Repositório Digital

A- A A+

A relação de direito material e processo, a cognição como técnica de adequação do processo ao direito material

.

A relação de direito material e processo, a cognição como técnica de adequação do processo ao direito material

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A relação de direito material e processo, a cognição como técnica de adequação do processo ao direito material
Autor Strassmann, Karin
Orientador Mitidiero, Daniel Francisco
Data 2015
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Direito. Curso de especialização em Processo Civil.
Assunto Direito material
Direito processual civil
Tutela
[en] Democratic state
[en] Judiciary
[en] Neo-constitutionalism
[en] Supremacy
Resumo O estudo atual da relação existente entre o direito material e o direito processual explica a adequação das técnicas processuais as formas de tutela. Isso porque, devem ser instituídas pela legislação, técnicas processuais para atender o direito material. Para que isso ocorra, necessário encontro das formas de tutela com as técnicas processuais adequadas, ou seja, para atender as tutelas prometidas pelo direito material, deve haver técnica processual para assegurar esse direito. Assim, com a evolução do direito material, principalmente com os novos direitos exercidos pela sociedade, revela-se a importância de o processo se adequar às várias situações trazidas por esse movimento, de modo a fornecer ao direito processual condições para a eficácia da tutela jurisdicional. Nesse sentido, a cognição, que consiste em analisar e valorar os argumentos e provas trazidas pelas partes ao processo, aparelhando o juiz para julgar a demanda se procedente ou improcedente. A cognição busca formar um juízo de valor acerca das questões suscitadas no processo, e, pode ser vista sob dois aspectos: horizontal e vertical. O primeiro diz respeito à extensão e o segundo trata da profundidade. As construções do procedimento feitas a partir das diversas modalidades de cognição permitem ao julgador conhecer e adaptar as várias pretensões materiais ao processo civil.
Abstract The new constitutional right, currently called Neo-constitutionalism or Contemporary Constitutionalism doctrine, had as a Brazilian milestone the promulgation of the Federal Constitution of 1988 and in Europe it emerged as the World War II ended. Considering that the post-war Constitutions' main focus emerges from a concern towards people's dignity, comprising the social well-being, some considerations around the foundations of the neo-constitutionalism are made necessary. The new constitutional interpretation is characterized by the normativity, superiority and centrality ideas pertaining to the Federal Constitution, giving it the full status. The Constitution turns into the limiting tool, including the own law's, proposing that the state, political and individual powers be linked to the supreme norm, both in formal and material aspects. In order to address the changes brought by the neo-constitutionalism, a study will be performed about the relationship between this interpretation method and some constitutional principles which include a huge number of peculiarities. Besides that, an evaluation will be made about the application of reasonability and proportionality institutes by the Supreme Federal Court in the current legal scenario. The construction of this new model in line with the Democratic State must seek a balance among the fundamental rights, social inequality and the minimum life conditions to the citizen, being a challenge for the new idea to impose a direction to the State, Political Power and Society, in order to ensure the effective protection of the rights.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/129791
Arquivos Descrição Formato
000976383.pdf (237.3Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.