Repositório Digital

A- A A+

Moralidade, idoneidade e convivência : discursos sobre as práticas dos repetidores de classe do INES no período de 1855 a 1910 que incidem na atuação profissional dos tradutores-intérpretes de língua de sinais da atualidade

.

Moralidade, idoneidade e convivência : discursos sobre as práticas dos repetidores de classe do INES no período de 1855 a 1910 que incidem na atuação profissional dos tradutores-intérpretes de língua de sinais da atualidade

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Moralidade, idoneidade e convivência : discursos sobre as práticas dos repetidores de classe do INES no período de 1855 a 1910 que incidem na atuação profissional dos tradutores-intérpretes de língua de sinais da atualidade
Autor Laguna, Maria Cristina Viana
Orientador Thoma, Adriana da Silva
Data 2015
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Educação especial
Língua de sinais
Surdo
[en] Deaf education
[en] Discourses
[en] Foucauldian studies
[en] Sign language translators-interpreters
[en] Teaching assistants’
Resumo Esta dissertação analisa os discursos sobre as práticas dos repetidores de classe em documentos do acervo do Instituto Nacional de Educação de Surdos (INES) no período de 1855 a 1910 que incidem atualmente na atuação dos tradutores-intérpretes de língua de sinais (TILS) no Brasil. Para isso, inspiro-me na noção de discurso de Michel Foucault (1984, 2006, 2008, 2012). Os discursos produzem práticas e constituem modos de ser e de atuar no mundo. Para tratar sobre o TILS, apresento estudos das pesquisadoras Quadros (2004), Rosa (2005) e Santos (2006, 2013), as quais abordam, entre outros temas, algumas histórias que possibilitaram a emergência dessa profissão. Esses estudos são abordados ao longo do trabalho, além de outras leituras com as quais dialogo nesta dissertação, como Rocha (2008, 2009) e Lobo (2008), e as produções realizadas pela Série Histórica do Instituto Nacional de Educação de Surdos publicadas em 2011. Para refletir sobre o contexto da educação, utilizo Faria-Filho (2000), Schueler e Magaldi (2008), Mazzota (2003) e Jannuzzi (2006). Também reflito com as pesquisas de Martins (2008; 2013) e Nantes (2012), que desenvolveram estudos sobre os TILS no campo dos Estudos Foucaultianos. Além do comentador Veiga-Neto (2003, 2006, 2009 e 2012), inspiro-me nos textos de Fischer (2001, 2012) e Castro (2009) para a construção das unidades discursivas. Para as análises, foram extraídos excertos dos documentos, os quais foram agrupados pelas recorrências discursivas em três conjuntos temáticos que tratam sobre a atuação dos repetidores. Esses agrupamentos constituem as unidades de análise, que nomeei como: 1) Discursos morais: sujeitos de boa índole e de bons costumes – nessa unidade, apresento excertos que abordam a questão da exigência de profissionais moralmente aptos para assumir a função de repetidor; 2) Discursos profissionais: a formação pela convivência – unidade formada por excertos que traçam perfis, formações específicas e processos seletivos para o desempenho da função; e 3) Discursos jurídicos: a condução das condutas pelas leis – excertos que se referem a documentos legais que visavam à regulação, ao controle e à condução da atuação dos repetidores. Também faço uma contextualização das condições históricas, políticas e educacionais do Brasil no período que compreende Império e início da República, a fim de apresentar os discursos sobre as práticas dos repetidores de classe. Moralidade, idoneidade e convivência estão entre as principais exigências e hoje são verdades que atravessaram os tempos e incidem diretamente na atuação dos TILS em nosso país.
Abstract This dissertation considers the notion of discourse as proposed by Michel Foucault (1984, 2006, 2008, 2012) and analyzes discourses about teaching assistants’ practices found in documents from the files of the National Institute of Deaf Education (INES) from 1855 to 1910 that currently affect the work performed by sign language translators and interpreters (SLTIs) in Brazil. Discourses produce practices and constitute ways of being and acting in the world. In order to address SLTIs, I have used studies carried out by Quadros (2004), Rosa (2005) and Santos (2006, 2013), who have approached, among other topics, some stories that have enabled the emergence of that occupation. Those studies have been addressed along this dissertation, besides other authors that I have considered, such as Rocha (2008, 2009) and Lobo (2008), and productions of the Historical Series of the National Institute of Deaf Education published in 2011. In order to reflect on the education context, I have used works by Faria-Filho (2000), Schueler & Magaldi (2008), Mazzota (2003) and Jannuzzi (2006). I have also reflected with the help from Martins (2008; 2013) and Nantes (2012), who developed studies on SLTIs in the field of Foucauldian Studies. Besides the commentator Veiga-Neto (2003, 2006, 2009, 2012), I have been inspired by texts written by Fischer (2001, 2012) and Castro (2009) for the construction of discursive units. For the analyses, excerpts were taken from documents, which were grouped according to discursive recurrences in three thematic sets dealing with the performance of teaching assistants. The groups constitute the analysis units, which I have named as: 1) Moral discourses: good-natured, moral subjects - in this unit, I have presented excerpts approaching the requirement of morally suited professionals to take on the function of teaching assistants; 2) Professional discourses: education through living together - unit formed by excerpts that trace profiles, specific education and selective processes for the performance of the function; and 3) Juridical discourses: the conduction of conducts by laws - excerpts related to legal documents that aimed at regulating, controlling and guiding the teaching assistants’ action. I have also contextualized the historical, political and educational conditions of Brazil in the period ranging from the Empire to the beginning of the Republic, in order to evidence the discourses about the teaching assistants’ practices. Morality, integrity and living together are some of the major requirements that today are truths that have crossed time and directly incide on SLTI’s action in this country.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/128926
Arquivos Descrição Formato
000975411.pdf (1.800Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.