Repositório Digital

A- A A+

Acumulação por espoliação no capitalismo contemporâneo

.

Acumulação por espoliação no capitalismo contemporâneo

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Acumulação por espoliação no capitalismo contemporâneo
Outro título Accumulation by dispossession on contemporary capitalism
Autor Sibemberg, Raul Trajano
Orientador Milan, Marcelo
Data 2015
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Curso de Ciências Econômicas.
Assunto Economia
[en] Accumulation by dispossession
[en] Contemporary capitalism
[en] Neoliberalism
[en] Overaccumulation
Resumo Desde o período de acumulação intensiva após a segunda guerra mundial e o deflagrar da crise dos anos 1970, o capitalismo passou por importantes mudanças nos seus padrões de acumulação. Desde a crise, diversos serviços e atribuições públicas como sistemas de proteção social foram desmontados e convertidos em fontes de lucro. Sob o paradigma neoliberal, legislações trabalhistas foram flexibilizadas, direitos adquiridos durante anos de disputas políticas foram revogados. O setor financeiro foi desregulamentado, permitindo a elevação das finanças à posição hegemônica nos circuitos de acumulação. A mundialização do capital e o crescimento da importância do investimento estrangeiro direto nos fluxos internacionais de capital promoveram uma aceleração da expansão territorial do sistema capitalista, ocasionando novos processos de acumulação primitiva. Nessa fase recente do capitalismo, as tensões políticas entre mercados e sociedades desencadearam importantes forças de transformação social. O trabalho procura mostrar como a lógica da acumulação por espoliação tem se tornado importante meio por onde o capital contorna os problemas de sobreacumulação, produzindo no capitalismo contemporâneo a intensificação dos avanços do sistema de mercado sobre as sociedades. Essa lógica se manifesta tanto na expansão territorial do capitalismo quanto através de avanços políticos do sistema de mercado tais como a privatização de serviços e bens públicos, a perda de direitos e a mercantilização de commons.
Abstract Since the intensive accumulation period past the World War II and the triggering of the accumulation crisis of the 70’s, capitalism has been through important transformations on its patterns of accumulation. Since the crisis, several public services and duties, such as social protection systems, have been dismantled and turned into sources of profit. Under the neoliberal paradigm of policies, employment legislations were made flexible, and rights acquired through years of class struggle were revoked. The finance sector has been deregulated, allowing the finances to raise to a hegemonic position in the accumulation circuits. The internationalization of capital and the growing importance of direct foreign investment on the international flows of capital have increased the speed of the territorial expansion of capitalism, leading to new episodes of primitive accumulation. At the recent phase of capitalism, political tensions between markets and societies have unleashed powerful forces of social transformation. This text seeks to show how the logic of accumulation by dispossession has been turning into an important means to which capital thrives on the verge of over accumulation problems, producing in recent times the intensification of the market system’s advances over societies. This logic manifests itself in the territorial expansion of capitalism as well as through the political advances of the market system such as the privatization of public goods and services, the loss of rights and the commodification of commons.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/130326
Arquivos Descrição Formato
000975918.pdf (631.1Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.