Repositório Digital

A- A A+

Fatores nutricionais e não nutricionais que afetam a produção e composição do leite bovino

.

Fatores nutricionais e não nutricionais que afetam a produção e composição do leite bovino

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Fatores nutricionais e não nutricionais que afetam a produção e composição do leite bovino
Outro título Nutritional and non-nutritional factors affecting the bovine milk yield and composition
Autor Abreu, Alexandre Susenbach de
Orientador Fischer, Vivian
Data 2015
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Zootecnia.
Assunto Estresse
Nutricao animal
Producao leiteira
Qualidade do leite
Queijo
[en] Cheese
[en] Heat stress
[en] Production systems
[en] Stability
Resumo Foi conduzido um experimento para caracterizar as unidades de produção leiteira de duas regiões do Estado de Santa Catarina (Oeste e Sul), quanto ao rebanho, à infraestrutura para ordenha e conservação do leite, estratégias de alimentação e características físico-químicas do leite. Foram aplicados questionários aos produtores e realizadas coletas mensais de leite durante 11 meses, totalizando 1034 observações. Posteriormente foi realizado um experimento para avaliar a inclusão de níveis crescentes de feno de tifton 85 (Cynodon dactylon) em substituição à silagem de milho nas proporções feno: silagem de 80:20; 60:40 e 40:60, respectivamente sobre a produção leiteira e as características físico-químicas do leite de 21 vacas Jersey durante 28 dias. Complementarmente foram realizados três experimentos na estação quente para avaliar o efeito do provimento de sombra sobre as características produtivas, fisiológicas e metabólicas das vacas leiteiras e os atributos físicoquímicos do leite. Foi realizado um experimento em um laticínio da região sul de Santa Catarina para avaliar a produção de queijos tipo prato quanto as características físico-químicas e rendimento utilizando leite cru com baixa, média e alta estabilidade ao teste do álcool. A análise estatística dos dados foi efetuada com o programa SAS (2001), usando análise descritiva, avaliando a frequência de ocorrência das observações, correlação, análise de variância e regressão. O nível de produção das propriedades das regiões oeste e sul foi relacionado às características de área, número de animais no rebanho, produtividade das vacas, uso de salas de ordenha. Entretanto, existe variabilidade nas características ligadas à infra-estrutura e manejo das unidades de produção como alimentos usados, práticas de ordenha e instalações além da proporção das categorias do rebanho e raça entre as regiões. De modo geral as diferenças quanto à composição físico-química do leite foram maiores entre as regiões que entre as escalas de produção. A inclusão de 20 a 60% de feno de tifton 85 em substituição à silagem de milho não modificou o peso e escore corporal, produção leiteira e as características físico-químicas do leite. No estresse calórico moderado a severo, a privação de sombra diminuiu a produção leiteira, a estabilidade do leite, a densidade e os teores de proteína bruta, mas aumentou acidez titulável e os teores de gordura e nitrogênio ureico. Houve efeitos positivos do provimento de sombra sobre os aspectos fisiológicos, hematológicos, sobretudo em estresse moderado a severo, mas mesmo em estresse leve, o acesso à sombra manteve melhor as condições metabólicas como equilíbrio ácido-básico e reduziu o dano ao DNA. A estabilidade no teste do álcool de 72 a 76% não alterou as características físico-químicas e de rendimento do queijo tipo prato.
Abstract An experiment was conducted to characterize the dairy farms in two regions of the State of Santa Catarina (West and South), in relation to the aspects related to herd, total area, milking parlour, feeding strategies and physicochemical characteristics of milk. Questionnaires were applied to producers and raw bulk milk was collected monthly for 11 months, totaling 1034 observations. Afterwards, we conducted a trial to evaluate the increasing levels of Tifton 85 hay (Cynodon dactylon) replacing corn silage in the proportions hay:silage 80:20; 60:40 and 40:60 respectively on milk production and the physicochemical characteristics of the 21 Jersey cows fed for 28 days. In addition trials were carried out on the hot season to evaluate the effect shade provision on milk production, physiological and metabolic traits of dairy cows and the physico-chemical characteristics of milk. Finally an experiment was conducted in a dairy industry at the southern region of Santa Catarina to assess the production of dish type cheese as well as the physico-chemical characteristics using raw milk with low, medium and high stability the test of alcohol. Statistical analysis was performed with SAS (2001), evaluating descriptively the frequency of occurrence of observations, linear correlation, variance and regression. The production level of the properties of the western and southern regions were related to the area characteristics, number of animals in the herd, cows’ productivity, use of milking parlors. However, there is variability in characteristics related to the infrastructure of production units used as food, milking practices and facilities and the proportion of the categories of the herd and breed. Overall variation among observation revealed greater differences among regions than among production scales. The inclusion of 20 to 60% of Tifton 85 hay replacing corn silage did not change the weight and body condition, milk production and the physicochemical characteristics of milk. In moderate to severe heat stress, shade deprivation decreased milk production, milk stability, density and crude protein but increased titratable acidity, fat and urea nitrogen contents. Positive effects of shade provision were detected on the physiological, hematological aspects, especially in moderate to severe stress. But even in mild stress, access to shade allow cows keep better metabolic conditions such as adequate values for acid-base balance and reduced DNA damage. Stable milk from 72 to 76% of ethanol did not change the physico-chemical and yield of cheese plate.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/132810
Arquivos Descrição Formato
000985051.pdf (1.306Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.