Repositório Digital

A- A A+

A cultura política dos Sateré-Mawé : a relação entre os povos indígenas e o estado brasileiro

.

A cultura política dos Sateré-Mawé : a relação entre os povos indígenas e o estado brasileiro

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A cultura política dos Sateré-Mawé : a relação entre os povos indígenas e o estado brasileiro
Autor Silva, Raimundo Nonato Pereira da
Orientador González, Rodrigo Stumpf
Data 2014
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Ciência Política.
Assunto Brasil
Ciências políticas
Cultura política
Povos indígenas
Relações políticas
[en] Indigenous demands
[en] Political relationship
[en] Sateré-Mawé people
Resumo No presente estudo contextualizamos a relação política entre os Sateré-Mawé e o Estado na Microrregião de Parintins-AM. Analisamos as estruturas políticas do poder público e as dos Sateré-Mawé, refletimos sobre as atitudes dos indígenas e do poder público a partir das ações da FUNAI, SESAI e das instituições de educação e ponderamos sobre o comportamento dos agentes e de suas instituições frente às demandas indígenas. Para tanto, recorremos ao paradigma comportamentalista centrado na cultura política para analisarmos o universo político, a relação entre os Sateré-Mawé e o poder público e para compreendermos o sentido e significado dos aspectos culturais, bem como conhecermos as estruturas que ordenam as ações políticas. Como hipótese para consolidar nossa reflexão, centramo-nos na ideia de que a cultura define e organiza a relação entre os agentes no campo político, a cultura mantém a estrutura e consolida o sistema político, e por fim, os empreendimentos estatais atingem seus objetivos na medida em que criam fortes demandas administrativas e políticas com o objetivo de esvaziar as demandas políticas indígenas. Organizamos a reflexão em torno do campo de poder, cultura e comportamento, visando problematizar a questão do campo político e sua relação com a estratégia política. Discutimos aspectos relativos à cultura e à estrutura política e, por fim, abordamos e tematizamos as estratégias de reprodução e o comportamento político. Destacamos os processos históricos que marcaram a relação entre indígenas, Igreja e Estado brasileiro, centrando atenção também em questões relativas à cultura e à política, interligando-as aos sistemas e à linguagem política, bem como à questão da mediação política e participação. Além disso, procuramos discutir aspectos relacionados ao comportamento político indígena e indigenista. Nesse contexto, tecemos considerações sobre a objetividade e atitude política, questões relativas ao cognitivo e ação política e discorremos sobre história e cultura, abordando ainda aspectos relativos a diferenças.
Abstract The present study contextualizes the political relationship between the Sateré-Mawé people and State in the Parintins Micro-region in Amazonas state (AM), Brazil. We analyze the political structures of the government and the Sateré-Mawé, reflect on government and indigenous attitudes based on the actions of FUNAI (The National Indian Foundation), SESAI (Indigenous Health Division) and educational institutions and consider the behavior of agents and their institutions in relation to indigenous demands. To that end, we use the behaviorist paradigm centered on political culture to analyze the political universe, the relationship between the Sateré-Mawé people and the government and to understand the meaning and significance of cultural aspects, in addition to learning about the structures that regulate political action. As a hypothesis to consolidate our reflection, we focus on the idea that culture defines and organizes the relationship between agents in the political arena, maintains structure and consolidates the political system and, finally, that government enterprises achieve their objectives insofar as they create strong administrative and political demands aimed at meeting indigenous political needs. Reflection is organized around the fields of power, culture and behavior, aimed at investigating the issue of the political arena and its relationship with political strategy. We discuss aspects related to political culture and structure, addressing and conceptualizing implementation strategies and political behavior. We highlight the historical processes that have marked the relationship between indigenous peoples, the church and the Brazilian government and focus on issues pertaining to culture and politics, interlinking them with political systems and languages, as well as the issue of political mediation and participation. Elements related to political and indigenous behavior are also discussed. In this context, we compile considerations on political objectivity and attitudes, which are related to cognitive aspects and political action. History and culture are also addressed, in addition to elements pertaining to differences.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/131642
Arquivos Descrição Formato
000946338.pdf (1.799Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.