Repositório Digital

A- A A+

O processo decisório de implantação de estrutura para armazenagem de soja ao nível de propriedade rural na região de Santo Ângelo/RS

.

O processo decisório de implantação de estrutura para armazenagem de soja ao nível de propriedade rural na região de Santo Ângelo/RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O processo decisório de implantação de estrutura para armazenagem de soja ao nível de propriedade rural na região de Santo Ângelo/RS
Autor Dutra, Alberto da Silva
Orientador Machado, Joao Armando Dessimon
Data 2008
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Centro de Estudos e Pesquisas em Agronegócios. Programa de Pós-Graduação em Agronegócios.
Assunto Administração da produção
Agronegócios
Cadeia produtiva : Soja
Processo decisório
Propriedade rural
[en] Decision-making process
[en] Rural producer
[en] Soybean storage
Resumo A tomada de decisão caracteriza-se como ponto básico da atividade administrativa e de gestão de toda e qualquer organização, uma vez que esta atividade acontece todo o tempo, em todos os níveis e influencia diretamente o desempenho das organizações. No ambiente dos agronegócios o panorama observado não parece ser diferente. A gestão dos agentes inseridos em cadeias produtivas que tenham por base commodities agrícolas envolve uma série de decisões específicas a este segmento, o que decorre de uma crescente complexidade de elementos envolvidos nessas atividades. Neste contexto, verifica-se no agronegócio brasileiro representativos aumentos de produção e produtividade nas lavouras dos grãos produzidos no país, especialmente a soja, principal item na pauta de exportações deste segmento da economia. Entretanto, somente ganhos de produtividade nas lavouras não garantem competitividade no mercado, pelo contrário, estes necessitam ser acompanhados por melhorias em infra-estrutura e logística que dêem suporte à comercialização de safras cada vez maiores. Considerando-se que existe um déficit na capacidade estática de armazenamento de grãos no Brasil, aliado a baixa margem de rentabilidade auferida pelos produtores de commodities agrícolas, notadamente a soja, bem como o fato de que a armazenagem em nível de propriedade rural pode vir a se constituir em um diferencial positivo ao produtor no momento da comercialização desta oleaginosa, buscou-se responder ao seguinte questionamento: quais são os fatores influentes e como se dá o processo de tomada de decisão do produtor rural, no que tange à instalação de uma estrutura para a armazenagem de soja em sua propriedade? Diante dessa problemática, propôs-se para a presente pesquisa o objetivo de identificar e caracterizar os fatores influentes, bem como o processo decisório do produtor rural, em relação à instalação de estrutura para armazenagem de soja em nível de propriedade. Para o atingimento desse objetivo, elaborou-se uma estrutura analítica a partir dos pressupostos de Teoria da Decisão e das Especificidades na Produção e Comercialização de Produtos Agroalimentares, da qual originou-se o instrumento de pesquisa, composto por questões abertas e fechadas. Foram entrevistados dois grupos de produtores rurais da região de Santo Ângelo/RS, sendo 08 produtores cujas propriedades possuem estrutura para armazenagem de soja (grupo A) e 08 produtores com escalas de produção semelhantes, cujas propriedades não possuem tal estrutura (grupo B). A análise qualitativa dos dados permitiu identificar que existem diferenças entre os grupos A e B, relacionadas às estruturas de exploração agropecuária, características socio-econômicas e de experiência decisória, nível e fontes de informação, estilos decisórios e orientação de valores. Em relação ao processo decisório dos produtores do grupo A, identificou-se certa fragilidade na fase da concepção ou desenho, sendo que a maioria dos cálculos e análises de resultado do referido investimento são transferidas desta fase para a fase do monitoramento, o que pode vir a acarretar em prejuízos pelo fato de a escolha ser realizada a partir de uma análise superficial de todas as informações disponíveis
Abstract The decision making is characterized as basic point of the administrative activity and of administration of all and any organization, once this activity happens the whole time, in all levels and it influences the results of the organizations directly. In the agribusiness sector the observed context doesn't seem to be different. The agents' administration inserted in productive chains that have for agricultural commodities as basis involves a series of specific decisions to this segment, what elapses of a growing complexity of elements involved in those activities. In this context, it´s verified in the brazilian agribusiness representative production increases and productivity in the harvests of the grains produced at the country, especially the soybean, main item in the line of exports. However, only productivity gains in the farmings don't guarantee competitiveness in the market, on the contrary, these need to be accompanied by improvements in infrastructure and logistics that give support to the commercialization of harvests every time larger. With regard that exists a deficit in the static starage capacity of grains in Brazil, ally the low profitability margin gained by the agricultural commodities producers, especially the soybean, as well as the fact that the storage in level of rural property the can come if it constitutes in a differential one positive to the producer in the moment of the commercialization of this oleaginous one, it was looked for to answer to the question: which are the influential factors and as it feels the process of the rural producer decision-making, with respect to the installation of a structure for the soybean storage in your property? Given this issue, the aim of the present study is to identify and analyze the influential factors, as well as the rural producer decision-making process, in relation to the structure installation for soybean storage in property level. The analytical structure of the study was built from the assumptions of the Decision Theory and the Specificities in the Production and Commercialization of Agri-food Products, of which built the research instrument, composed by open and closed questions. Interviews were carried out with two groups of rural producers of Santo Ângelo/RS: 08 producers whose have soybean storage structure (group A) and 08 producers with scales of similar production, whose haven't such structure (group B). The qualitative analysis allowed to identify that differences exist among at the groups A and B, related to the structures of agricultural exploration, socioeconomic characteristics, decision-making experience, level and information sources, decisionmaking styles and the values orientation. With regat to the decision-making process of the group A producers, identified certain fragility in the the conception or drawing phase, and most of the calculations and analyses of result of the referred investment are transferred of this phase for the monitory phase, what can come to unprofitability for the fact of the choice to be accomplished from a superficial analysis of all available information.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/12763
Arquivos Descrição Formato
000632727.pdf (451.1Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.