Repositório Digital

A- A A+

Implementação de uma Plataforma de Stewart

.

Implementação de uma Plataforma de Stewart

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Implementação de uma Plataforma de Stewart
Autor Almeida, Diogo de
Orientador Laranja, Rafael Antonio Comparsi
Data 2014
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Curso de Engenharia de Controle e Automação.
Assunto Engenharia de controle e automação
[en] Crank and connecting rod mechanism
[en] Stewart platform
Resumo Neste trabalho, são descritos os detalhes de projeto, implementação e automatização de uma Plataforma de Stewart. O protótipo desenvolvido possui aproximadamente 16 cm de comprimento, 16 cm de largura e 25 cm de altura e utiliza servo motores e um mecanismo biela manivela como alternativa ao uso de atuadores lineares. As juntas utilizadas para união entre base, elos e plataforma são do tipo esféricas. O dimensionamento dos elementos e da estrutura da Plataforma de Stewart foi realizado tomando como base as equações de cinemática inversa, as limitações dos processos de fabricação utilizados e dos componentes utilizados. A construção do protótipo apresentou problemas dimensionais, os quais foram resolvidos através da modificação do projeto inicial. A automatização da plataforma foi realizada utilizando um controlador específico para servo motores e a programação do modelo cinemático inverso foi realizada em Matlab. A Plataforma de Stewart implementada atende a comandos provenientes de um computador e pode se movimentar em seis graus de liberdade, sendo que a maior translação possível é de 38 mm e a maior rotação possível é de 20°.
Abstract In this work the details of the design, implementation and automation of a Stewart Platform are described. The developed prototype is about 16 cm long, 16 cm wide and 25 cm tall and uses servomotors and a crank and connecting rod mechanism as an alternative for the use of linear actuators. Ball joints were used to join the base, links and platform. The Stewart Platform dimensions and structure were defined based on the inverse kinematic model, limitations of the manufacturing processes used and limitations of the elements used. The prototype construction had dimensional problems that were solved by changing the initial design. The platform automation used a dedicated servo motor controller and all the inverse kinematic model coding was done in Matlab. The implemented Steward Platform recognizes commands sent by a computer and is able to move in six degrees of freedom, with maximum translational movement of 38 mm and maximum rotational movement of 20°.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/130162
Arquivos Descrição Formato
000976234.pdf (1.470Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.