Repositório Digital

A- A A+

Epistemologia genética e neurociências : construção do sujeito cognosente

.

Epistemologia genética e neurociências : construção do sujeito cognosente

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Epistemologia genética e neurociências : construção do sujeito cognosente
Autor Machado, Diandra Dal Sent
Orientador Becker, Fernando
Data 2015
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Epistemologia genética
Psicanálise
Sujeito social
[en] Change / Conservation
[en] Education
[en] Interaction
[en] Learning subject
[en] Organism
Resumo A partir da Epistemologia Genética, de Jean Piaget, e das Neurociências, de António Damásio, este trabalho apresenta e analisa explicações desses dois campos distintos de conhecimento no que diz respeito a suas complementaridades sobre a construção do sujeito cognoscente. Destaca, outrossim, a relevância da interação entre organismo ou sujeito e meio ou objeto como possibilitadora da construção dos conhecimentos (como conteúdos), tanto quanto do próprio sujeito cognoscente (como forma, estrutura ou capacidade). Destaca também o papel da ação do sujeito quando dessas construções. Para tanto, vale-se, sobretudo, da compreensão do ser humano como um ser primeiramente biológico, cujas capacidades cognitivas são entendidas como prolongamentos de capacidades orgânicas em patamares progressivamente complexos. Por fim, analisa como a compreensão acerca do sujeito cognoscente pode influir nas práticas educacionais escolarizadas.
Abstract Starting out from explanations provided both by Jean Piaget’s Genetic Epistemology, and by António Damásio's Neuroscience, this work attempts to underline what is common between those two fields of knowledge in regards to the construction of the learning subject. In doing so, it stresses the importance of the interaction between organism or subject and environment or object as an enabler for the construction of knowledges (or contents), as well as the construction of the learning subject itself (as shape, structure or capacity). It also stresses the role of the subject's action inasmuch as those constructions are concerned. For that, it makes use, mainly, of the understanding of the human being as a first and foremost biological being, whose learning capacities are understood as extensions of its organic capacities in ever more complex stages. Finally, it analyses how the understanding of the learning subject may affect educational practices at school.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/128920
Arquivos Descrição Formato
000975390.pdf (790.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.