and external surfaces carcasses before in pre-cooling stage, as an alternative the refile practice.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/127076
Arquivos Descrição Formato
000973279.pdf (661.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.