Repositório Digital

A- A A+

Jovens e livros didáticos : leituras que marcam/demarcam

.

Jovens e livros didáticos : leituras que marcam/demarcam

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Jovens e livros didáticos : leituras que marcam/demarcam
Outro título Young and textbooks : reading that mark/demarcate
Autor Gil, Carmem Zeli de Vargas
Azevedo, Paulo Sérgio de Souza de
Resumo Inspirados no universo de leituras de jovens do ensino médio, planejamos a segunda etapa da pesquisa intitulada Docência em História em diálogo com as culturas juvenis, que vem sendo realizado na Faculdade de Educação da UFRGS. A pesquisa assenta-se nos postulados da história cultural, em especial nos estudos desenvolvidos pelo historiador Roger Chartier, dentre outros autores. Do ponto de vista metodológico, os dados para essa reflexão foram construídos a partir de três grupos de conversação que agregam alguns procedimentos do grupo focal e do grupo de discussão. Foi possível identificar diferentes usos dos livros didáticos, quase sempre condicionados à mediação dos professores. Nem tudo foi crítica aos LD, pois, em alguns momentos da conversa, foram descritos como “de conteúdo confiável”, e alguns foram elogiados por “suas cores” e capacidade de trazer “referências diversas”. Foi interessante perceber que a referência à leitura literária aparece de forma contundente nas falas, evidenciando a articulação que os jovens estabelecem entre a leitura literária e a que os livros didáticos propõem.
Abstract We inspired by the universe of readings of youngs of the secondary school, we plan the second stage of the research entitled Docência em História em diálogo com as culturas juvenis, which has been made in the Faculdade de Educação da UFRGS. The research rests in the postulates of cultural history, in particular in the studies developed by historian Roger Chartier, including other authors. From the viewpoint methodological, the data for this reflexion were built from of three talkgroups that aggregate some procedures of the focus group and of the discussion groups. It was possible indetified different uses of the textbooks, often conditioned to mediation of teachers. Not everything was critical to textbooks, because, at certain times, been described how “of reliable content”, and some were praised for “their colors” and ability to bring “various references”. It was interesting to note that the reference to literary reading appears so bruising in speech, showing the articulation that youth establish between the literary Reading and that the textbooks offer.
Contido em Expedições: Teoria da História e Historiografia. Goiás, GO. Vol. 6, n. 1 (jan. 2015), p. 269-287.
Assunto Juventude
Leitura
Livro didático
[en] Reading modes
[en] Textbooks
[en] Young
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/131130
Arquivos Descrição Formato
000975710.pdf (384.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.