Repositório Digital

A- A A+

Manual de urinálise suína: da coleta à análise dos resultados.

.

Manual de urinálise suína: da coleta à análise dos resultados.

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Manual de urinálise suína: da coleta à análise dos resultados.
Outro título Swine urinalysis manual: From collection to interpretation
Autor Goldberg, Ana Maria Groehs
Orientador Oliveira, Rosemari Teresinha de
Co-orientador Bortolozzo, Fernando Pandolfo
Data 2007
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Veterinária. Curso de Especialização em Análises Clínicas Veterinárias..
Assunto Analises clinicas
Infeccao urinaria : Exame laboratorial
Suinos : Doencas
[en] Swine
[en] Urinalysis
[en] Urinary infection
Resumo A rápida modernização e profissionalização que ocorreu nos últimos anos na suinocultura, trouxe consigo o problema das infecções urinárias. Estas infecções apresentam estreita relação com problemas puerperais e reprodutivos, ocasionando graves perdas econômicas. O objetivo deste estudo foi auxiliar no diagnóstico destas infecções, através da elaboração de um manual de urinálise suína, com a descrição das técnicas de urinálise e a interpretação dos resultados encontrados, em uma linguagem fácil e acessível. O exame qualitativo de urina consiste no exame físico, químico e do sedimento. O exame físico é uma avaliação macroscópica da urina, sendo composto pela densidade, cor, odor e aspecto. O exame químico avalia a presença ou ausência de algumas substâncias que têm significado clínico, auxiliando na avaliação da funcionalidade do rim. Hoje em dia é facilmente realizado através de fitas reativas, as quais são capazes de medir pH, leucócitos, sangue/hemoglobina, nitrito, corpos cetônicos, bilirrubina, urobilinogênio, proteínas, glicose e densidade. O exame do sedimento auxilia na visualização de determinadas estruturas, como células e cristais, sendo uma importante ferramenta para a completa interpretação da urinálise. Através destas avaliações pode-se verificar desde uma baixa ingestão de água até uma irreversível lesão renal, facilitando o tratamento precoce das infecções urinárias, melhorando a eficiência reprodutiva e diminuindo as perdas econômicas. Na espécie suína, a urina normal apresenta-se amarela, límpida, com odor sui generis e densidade variando entre 1010 e 1040. As avaliações químicas relevantes, nesta espécie, são proteínas, nitrito, sangue e pH, sendo importantes parâmetros na confirmação de infecções urinárias inespecíficas ou causadas pelo Actinobaculum suis. A avaliação do sedimento revela informações muito importantes para a finalização de um diagnóstico e apesar de sua realização ser mais trabalhosa e demorada, apresentar um custo mais elevado e necessitar de pessoal treinado, deveria ser mais utilizada na rotina de exames para suínos.
Abstract The rapid modernization and professionalization that occurred in the last years in swine production brought with it the problem of urinary infections. These infections present close relation with puerperal and reproduction problems, causing serious economic losses. The objective of this study was to help the diagnosis of these infections through elaboration of a swine urinalysis manual, with description of the techniques and the interpretation of the result, in an easy and accessible way. The urine qualitative exam consists of a physical, chemical and sediment exam. The physical exam is a macroscopic evaluation of urine that includes its density, color, smell and aspect. The chemical exam evaluates the presence or absence of some substances that have clinical meaning, supporting the evaluation of renal functions. Nowadays, this exam is easily carried out through the use of reactive stripes, which measure pH, leukocytes, blood/hemoglobin, nitrite, ketone, bilirubin, urobilinogen, proteins, glucose and specific gravity. The sediment exam helps the visualization of certain structures such as cells and crystals, an important tool for the complete urinalysis interpretation. These evaluations may detect low water ingestion or irreversible renal lesion, allowing for an early treatment of urinary infections, improving reproductive efficiency and decreasing economic losses. In swine, normal urine is yellow, limpid with “sui generis” smell and specific gravity varying between 1010 and 1040. The relevant chemical tests in this species are proteins, nitrite, blood and pH, which are important parameters on confirming unspecific urinary infections or those caused by Actinobaculum suis. Sediment evaluation provides very important information for a final diagnosis, and although its analysis is more demanding and slower, with higher costs and the requirement of trained personnel, it should be more intensively used in routine exams for swines.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/12933
Arquivos Descrição Formato
000624843.pdf (1.661Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.