Repositório Digital

A- A A+

"Se esta rua fosse minha... caminhos rizomáticos de um Consultório de Rua"

.

"Se esta rua fosse minha... caminhos rizomáticos de um Consultório de Rua"

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título "Se esta rua fosse minha... caminhos rizomáticos de um Consultório de Rua"
Autor Roos, Cristine Moraes
Orientador Schneider, Jacó Fernando
Data 2014
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Programa de Pós-Graduação em Enfermagem.
Assunto Atenção primária à saúde
Cartografia
Consultório na Rua
Redução do dano
Saúde mental
[en] Cartography
[en] Harm reduction
[en] Mental health
[en] Office on the street
[en] Primary health care
[es] Atención primaria de salud
[es] Cartografía
[es] Oficina en la calle
[es] Reducción de daños
[es] Salud mental
Resumo O Consultório na Rua (CR) se constitui num dispositivo de saúde que é composto por uma equipe multiprofissional itinerante que visa a atenção integral à população em situação de rua. As equipes de consultório na rua (eCR) integram o componente da atenção básica da Rede de Atenção Psicossocial. Entre as atividades da eCR está incluída a busca ativa e o cuidado dos usuários de álcool, crack e outras drogas, além disso, a equipe multiprofissional lida com os diferentes problemas e necessidades de saúde da população em situação de rua. Suas atividades são realizadas in loco, desenvolvendo atividades compartilhadas e integradas às Unidades Básicas de Saúde (UBS) e, quando necessário, também com as equipes dos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS), dos serviços de Urgência e Emergência e de outros serviços, de acordo com as necessidades do usuário. O objetivo deste trabalho é avaliar os efeitos de coletivo no consultório na rua de Viamão, narrando a experiência de sua articulação. Trata-se de uma pesquisa de natureza qualitativa, com abordagem cartográfica, realizada com a eCR de um município da região metropolitana de Porto Alegre, Estado do Rio Grande do Sul, no período de março a novembro de 2012. A cartografia é um método formulado por Gilles Deleuze e Félix Guattari que visa investigar um processo de produção, acompanhando-o. A colheita dos dados deu-se através da observação de informações documentais, anotações em diário de campo provenientes das supervisões clínico-institucionais que acompanhei e idas a campo com os trabalhadores da eCR, bem como o relatório de atividades e relatório do mapeamento territorial do mesmo, além do manejo de entrevista feita com a equipe do CR. A experiência no Consultório na Rua reafirma a atenção em saúde no território e amplia as suas possibilidades de intervenção, na medida em que não visa apenas um fim específico mas permite a abordagem de diversas questões em saúde e também sociais, através de uma escuta sem estigmas, sem repressão, possibilitando a construção de caminhos singulares, com uma aposta no sujeito e no laço que com ele se possa estabelecer. O cenário epidemiológico atual do consumo prejudicial de substâncias psicoativas e as consequências sanitárias e sociais para os usuários e a comunidade instiga à criação de estratégias e intervenções com vistas à prevenção, promoção da saúde, tratamento e redução de danos sociais. A prática no espaço da rua deve incorporar o saber, a experiência e a cultura das pessoas que o constituem e deve ser construída a partir de uma relação interpessoal baseada no vínculo, no acolhimento e na escuta qualificada. Esta pesquisa mostrouse relevante no sentido em que a mesma poderá contribuir para a avaliação da efetividade de dispositivos de cuidado e políticas públicas no Brasil, dando visibilidade para práticas inovadoras em saúde.
Abstract The “Consultório na Rua” (CR) constitutes a health device that consists of a traveling multidisciplinary team that aims to provide comprehensive care to the homeless population. The teams practice on the street (eCR) integrate the component of primary care Network for Psychosocial Care. Among the activities of eCR is included active surveillance and care of alcohol users, crack and other drugs, in addition, the multidisciplinary team dealing with different problems and health needs of the population homeless. Its activities carried in loco, developing shared activities and integrated into the Basic Health Units (BHU) and, when necessary, with teams from the Centers for Psychosocial Care (CAPS), the Emergency and Emergency services and other services, according to user needs. The objective of this study is to evaluate the effects of collective in the office on the street Viamão, narrating the experience of a joint. This is a qualitative research, with cartographic approach held with staff off ‘consultório na rua’ of a municipality in the metropolitan region of Porto Alegre, State of Rio Grande do Sul, in the period from March to November 2012 . Cartography is a method formulated by Gilles Deleuze and Félix Guattari which aims to investigate a production process, accompanying him. The collection of data took place through the observation of documentary information, notes / field diary from the clinical and institutional supervision that accompanied and field trips with workers in the CR, and the report of activities of territorial mapping and report the same besides the management interview with the team from CR. Experience in CR reaffirms the health care in the territory and expands the possibilities of intervention, in that it seeks not only to a specific purpose but allows the approach to various issues in health and social well through a wiretap without stigmas without repression, allowing the construction of singular paths with a bet on the subject and the bond that can be established with him. The current epidemiological scenario of harmful use of psychoactive substances and the health and social consequences for users and the community instigates the creation of strategies and interventions aimed at prevention, health promotion, treatment and reduction of social harm. The practice in the street space should incorporate the knowledge, experience and culture of the people who are and must built from an interpersonal relationship based on the bond, in welcoming and qualified hearing. This research proved relevant in the sense that may contribute to the evaluation of the effectiveness of care and public policy devices in Brazil, giving visibility to innovative practices in health.
Resumen El “Consultório na Rua” (CR) constituye un dispositivo de salud que consta de un equipo multidisciplinario itinerante que tiene como objetivo proporcionar una atención integral a la población sin hogar. Los equipos practican en la calle (eCR) integrar el componente de la red de atención primaria de Atención Psicosocial. Entre las actividades de eCR se incluye la vigilancia activa y la atención de los consumidores de alcohol, crack y otras drogas, además, el equipo multidisciplinar que trata con diferentes problemas y necesidades de salud de la población sin hogar. Sus actividades se llevan a cabo in situ, el desarrollo de actividades compartidas e integradas en las Unidades Básicas de Salud (UBS) y, cuando sea necesario, con los equipos de los Centros de Atención Psicosocial (CAPS), los servicios de emergencia y de emergencia y otros servicios, de acuerdo con las necesidades del usuario. El objetivo de este estudio es evaluar los efectos de la colectiva en la oficina en la calle Viamão, que narra la experiencia de una articulación. Se trata de una investigación cualitativa, con enfoque cartográfico celebrado con el personal del ‘consultorio na rua’ de un municipio de la región metropolitana de Porto Alegre, Estado de Río Grande do Sul, en el periodo comprendido entre el marzo hasta noviembre, 2012. La cartografía es un método formulado por Gilles Deleuze y Félix Guattari que tiene como objetivo investigar un proceso de producción, que lo acompañaba. La recogida de datos se llevó a cabo a través de la observación de la información documental, notas / diario de campo de la supervisión clínica e institucional que acompañó y viajes de campo con los trabajadores en la Recopilación, y el informe de actividades de mapeo territorial e informar del mismo además de la entrevista con el equipo de gestión de la CR. La experiencia del CR reafirma la atención de la salud en el territorio y amplía las posibilidades de intervención, ya que no sólo busca un propósito específico, pero permite el acercamiento a diversos temas de la salud y el bienestar social a través de una intervención telefónica sin estigmas sin represión, lo que permite la construcción de caminos singulares con una apuesta sobre el tema y el vínculo que se puede establecer con él. El escenario epidemiológico actual del uso nocivo de sustancias psicoactivas y la salud y las consecuencias sociales de los usuarios y la comunidad instiga a la creación de estrategias e intervenciones dirigidas a la prevención, promoción de la salud, tratamiento y reducción de daños sociales. La práctica en el espacio de la calle debe incorporar el conocimiento, la experiencia y la cultura de la gente que es y debe ser construido a partir de una relación interpersonal basada en la unión, en la audiencia acogedora y cualificada. Esta investigación resultó relevante en el sentido de que puede contribuir a la evaluación de la efectividad de los dispositivos de atención y de política pública en Brasil, dando visibilidad a las prácticas innovadoras en materia de salud.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/128005
Arquivos Descrição Formato
000952376.pdf (2.268Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.