Repositório Digital

A- A A+

Estrutura da vegetação e comportamento ingestivo de novilhos em pastagem natural do Rio Grande do Sul

.

Estrutura da vegetação e comportamento ingestivo de novilhos em pastagem natural do Rio Grande do Sul

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Estrutura da vegetação e comportamento ingestivo de novilhos em pastagem natural do Rio Grande do Sul
Autor Thurow, Juliana Muliterno
Nabinger, Carlos
Castilhos, Zelia Maria de Souza
Carvalho, Paulo Cesar de Faccio
Medeiros, Corália Maria Oliveira
Machado, Mirela Dias
Resumo O experimento foi realizado em uma pastagem natural com o objetivo de avaliar a influência do nível de oferta de forragem sobre a estrutura do pasto e o comportamento ingestivo de bovinos. Foi usado delineamento de blocos completamente casualizados, com quatro níveis de ofertas diárias de forragem (4, 8, 12 e 16 kg de MSFV/100 kg de PV) e duas repetições, utilizando-se o método de pastejo contínuo, com taxa de lotação variável. O aumento da oferta de forragem melhorou a participação do estrato superior na forragem disponível e determinou maior altura do estrato inferior. O aumento na altura do estrato inferior ocasionou redução no tempo de pastejo e maior tempo de ruminação no outono, no inverno e na primavera, o que indica melhoria no ambiente pastoril. No entanto, neste tipo de vegetação, o aumento da altura do estrato inferior em maior oferta de forragem não foi suficiente para que a altura atingisse os níveis preconizados para potencializar a ingestão diária de forragem. O aumento da oferta de forragem e da altura do estrato inferior determina resposta linear decrescente do tempo de pastejo, caracterizando ambiente alimentar com maior número de refeições em menor tempo.
Abstract The experiment was performed in a natural pasture to evaluate the effect of the forage offer level on the pasture structure and ingestive behavior of steers. A completely randomized block design with four daily green forage offer levels (4, 8 12 and 16 kg GFDM/100 kg LW) and two replicates was used. The continuous grazing method with variable stocking rate was used. The increasing forage offer enhanced the higher strata frequency and determined higher inferior strata height. The increasing inferior stratum height decreased the grazing time and increased the ruminating time in the autumn, winter and spring, indicating improvements in the grazing environment. However, in this type of vegetation, the increase in height with increasing forage offer was not adequate to elevate the inferior strata height to the desirable levels so that the daily forage intake could be optimized. Increasing forage offer and inferior strata height indicate decreasing linear response of the grazing time and allow a feeding system with shorter time and higher number of meals.
Contido em Revista brasileira de zootecnia= Brazilian journal of animal science. Viçosa, MG. Vol. 38, n.5 (maio 2009), p. 818-826
Assunto Forragem
Novilho
Pastagem natural
Rio Grande do Sul
[en] forage offer
[en] grazing time
[en] natural pasture
[en] number of meals
[en] rumination time
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/129138
Arquivos Descrição Formato
000774963.pdf (60.01Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.