Repositório Digital

A- A A+

Reprodutibilidade e validade relativa do Questionário de Frequência Alimentar do ELSA-Brasil

.

Reprodutibilidade e validade relativa do Questionário de Frequência Alimentar do ELSA-Brasil

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Reprodutibilidade e validade relativa do Questionário de Frequência Alimentar do ELSA-Brasil
Outro título Reproducibility and relative validity of the Food Frequency Questionnaire used in the ELSA-Brasil
Outro título Reproducibilidad y validez relativa del Cuestionario de Frecuencia Alimentaria del ELSA-Brasil
Autor Molina, Maria Del Carmen Bisi
Benseñor, Isabela Judith Martins
Cardoso, Letícia de Oliveira
Velasquez-Meléndez, Jorge Gustavo
Drehmer, Michele
Pereira, Taísa Sabrina Silva
Faria, Carolina Perim de
Melere, Cristiane
Manato, Lívia
Gomes, Andrea Lizabeth Costa
Fonseca, Maria de Jesus Mendes da
Sichieri, Rosely
Resumo Avaliou-se a reprodutibilidade e a validade do Questionário de Frequência Alimentar (QFA) utilizado no Estudo Longitudinal de Saúde do Adulto (ELSA-Brasil). Foram aplicados três registros alimentares e um QFA em dois momentos no período de um ano (n = 281). Valores de energia e nutrientes dos registros alimentares foram deatenuados e Log transformados. Para avaliação da reprodutibilidade e validade foi aplicado o teste de correlação intraclasse (CCI) e calculados percentuais de concordância do consumo de nutrientes após categorização por tercis. Na avaliação da reprodutibilidade, coeficientes de CCI variaram de 0,55-0,83 para proteína e vitamina E, respectivamente; na avaliação da validade, variaram de 0,20-0,72 para selênio e cálcio, respectivamente. Concordâncias exata e adjacente entre métodos variaram de 82,9% para vitamina E a 89% para lipídio e cálcio (média = 86%). Foi encontrada uma discordância média de 13,6%. Conclui-se que o QFA ELSA-Brasil apresenta confiabilidade satisfatória para todos nutrientes e validade relativa razoável para energia, macronutrientes, cálcio, potássio e vitaminas E e C.
Abstract This study evaluated the reproducibility and relative validity of the Food Frequency Questionnaire (FFQ) used in the Brazilian Longitudinal Study of Adult Health (ELSA-Brasil). Participants (n = 281) completed the FFQ and three food records on two occasions during a 12-month period. Energy and nutrient values from food records were disattenuated and log-transformed. Reproducibility and validity were assessed by the intra-class correlation coefficient (ICC). Agreement between the two methods was evaluated by classification in tertiles. In the evaluation of reproducibility, ICC estimated ranged from 0.55 to 0.83 for protein and vitamin E, respectively. On relative validity, ICC ranged from 0.20 to 0.72 for selenium and calcium, respectively. Exact and adjacent agreement between methods varied from 82.9% for vitamin E to 89% for lipids and calcium (mean 86%). Average disagreement was 13.6%. In conclusion, this FFQ showed satisfactory reliability for all nutrients and reasonable validity, especially for energy, macronutrients, calcium, potassium, and vitamins E and C.
Contido em Cadernos de saúde pública. Rio de Janeiro. Vol. 29, n. 2 (fev. 2013), p. 379-389
Assunto Dieta
Estudos de validação
Questionários
Reprodutibilidade dos testes
[en] Diet
[en] Questionnaires
[en] Reproducibility of results
[en] Validation studies
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/129057
Arquivos Descrição Formato
000919676.pdf (184.0Kb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.