Repositório Digital

A- A A+

Efeito da redução do aporte nutricional na diversidade genotípica e nos fatores de virulência de bactérias cariogênicas isoladas de dentina cariada selada

.

Efeito da redução do aporte nutricional na diversidade genotípica e nos fatores de virulência de bactérias cariogênicas isoladas de dentina cariada selada

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Efeito da redução do aporte nutricional na diversidade genotípica e nos fatores de virulência de bactérias cariogênicas isoladas de dentina cariada selada
Outro título Stress starvation effect on the genotypic diversity and virulence factors of cariogenic bacteria isolated from sealed carious dentin
Autor Damé-Teixeira, Nailê
Orientador Maltz, Marisa
Co-orientador Parolo, Clarissa Cavalcanti Fatturi
Data 2015
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. ODONTOLOGIA.
Assunto Carie dentaria
Lactobacilos
Streptococcus mutans
Resumo No tratamento de lesões profundas de cárie, a Remoção Parcial de Dentina Cariada (RPDC) e restauração tem sido proposta como alternativa conservadora para evitar perda de tecido dentário e exposição pulpar. Existe uma hipótese de que uma seleção de bactérias ocorre abaixo de restaurações devido a um acesso limitado de nutrientes. No entanto, há falta de conhecimento sobre a diversidade e potencial de virulência das bactérias cariogênicas residuais seladas abaixo de restaurações sobre dentina cariada. O objetivo deste estudo foi caracterizar Streptococcus mutans e lactobacilos isolados de dentina cariada antes e após o estresse nutricional por selamento da cavidade. S. mutans e lactobacilos foram obtidos por cultivo da dentina cariada de lesões cavitadas de quatro e seis pacientes, respectivamente. Duas amostras de dentina cariada foram coletadas e cultivadas por paciente: uma antes e outra após três meses de selamento da cavidade. Colônias de S. mutans e lactobacilos preditos foram selecionadas, isoladas e analisadas por coloração de Gram. Genes “housekeeping” foram utilizados na identificação da espécie (gtfB para S. mutans e pheS/rpoA/groEL/16SrRNA para lactobacilos) e a técnica de AP-PCR foi utilizada para genotipagem. A análise fenotípica (produção de ácido e de tolerância ao ácido) foi realizada. Um total de 48 isolados representativos de S. mutans foram analisados (31 antes e 17 após estresse nutricional por meio do selamento). O número de genótipos diferentes de S. mutans encontrado foi de nove e seis antes e após selamento, respectivamente. Pelo menos um dos genótipos encontrados antes do selamento foi também encontrado na dentina após o estresse nutricional por meio do selamento. Em relação aos lactobacilos, analisou-se 86 cepas, 41 antes e 45 após estresse nutricional. L. paracasei e L. rhamnosus prevaleceram e apenas quatro isolados não pertenciam a estas espécies. Um total de 27 e 15 genótipos de lactobacilos diferentes foram encontrados antes e após selamento, respectivamente. Não houve diferença entre isolados de S. mutans e lactobacilos de dentina cariada antes e após o estresse nutricional na produção de ácido ou tolerância ao ácido. L. paracasei apresentaram menor valor de pH em 48h de crescimento. Em conclusão, a diversidade genotípica diminuiu após o estresse nutricional, mas a virulência de S. mutans e lactobacilos permaneceu a mesma. L. rhamnosus foi selecionado após o estresse nutricional. Algumas espécies de lactobacilos apareceram após o selamento, sugerindo pressão seletiva no sítio antes do selamento pela alta disponibilidade de nutrientes. Mais estudos avaliando outras características de virulência são necessários para entender melhor a cariogenicidade das cepas residuais seladas abaixo de restaurações e para compreender a resistência de L. rhamnosus a este sítio.
Abstract A hypothesis exists that a selection of bacteria occurs underneath restoration due to a limited access of nutrients. However, there is a lack of evidence regarding their role in the progression of carious process beneath restorations after Partial Dentin Caries Removal. It still unclear if the diversity and the virulence potential of the sealed bacteria remain the same after sealing. The aim of this study was to characterize Streptococcus mutans and Lactobacillus species isolated from caries dentin before and after starvation stress by cavity sealing. S. mutans and lactobacilli were obtained by culture of carious dentin from four and six patients, respectively. Two carious dentin samples were collected and cultured per patient: 1st before and 2nd after three months of cavity sealing. Presumptive S. mutans and lactobacilli were selected, isolated and analyzed by Gram staining. Housekeeping genes sequencing were used to the species identification (gtfB for S. mutans and pheS/rpoA/groEL/16SrRNA for lactobacilli) and Arbitrary Primer-PCR (AP-PCR) was used for genotyping. Phenotypic analysis (acid production and acid tolerance) was performed. A total of 48 representative S. mutans isolates were genotyped (31 before and 17 after the sealing). The number of different genotypes identified was nine and six before and after sealing, respectively. At least one of the genotypes found before the sealing was also found on dentin after the sealing in all patients. Regarding lactobacilli, it was analyzed 86 strains, 41 before and 45 after starvation stress by sealing. L. paracasei and L. rhamnosus prevailed and only four isolates did not belong to these species. A total of 27 and 15 different genotypes were found before and after sealing, respectively. There was no difference between isolates from carious dentin before and after starvation stress, neither regarding acid production or acid tolerance, although L. paracasei showed lower pH value in 48 h of growth. In conclusion, genotypic diversity of S. mutans decreased after starvation stress, but the virulence traits of S. mutans remained unchangeable. L. paracasei and L. rhamnosus were the most prevalent species of this genus, besides L. rhamnosus was selected after starvation stress. There was a decreased genotypic diversity of lactobacilli at the strains level and an increased diversity of species in sealed carious dentin. More studies evaluating other virulence traits are necessary to better understand the cariogenicity of the residual strains underneath restorations and to understand the resistance of L. rhamnosus to this site.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/130444
Arquivos Descrição Formato
000976889.pdf (2.286Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.