Repositório Digital

A- A A+

A projeção da cidade nas efemérides jornalísticas : estudo do suplemento Cultura de Zero Hora (2006-2009)

.

A projeção da cidade nas efemérides jornalísticas : estudo do suplemento Cultura de Zero Hora (2006-2009)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A projeção da cidade nas efemérides jornalísticas : estudo do suplemento Cultura de Zero Hora (2006-2009)
Outro título The projection of the city on anniversaries in journalism: a study of Zero Hora's supplement Cultura ( 2006-2009)
Autor Golin, Cida
Cavalcanti, Anna Hartmann
Rocha, Júlia Corrêa da
Resumo As efemérides sinalizam o poder do campo jornalístico de construção da memória social, de participar das disputas que definem aquilo que deve ser lembrado e os modos de acionar esta lembrança. Nas rotinas planejadas do jornalismo cultural, são recursos para atualizar e reinserir temas, personagens e produtos na economia da oferta de bens culturais. Este artigo discute como o suplemento Cultura de Zero Hora, entre 2006 e 2009, recorreu às efemérides e de que forma a escolha de boa parte dos eventos cíclicos configurou-se como narrativa daquilo que deve ser lembrado sobre a cidade. Retomam-se índices obtidos na análise de conteúdo de 1.413 textos em 208 edições do caderno Cultura de ZH no período. Desse total, analisa-se um conjunto de temas de capa selecionados para discussão. A presentificação do passado aponta para três movimentos de projeção da cidade: a espacialidade personalizada, a espacialidade material e a espacialidade imaterial.
Abstract An anniversary indicates the power of the journalistic field to build social memory, participating on the disputes that define what must be reminded and the ways to operate this remembrance. On the planed routines of cultural journalism, anniversaries are resources to update and reinsert themes, characters and products in the economy of what is being offered in terms of cultural goods. This paper discusses how Zero Hora’s supplement Cultura, between 2006 and 2009, used anniversaries and how the selection of a great part of the cyclical events has been structured as a narrative of what must be reminded about the city. It is based on obtained data from the content analysis of 1.413 texts in 208 editions. From this total, a series of cover themes were selected and analyzed for discussion. The presentification of the past indicates three movements of the city projection: the personalized spatialization, the material spatiality and the immaterial spatiality.
Contido em Intexto. Porto Alegre. N. 34 (set./dez. 2015), p. 623-639
Assunto Zero Hora (Jornal). Caderno Cultura
[en] Anniversary
[en] City
[en] Cultura (ZH)
[en] Cultural supplement
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/132527
Arquivos Descrição Formato
000982112.pdf (1.224Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.