Repositório Digital

A- A A+

Os estudantes africanos nas instituições de ensino superior brasileiras : o Programa de Estudante Convênio de Graduação (PEC-G)

.

Os estudantes africanos nas instituições de ensino superior brasileiras : o Programa de Estudante Convênio de Graduação (PEC-G)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Os estudantes africanos nas instituições de ensino superior brasileiras : o Programa de Estudante Convênio de Graduação (PEC-G)
Autor Cabral, Frederico Matos Alves
Orientador Neves, Clarissa Eckert Baeta
Data 2015
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Sociologia.
Assunto Estudante
Política educacional
Políticas públicas
Sistema de ensino
Sociologia da educação
[en] Educational cooperation
[en] Family and african students
[en] PEC-G
Resumo Na sociedade contemporânea constata-se uma crescente necessidade de aumento da escolarização das populações, de aquisição de mais competências para enfrentar o mercado de trabalho e a aspiração das famílias por mobilidade social através da educação. Esses fatores têm contribuído para a crescente valorização da educação, especialmente no seu nível superior. A presente dissertação tem como objetivo central analisar o Programa de Estudantes Convênio de Graduação (PEC-G), como política de acesso ao ensino superior para os estudantes africanos nas Instituições de Ensino Superior (IES) brasileiras. Foi realizada uma pesquisa com caráter quanti- qualitativo. Como resultado, constatou-se que a inserção dos jovens africanos nas universidades brasileiras por meio do PEC-G, consiste na aquisição de capital cultural por meio da conquista do diploma universitário. Evidenciou-se também que, uma das principais instituições responsáveis para ingresso ou permanência destes estudantes no meio acadêmico brasileiro é a própria família, através do seu apoio moral ou material. O fenômeno do preconceito e da discriminação racial, elemento desconhecido no país de origem, acaba sendo uma das barreiras encontradas por estes jovens ao ingressarem no Brasil. Perante as limitações da estrutura do programa, as redes de amizade (capital social) por meio dos conterrâneos desempenham um papel fundamental para permanência destes jovens no meio acadêmico brasileiro. O PEC-G é um dos instrumentos de cooperação educacional mais antigo do qual o Brasil dispõe com os Estados africanos no âmbito da cooperação Sul-Sul. Apesar de dar oportunidades aos jovens deste continente, ele também apresenta fragilidades em facilitar as condições para ingresso e permanência dos mesmos nas cidades e IES onde cursam as suas graduações. Estas fragilidades são percebidas desde o processo seletivo até o momento do acolhimento no aeroporto. Destaca-se também a falta de participação de muitos países africanos signatários de PEC-G em fornecer condições ou mecanismos que visam melhorar economicamente as estadias dos seus cidadãos no Brasil.
Abstract In contemporary society there is a growing need to increase the education of the people, for the acquisition of more powers to deal with the labor market and the aspiration of families by social mobility through education. These factors have contributed to the increasing appreciation of education, especially in its upper level. This dissertation has as main objective the Program Arrangement Students Graduate (PEC-G), as policy for access to higher education for the African students in Higher Education institutions (HEIs) Brazilian. It was, of a search with character quanti- qualitative. As a result, it was found that the insertion of young Africans in Brazilian universities through the PEC-G, consists in the acquisition of cultural capital through the conquest of university diploma. It was observed also that one of the main institutions responsible for entry into or residence of these students in academia Brazilian is the family itself, through its moral support or material. The phenomenon of prejudice and racial discrimination, unknown element in the country of origin, it ends up being one of the obstacles encountered by these young people to join in Brazil. In view of the limitations of the program's structure, networks of friendship (social capital) through the countrymen play a fundamental role for the continuance of these young people in academia Brazilian. The PEC-G is one of the instruments of cooperation educational older which Brazil has with the African States in the context of South-South cooperation. Although give opportunities to young people on this continent, it also presents weaknesses in facilitating the conditions for entry and residence in the cities and SPECIES where coursing their graduations. These weaknesses are perceived from the selective process up to the time of the welcoming at the airport. Also noteworthy is the lack of participation of many African countries signatories of PEC-G to provide conditions or mechanisms that aim to improve economically the stays of its citizens in Brazil.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/131630
Arquivos Descrição Formato
000977642.pdf (3.161Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.