Repositório Digital

A- A A+

A organização tópico-comentário do discurso falado : uma análise a partir de dados do projeto VARSUL

.

A organização tópico-comentário do discurso falado : uma análise a partir de dados do projeto VARSUL

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A organização tópico-comentário do discurso falado : uma análise a partir de dados do projeto VARSUL
Autor Passos, Bruna Souza
Orientador Goldnadel, Marcos
Data 2015
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Curso de Letras: Língua Moderna: Inglês: Licenciatura.
Assunto Análise do discurso
Varsul (projeto variacao linguistica urbana na regiao sul do Brasil)
[en] Discourse organization
[en] Spoken discourse analysis
[en] Topic-comment
[en] Van Kuppevelt
Resumo Van Kuppevelt (1995a; 1995b; 1996) afirma que a organização do discurso se dá através da hierarquia entre as estruturas informacionais tópico e comentário, uma vez que há questões constituidoras de tópicos, explícitas ou implícitas, que são motivadoras do desenvolvimento do discurso e suas respostas. Tais questões e respostas surgem para diminuir indeterminações postas no início de um texto falado ou escrito e estruturam o discurso a partir de seus desenvolvimentos. Para elaborar tal teoria, Van Kuppevelt faz uso de exemplos construídos e trechos selecionados de textos jornalísticos, principalmente – os quais corroboram o aparato teórico elaborado. Partindo desses pressupostos, pretende-se aplicar os conceitos propostos pelo autor a trechos de entrevistas sociolinguísticas do Projeto VARSUL, a fim de averiguar sua aplicabilidade e eficácia no que tange a textos falados. Ao se problematizar a análise de fala aos moldes de Van Kuppevelt, objetiva-se ampliar o escopo de uso da teoria, a qual oferece respostas interessantes no que diz respeito à lógica discursiva, e colaborar para o trabalho de futuros pesquisadores que desejem estudar a fala sob essa perspectiva.
Abstract Van Kuppevelt (1995a; 1995b; 1996) states that discourse is organized through the hierarchy between two information structures: topic and comment. This is so because there are topic questions, which can be explicit or implicit, that motivate the development of discourse and their answers. Those questions and answers arise to diminish indeterminacies established in the beginning of a written or spoken text and to structure discourse according to their development. To create this theory, Van Kuppevelt mainly analyzes constructed examples and chosen fragments of newspaper texts – which support his theory. Based on these assumptions, this paper aims to apply the author’s concepts to fragments of sociolinguistic interviews from VARSUL Project, in order to confirm the concepts validity and efficiency concerning speech. In problematizing the analysis of spoken discourse in Van Kuppevelt’s perspective, the main objectives are to widen the scope of use of this theory, which offers interesting answers concerning discourse logic, and to collaborate to the work of future researches who aim to study speech in this approach.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/129984
Arquivos Descrição Formato
000975446.pdf (479.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.