Repositório Digital

A- A A+

Escore syntax prediz eventos cardíacos maiores em pacientes submetidos à cineangiocoronariografia eletiva para a investigação de doença arterial coronariana

.

Escore syntax prediz eventos cardíacos maiores em pacientes submetidos à cineangiocoronariografia eletiva para a investigação de doença arterial coronariana

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Escore syntax prediz eventos cardíacos maiores em pacientes submetidos à cineangiocoronariografia eletiva para a investigação de doença arterial coronariana
Autor Fuchs, Felipe Costa
Orientador Ribeiro, Jorge Pinto
Data 2012
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde: Cardiologia e Ciências Cardiovasculares.
Assunto Angiografia coronária
Doença da artéria coronariana
Revascularização miocárdica
Resumo Introdução: A classificação de lesões coronárias por diferentes escores angiográficos ajudam a estabelecer o prognóstico da doença arterial coronariana (DAC), mas os escores não são amplamente utilizados na prática clínica. O escore SYNTAX prediz eventos cardíacos adversos maiores (ECAM) em pacientes tratados por intervenção coronária percutânea (ICP) em vários cenários clínicos. A habilidade desse escore em predizer desfechos em pacientes com suspeita de DAC submetidos à cineangiocoronariografia diagnóstica ainda não foi avaliada. Objetivos: Avaliar a capacidade prognóstica do escore SYNTAX em predizer ECAM, em uma coorte de pacientes submetidos à cineangiocoronariografia eletiva. Métodos: O escore SYNTAX foi calculado prospectivamente em 895 pacientes arrolados em uma coorte de pacientes com suspeita de DAC, submetidos a cineangiocoronariografia eletiva, no Hospital de Clínicas, Porto Alegre, Brasil. Os escores SYNTAX foram estratificados nas seguintes categorias: SYNTAXZERO: 0 (n=495), SYNTAXBAIXO: :>0 and <23 (n=346) e SYNTAXALTO (n=54). O desfecho primário foi ECAM, um composto de morte cardíaca, infarto do miocárdio e revascularização tardia. Desfechos secundários foram os componentes do ECAM e morte por qualquer causa. Resultados: No total, 895 pacientes com escore SYNTAX foram incluídos na coorte e acompanhados, em média, por 1,8 ± 1.4 anos. Para 495 pacientes o escore SYNTAX foi 0 (55,4%), sendo positivo em 400 (44,6%), variando de 1 a 43 com uma média de 12,6 (intervalo de confiança, IC, de 95% 11,7–13,4). O desfecho primário ocorreu em 2,2, 15,3 e 20,4% das categorias SYNTAXZERO, SYNTAXBAIXO, SYNTAXALTO, respectivamente. Pacientes das categorias SYNTAXBAIXO e SYNTAXALTO obtiveram um hazard ratio (HR) ajustado, para ECAM, de 7,0 (IC 95% 3,6-13,4) e 12,3 (IC 95% 5,2- 29,0), comparados à categoria SYNTAXZERO, respectivamente. Para morte por qualquer causa, HR para os grupos SYNTAXBAIXO e SYNTAXALTO foram de 0,8 (IC 95% 0,4-1,7) e 4,1 (IC 95% 1,8-9,3), respectivamente. Morte cardíaca, infarto do miocárdio e revascularização tardia tiveram assossiação significativa com a categoria SYNTAXALTO (P<0,001) Conclusões: Escore SYNTAX prediz, independentemente, ECAM em pacientes com suspeita de DAC submetidos à cineangiocoronariografia eletiva. O uso rotineiro dessa ferramenta pode ajudar a identificar os pacientes com pior prognóstico neste cenário.
Abstract Background: The classification of coronary lesions by several scores helps to establish the prognosis of chronic coronary artery disease (CAD), but they are not widely used in clinical practice. The SYNTAX score (SXscore) can predict major adverse cardiovascular events (MACE) in patients treated with percutaneous coronary intervention (PCI), in multiple clinical scenarios. Its ability to predict outcomes in patients with suspected CAD submitted to diagnostic angiography has not been tested to date. Objectives: To evaluate the prognostic performance of the SXscore to predict MACE in a cohort of patients undergoing elective coronary angiography. Methods: The SXscore was calculated prospectively in 895 patients enrolled in a cohort of patients with suspected CAD submitted to coronary angiography at Hospital de Clínicas de Porto Alegre, Brazil. The SXscore was stratified in the following categories: SXscoreZERO: 0 (n=495), SXscoreLOW:>0 and <23 (n=346) and SXscoreHIGH: ≥23 (n=54).Primary outcome was MACE, a composite of cardiac death, myocardial infarction, and late revascularization. Secondary endpoints were the components of MACE and death from any cause. Results: In total, 895 patients with SXscore were included in the cohort and followed, on average, by 1.8 ± 1.4 years. There were 495 patients with a score of 0 (55.4%) and 400 (44.6%) with positive scores, ranging from 1 to 43, with a mean of 12.6 (95% CI 11.7–13.4). The primary outcome occurred in 2.2%, 15.3% and 20.4% of the SXscoreZERO, SXscoreLOW, and SXscoreHIGH, respectively (P<0.001). Patients in the SXscoreLOW and SXscoreHIGH categories had an adjusted hazard ratio (HR) for MACE of 7.0 (95% CI 3.6-13.4) and 12.3 (95% CI 5.2-29.0) compared to the SXscoreZERO category, respectively. For all-cause death, HR for SXscoreLOW and SXscoreHIGH were 0.8 (95% CI 0.4-1.7) and 4.1 (95% CI 1.8-9.3), respectively. Cardiac death, MI, and late revascularization were all significantly associated with the SXscoreHIGH category (P<0.001). Conclusions: SXscore independently predicts MACE in patients with suspected CAD submitted to elective coronary angiography. The routine use of this tool may help to identify patients with worse prognosis in this scenario.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/132118
Arquivos Descrição Formato
000982199.pdf (1.074Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.