Repositório Digital

A- A A+

Produção de biodiesel pelas cadeias produtivas de soja, canola e girassol no Rio Grande do Sul

.

Produção de biodiesel pelas cadeias produtivas de soja, canola e girassol no Rio Grande do Sul

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Produção de biodiesel pelas cadeias produtivas de soja, canola e girassol no Rio Grande do Sul
Autor Castro, Camila Elisa Alves de
Orientador Padula, Antonio Domingos
Data 2015
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Programa de Pós-Graduação em Administração.
Assunto Biodiesel
Cadeias produtivas
Canola
Girassol
Soja
[en] Diversification of raw materials
[en] Economic analysis
[en] Oilseeds
[en] Policy analysis matrix
Resumo A busca de fontes sustentáveis de combustíveis líquidos, com o intuito de substituir o petróleo por uma fonte renovável e reduzir as emissões de gases do efeito estufa, destacaram e impulsionaram a produção e comercialização de biodiesel. Este biocombustível é uma fonte de energia renovável menos poluente e produzida a partir de diferentes matérias-primas. O Brasil possui promissor potencial como produtor destas matérias-primas, bem como do próprio biodiesel, pois possui políticas públicas favoráveis e detém a tecnologia necessária. No País, a produção e uso de biodiesel se sustenta em recente quadro institucional, a fim de desenvolver o suporte de conhecimentos, marco legal e introduzir este combustível na matriz energética brasileira. A diversificação de matérias-primas para produzir biodiesel está entre os principais objetivos dos programas instituídos. Todavia, no País, este biocombustível é produzido predominantemente com soja. Com o objetivo de entender os motivos da preeminência desta oleaginosa, buscou-se avaliar a competitividade, eficiência econômica e efeitos de políticas na produção de biodiesel pelas cadeias produtivas de soja, canola e girassol no Rio Grande do Sul. Para tanto, utilizou-se o método da Matriz de Análise Política (MAP), o qual auxilia na análise e definição de políticas públicas, e na identificação de possíveis falhas de mercado que possam impactar os resultados econômicos das cadeias agroindustriais, do mesmo modo que avalia a competitividade e eficiência econômica destes sistemas de produção e comercialização. Os resultados indicaram a superioridade da produção de biodiesel a partir da cadeia da soja, pois esta apresenta maior competitividade e eficiência econômica. Por outro lado, foram quantificadas as distorções de políticas que desfavorecem a rentabilidade privada e social das três cadeias estudadas, como, por exemplo, o sistema de pagamento ao produtor rural baseado no peso de grãos, mesmo que os percentuais e preços do óleo sejam muito diferentes entre as matérias primas, afora as diferenças significativas nos padrões tecnológicos adotados nas lavouras.
Abstract The search for sustainable sources of liquid fuels, in order to replace oil with a renewable source and reduce emissions of greenhouse gases, provided prominence to the biodiesel. This biofuel is a renewable source of clean energy and produced from different raw materials. Brazil has a promising potential as a producer of these raw materials as well as the biodiesel itself, because it has favorable public policies and has the necessary technology. In Brazil, the production and use of biodiesel is based on recent institutional framework in order to develop and introduce this fuel in the Brazilian energy matrix. The diversification of raw materials to produce biodiesel is among the main objectives of the programs established by the government. However, in Brazil, this biofuel is predominantly produced using soybeans. In order to understand the reasons for the predominance of this oilseed, we evaluated the competitiveness, economic efficiency and political effects in biodiesel production by productive chains of soybean, canola and sunflower in Rio Grande do Sul. For this, we used the method of the Policy Analysis Matrix (PAM), which assists in analyzing and defining public policies and identifying possible market failures that might impact on economic outcomes of agribusiness chains, just as assesses the competitiveness and efficiency of these systems. The results indicated the superiority of biodiesel production from soybean chain, as this presents greater competitiveness and economic efficiency. On the other hand, policy distortions were observed which disadvantage the private and social profitability of the three chains studied, such as the farmer’s payment system based on the seed weight, even if the percentage and oil prices differ substantially from the raw materials, besides the significant differences in technological standards adopted in crops.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/127235
Arquivos Descrição Formato
000969576.pdf (1.414Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.