Repositório Digital

A- A A+

Características do processo de ingestão de forragem por novilhas holandesas em pastagens de capim-mombaça

.

Características do processo de ingestão de forragem por novilhas holandesas em pastagens de capim-mombaça

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Características do processo de ingestão de forragem por novilhas holandesas em pastagens de capim-mombaça
Autor Palhano, Ana Luisa
Carvalho, Paulo Cesar de Faccio
Dittrich, Joao Ricardo
Moraes, Anibal de
Silva, Sila Carneiro da
Monteiro, Alda Lúcia Gomes
Resumo Para avaliação da influência da estrutura do dossel de pastagens tropicais sobre o processo de ingestão de forragem por bovinos, cinco alturas de dossel (60, 80, 100, 120 e 140 cm) de uma pastagem de capim-mombaça (Panicum maximum , Jacq.) foram estabelecidas, em um delineamento inteiramente casualizado, com duas repetições. Quatro novilhas da raça Holandês Preto e Branco com coletores de fezes e urina foram utilizadas em testes de pastejo de 45 minutos. O número de bocados e o tempo de alimentação foram registrados com o uso de contadores e cronômetros. A massa de forragem total consumida foi obtida pela técnica de dupla pesagem. Com o aumento na altura do dossel, observou-se aumento linear na massa de bocado. O aumento do comprimento das lâminas foliares expandidas e em expansão resultou em consumo quase que individual de folhas, refletindo em aumento linear no tempo por bocado e em redução linear na taxa de bocados. Uma vez que o aumento no tempo por bocado foi proporcionalmente maior que o aumento da massa de bocado, a massa de forragem total consumida e a taxa de ingestão estabilizaram-se nas maiores alturas da pastagem. As limitações físicas impostas pela estrutura do dossel levaram a menor eficiência de captura de forragem pelos animais nas maiores alturas do dossel. O consumo de forragem foi maximizado à altura de 109,3 cm.
Abstract In order to evaluate the influence of tropical grass sward structure on the intake of grazing cattle, five sward heights (60, 80, 100, 120, and 140 cm) of Panicum maximum Jacq. were established, in a completely randomized design with two replications. Four black-and-white coat Holstein heifers, carrying feces and urine bags, were used in grazing tests of 45 minutes each. Number of bites and feeding time were registered by counters and chronometers. Total herbage mass consumed was obtained by double sampling technique. Increasing sward height increased bite mass, followed by an increase in chewing number. The increase in the length of both expanded leaves and expanding leaves, resulted in individual bite per leaf, leading to an increase in biting time, and consequent linear decrease in bite rate. Since increases in time per bite was proportionally greater than that for bite mass, total herbage mass consumed and intake rate stabilized at the highest sward heights. Under these conditions, the physical limitation imposed by sward structure led to a lower efficiency of foraging by the animals, even at high forage allowance situation. Intake rate was maximized at pasture height of 109.3 cm.
Contido em Revista brasileira de zootecnia= Brazilian journal of animal science. Viçosa, MG. Vol. 36, n. 4 supl. (jul./ago. 2007), p. 1014-1021
Assunto Bovino
Capim-mombaça
Pastagem
[en] Bite mass
[en] Bovine
[en] Sward structure
[en] Tropical grass
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/129101
Arquivos Descrição Formato
000900572.pdf (190.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.