Repositório Digital

A- A A+

A comida na (da) margem : experiências compartilhadas em uma cozinha comunitária

.

A comida na (da) margem : experiências compartilhadas em uma cozinha comunitária

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A comida na (da) margem : experiências compartilhadas em uma cozinha comunitária
Autor Castro, Helisa Canfield de
Orientador Maciel, Maria Eunice de Souza
Data 2013
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social.
Assunto Alimentação
Classes populares
Cozinha comunitária
Etnografia
Políticas públicas
Segurança alimentar e nutricional
[en] Community kitchen
[en] Ethnography
[en] Food
[en] Public policies
Resumo Este trabalho busca percorrer o cotidiano de uma Cozinha Comunitária (CC) localizada em uma Unidade de Triagem e Compostagem de Resíduos (UTC) ― popularmente conhecida como “lixão” ― na periferia da cidade de Porto Alegre. Guiando-me pelo campo da antropologia da alimentação, me concentro nas experiências alimentares compartilhadas pelos trabalhadores de reciclagem que frequentam a cozinha, atentando para as práticas e os sentidos que cercam o ato alimentar e para as formas de perceber os programas sociais ali executados. Assim sendo, parto da Cozinha Comunitária como um locus privilegiado para a compreensão do estilo de vida dos atores, e igualmente como um ponto de partida para repensar criticamente o Estado desde suas margens. A estratégia metodológica adotada é focada na interação social através da etnografia, a partir da qual busco problematizar o cotidiano da cozinha. Nesse sentido, procuro evocar a questão sobre o que pode estar em jogo para os atores quando se tratam de escolhas alimentares, levando em conta como estas podem revelar estilos de vida particulares, estando intimamente ligadas às maneiras de viver e de interação com o Estado.
Abstract This paper aims to go through the every day life of a Community Kitchen (DC) located in a unit Screening and Waste Composting (UTC) ― popularly known as "dump" ― on the outskirts of the city of Porto Alegre. Guided by the field of food anthropology I focus on food experiences shared by recycling workers attending the kitchen, paying attention to the practices and meanings that surround the feeding act and ways to perceive the social programs executed there. Therefore, I go from the Community Kitchen as a privileged locus for understanding the life style of the actors, and also as a starting point to critically rethink the state from it margins. To the methodological strategy is focused on social interaction through ethnography through which attempts to analyze the kitchen everyday. In this sense I try to evoke the question of what may be at stake for the actors when it's food choices in terms of how these styles can reveal private lives is closely linked to the ways of living of interaction with the state.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/130028
Arquivos Descrição Formato
000972833.pdf (2.301Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.