Repositório Digital

A- A A+

A disputa por hegemonia em ação : uma análise de julgamentos de alunos de uma escola municipal e de uma escola privada sobre qualidade na educação

.

A disputa por hegemonia em ação : uma análise de julgamentos de alunos de uma escola municipal e de uma escola privada sobre qualidade na educação

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A disputa por hegemonia em ação : uma análise de julgamentos de alunos de uma escola municipal e de uma escola privada sobre qualidade na educação
Autor Golbspan, Ricardo Boklis
Orientador Gandin, Luís Armando
Data 2015
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Qualidade da educação
[en] Articulation
[en] Hegemony
[en] Ideology
[en] Quality of education
Resumo Esta dissertação analisa as articulações da disputa por hegemonia com julgamentos sobre o significado de qualidade da educação de alunos de uma escola municipal e de uma escola privada de Porto Alegre. O trabalho vincula-se ao campo da Sociologia da Educação na medida em que se interessa pelo estudo da estabilidade e da mudança da hegemonia e suas relações com a realidade educacional. Para tal estudo, considera-se necessária a operação de complexa teoria, utilizando-se os conceitos de ideologia, articulação e hegemonia, além de complexa metodologia, optando-se por uma análise relacional. Este estudo toma alunos como público de pesquisa para incluir julgamentos daqueles que são atendidos pela educação no debate sobre a educação. Estes são julgamentos sobre um tema específico: a qualidade. A opção por estudar os julgamentos dos alunos sobre esta palavra decorre de que ela tem sido considerada o eixo fora do qual não tem sido possível o diálogo sobre avanços educacionais, independentemente do que signifique. A partir do entendimento bakhtiniano de que a disputa pelo significado da palavra é o indicador preciso da disputa pela ideologia, analisa-se como se articulam os julgamentos dos alunos sobre o que é qualidade, para que se possa compreender então a ideologia. Relaciona-se, assim, a ideologia presente nos julgamentos dos alunos com a hegemonia, e se a relaciona com as condições sociais específicas dos alunos. Neste sentido, a opção por alunos de uma escola privada e de uma escola municipal advém do interesse de entender como a questão de classe, bem como os projetos pedagógicos das escolas, influencia nos seus julgamentos. Os dados obtidos apontaram como os alunos, ao mesmo tempo que interagem com as influências de seus contextos específicos e com a hegemonia, ativamente rearticulam sentidos e constituem julgamentos ideológicos sobre o que é qualidade. As diferentes formas como a noção de qualidade é interpretada, nos cenários pesquisados, e as possibilidades de confronto a noções vinculadas à hegemonia de mercado, articuladas nos julgamentos, apontam para o caráter histórico e instável da hegemonia na educação.
Abstract The present thesis aims at analysing the articulations of the dispute for hegemony with judgements about the meaning of quality in education from students from a municipal and a private school in Porto Alegre. This research is linked to the field of Sociology of Education in that it is interested in the study of stability and change of hegemony and its relations to educational reality. For this task, complex theory operation is required, and, in this sense, ideology, articulation and hegemony are key concepts here. Also, complex methodology is important for this complex enterprise, and relational analysis is also basal in this study. This investigation takes students as its research public, in order to include judgements of those who are the target in education in the debate of education. These are judgements about a specific matter: quality. The option for studying student’s judgements about this particular word stems from the fact it has been considered an axis outside which it has been impossible a dialogue about educational improvements, despite what it means. Based on the bakthinian understanding that the dispute for the meaning of a word indicates precisely the dispute for ideology, it is analysed how student’s judgements about quality are articulated, in order to understand ideology. So, ideology in their judgements is related to hegemony, and also to student’s specific social conditions. In this sense, the option for students from a private and a municipal school comes from an interest in understanding how the matter of class, as well as the pedagogic projects from each school, influences their judgements. Data obtained indicates how, at the same time students interact with the influences of their specific contexts and with hegemony, they actively rearticulate meanings and constitute ideological judgements about quality. The different ways the notion of quality is interpreted, in the research field, and the possibilities of confrontation to notions linked to the hegemony of market, articulated in their judgements, point to the historic and unstable properties of hegemony in education.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/130839
Arquivos Descrição Formato
000975402.pdf (3.883Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.