Repositório Digital

A- A A+

Expressão do gene e da proteína P63 em células da granulosa luteinizadas de pacientes inférteis submetidas a fertilização in vitro

.

Expressão do gene e da proteína P63 em células da granulosa luteinizadas de pacientes inférteis submetidas a fertilização in vitro

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Expressão do gene e da proteína P63 em células da granulosa luteinizadas de pacientes inférteis submetidas a fertilização in vitro
Autor Chiesa, Joelmir José
Orientador Cunha Filho, João Sabino Lahorgue da
Data 2015
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Medicina: Ciências Médicas.
Assunto Células da granulosa
Endometriose
Fertilização in vitro
Infertilidade
[en] Endomeriosis
[en] Infertility
[en] p53 family
[en] p63 gene
[en] p63 protein
Resumo Introdução: O gene p63 é o mais ancentral membro dos integrantes da família p53 e é descrito como o responsável pela manutenção da integridade gênica e regulação do ciclo celular em células germinativas imaturas. Porém, ainda não há relatos na literatura que avaliem sua expressão em células da granulosa luteinizadas. A endometriose é uma doença crônica que está associada à infertilidade. Vários mecanismos foram propostos para explicar esta associação, mas, até o momento, nenhum deles é considerado definitivo. Objetivos: O objetivo desse estudo é avaliar a expressão do gene e da proteína p63 em células da granulosa luteinizadas de pacientes inférteis submetidas à fertilização in vitro (IVF). Além disso, verificar se pacientes com endometriose apresentam função anormal da p63. Métodos: Realizamos um estudo transversal e prospectivo. Nós coletamos células da granulosa de 28 pacientes submetidas a IVF para avaliar a expressão de p63. Depois, para estudar o efeito na endometriose dividimos em dois grupos: (1) grupo estudo (n=9): pacientes com diagnóstico videolaparoscópico de endometriose e (2) grupo controle (n=19): pacientes inférteis por outros motivos, sem endometriose. As células coletadas foram preparadas e analisadas para expressão gênica (PCR em tempo real) e expressão proteica (imunofluorescência). Os resultados foram comparados entre os grupos. Resultados: Não observamos diferença significativa de expressão do gene p63 entre os grupos estudados. A mediana do 2-ΔΔCT no grupo controle foi 0,93 (IC 95%, 0,55- 2,83) e 0,88 no grupo em estudo (IC 95%, 0,24-2,84). O resultado também mostrou que o gene p63 não é expresso nos dois grupos. Quanto à expressão da proteína p63, a imunofluorescência não demonstrou expressão em nenhum dos dois grupos. Conclusão: O gene e a proteína p63 podem ser muito importantes na manutenção da integridade gênica de folículos imaturos de reserva, não dependentes de FSH. Porém, após o recrutamento e crescimento folicular, não se observa mais sua expressão, ou seja, ele não faz parte da maturação e desenvolvimento oocitário.
Abstract Introduction: The p63 gene is the most ancient member of the components of p53 family and is described as the responsible for maintaining of genic integrity and cell cycle regulation in immature germ cells. However, there are no reports in the literature evaluating its expression in granulosa cells luteinized. Endometriosis is a chronic disease that is associated with infertility. Several mechanisms have been proposed to explain this association, but so far, none of them is considered definitive. Objectives: The purpose of this study is to evaluate the expression of the p63 gene and protein in granulosa luteinized cells of infertile patients undergoing in vitro fertilization (IVF). Also, we checked whether patients with endometriosis have abnormal function of p63. Methods: We performed a prospective cross-sectional study. We collected granulosa cells of 28 patients undergoing IVF to evaluate p63 expression. Then, to study the effect on endometriosis, they were divided into two groups: (1) study group (n = 9): patients with laparoscopic diagnosis of endometriosis and (2) control group (n = 19): infertile patients for other reasons, without endometriosis . The collected cells were prepared and analyzed for gene expression (real time PCR) and protein expression (immunofluorescence). The results were compared between the groups. Results: There was no significant difference in expression of the p63 gene between the groups. The median of 2-ΔΔCT in the the control group was 0.93 (95% CI, 0.55 to 2.83) and 0.88 in the study group (95% CI, 0.24 to 2.84). The results also showed that the p63 gene is not expressed in granulosa cells in both groups. About to the p63 protein expression, immunofluorescence showed no expression in either group. Conclusion: The p63 gene and protein can be very important in maintaining the genic integrity of immature reserve follicles, not dependent of FSH. However, after the recruitment and follicular growth is not more observed its expression, suggesting that p63 is not part of control of oocyte maturation and development.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/131971
Arquivos Descrição Formato
000980684.pdf (1.456Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.