Repositório Digital

A- A A+

O impacto do tratamento periodontal na qualidade de vida de pacientes portadores de síndrome metabólica : uma análise parcial de um ensaio clínico randomizado

.

O impacto do tratamento periodontal na qualidade de vida de pacientes portadores de síndrome metabólica : uma análise parcial de um ensaio clínico randomizado

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O impacto do tratamento periodontal na qualidade de vida de pacientes portadores de síndrome metabólica : uma análise parcial de um ensaio clínico randomizado
Autor Milanesi, Fernanda Carpes
Orientador Oppermann, Rui Vicente
Co-orientador Weidlich, Patrícia
Data 2015
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. Programa de Pós-Graduação em Odontologia.
Assunto Periodontite
Síndrome X metabólica
[en] Metabolic syndrome
[en] OHIP-14
[en] Periodontal treatment
[en] Periodontitis
[en] Quality of life
[en] WHOQoL-bref
Resumo O objetivo do presente estudo foi avaliar o efeito do tratamento periodontal na qualidade de vida de pacientes portadores de Síndrome Metabólica (SM), em uma amostra de 48 pacientes. Os pacientes apresentavam diagnóstico de Periodontite e SM e foram randomizados para dois grupos de tratamento: um grupo ao qual era oferecido tratamento periodontal imediato e outro grupo de tratamento tardio, que receberia o tratamento periodontal após seis meses da sua inclusão no estudo. Para aferir qualidade de vida relacionada à saúde bucal e qualidade de vida geral, foram usados os instrumentos OHIP-14 e WHOQoL-bref, respectivamente. Exames periodontais completos avaliaram Índice de placa visível, Índice de sangramento gengival, Fatores retentivos de placa, Profundidade de sondagem, Sangramento à sondagem e Nível de inserção clínica, em seis sítios por dente. Além disso, exames antropométricos, exames sorológicos e entrevistas com os questionários de qualidade de vida foram realizados no momento inicial e após seis meses do início do estudo. Os dois grupos se mostraram semelhantes no momento inicial. Após seis meses, foram observadas reduções significativas no grupo de tratamento imediato para todos os parâmetros periodontais clínicos. A análise do WHOQoL-bref por domínios mostrou pequenas alterações não significativas em ambos os grupos. Na avaliação dos escores totais de OHIP-14 foi observada, após 6 meses, uma redução de 18,6 para 15 (Δ=3,6) no grupo tardio e de 15 para 5,7 (Δ=9,3) no grupo imediato, com diferenças estatisticamente significantes entre os grupos (p=0,003). Essas diferenças resultaram em um tamanho de efeito de 0,27 (pequeno) para o grupo tardio e 0,78 (moderado) para o grupo imediato. Na análise por domínios, foram encontradas diferenças significativas para o grupo imediato nos domínios limitação funcional (p=0,006), desconforto psicológico (p=0,001), incapacidade física (p=0,009) e incapacidade psicológica (p=0,007), comparado ao grupo tardio. Em pacientes portadores da SM, as mudanças na percepção da qualidade de vida aferidas pelo OHIP-14 foram significativas para o grupo de pacientes que recebeu tratamento periodontal imediato, em comparação ao grupo que recebeu o tratamento tardio.
Abstract The aim of this study was to assess the effect of periodontal treatment in quality of life of patients with Metabolic Syndrome, in a sample of 48 patients. The patients showed diagnosis of Periodontitis and Metabolic Syndrome and were randomized for two treatment groups: 1) immediate periodontal treatment 2) later treatment, six months after study inclusion. The instruments OHIP-14 and WHOQoL-bref were used to assess oral health related quality of life and general quality of life, respectively. Complete periodontal exams evaluated plaque visible index, gingival bleeding index, plaque retentive factors, probing depth, bleeding on probing and clinical attachment level, on six sites per tooth. Furthermore, antropometrics, blood exams and interview with quality of life measures instruments were performed in baseline and six months after the beginning of the study. Both groups were similar in baseline. After six months, significant reductions on immediate treatment group for all clinical periodontal parameters were observed. The WHOQoL-bref analysis by domains showed no significant small changes, for both groups. After six months, a decrease of 18,6 to 15 (Δ=3,6) for the later treatment group and 15 to 5,7 (Δ=9,3) for the immediate treatment group was observed in the evaluation of OHIP-14 for total scores, with statistical significant differences between the groups (p=0,003). These differences resulted in an effect size of 0,27 (small) for the later treatment group and 0,78 (moderate) for the immediate treatment group. In domains analysis, significant differences for the immediate treatment group on functional limitation (p=0,006), psychological discomfort (p=0,001), physical incapacity (p=0,009) and psychological incapacity (p=0,007) domains, were found compared to later treatment group. In patients with Metabolic Syndrome, changes on quality of life perception measured by OHIP-14 were significant for immediate treatment group, compared to the later treatment group.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/128957
Arquivos Descrição Formato
000975098.pdf (1.986Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.