Repositório Digital

A- A A+

Avaliação inicial do aluno com deficiência mental na perspectiva inclusiva

.

Avaliação inicial do aluno com deficiência mental na perspectiva inclusiva

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação inicial do aluno com deficiência mental na perspectiva inclusiva
Autor Sousa, Gabriela Maria Brabo
Orientador Baptista, Cláudio Roberto
Data 2007
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Criança
Deficiência mental
Educação especial
Inclusão escolar
Inclusão social
Necessidades educacionais especiais
[en] Initial evaluation
[en] Mental deficiency
[en] Resources
[en] Room of integration
[en] School inclusion
[en] Social-historical approach
[en] Special education
Resumo O presente trabalho apresenta uma pesquisa realizada entre os anos de 2005 a 2007, cujo objetivo principal foi analisar como é feita a Avaliação Inicial do aluno com indícios de Deficiência Mental e que se encontra freqüentando a Escola Regular, na perspectiva inclusiva, e de que forma essa avaliação pode contribuir para o processo de aprendizagem desse aluno. Tal pesquisa apresenta como aporte teórico o referencial sócio-histórico, mais especificamente as contribuições de Lev Seminovich Vygotsky, que defendia a realização de uma avaliação contextualizada da criança e levando em conta o contexto social onde ela está inserida, as relações desse contexto com a sua conduta e as relações da própria criança com o seu todo. A abordagem escolhida foi de natureza qualitativa, tendo como espaço a Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre. Como instrumentos metodológicos, foram utilizados: entrevistas semi-estruturadas com professores especialistas que atuam em Salas de Integração e Recursos - SIR da referida rede, visto terem sido identificados como os profissionais que atualmente realizam a avaliação inicial; análise de documentos relativos à avaliação dos alunos encaminhados a essas salas e o diário de campo de toda a trajetória de pesquisa. Buscou-se compreender quais concepções os sujeitos possuem com relação à Avaliação Inicial e qual a sua importância para o processo de aprendizagem do aluno com necessidades educacionais especiais, mais especificamente, com deficiência mental; como tais sujeitos percebem o espaço de apoio no qual atuam - a SIR e de que forma contribuem com a inclusão desse aluno no ensino comum; que sentimentos vivenciam no desenvolvimento de seu trabalho; e, por fim, qual a análise que fazem do movimento inclusivo e como percebem os alunos que atendem e a si mesmos dentro desse movimento. O desenvolvimento da pesquisa possibilitou uma visão de caminho percorrido pela avaliação inicial, que deixa de seguir um modelo clínico para privilegiar um enfoque mais educacional, sendo realizada por educadores especialistas e dentro do próprio ambiente escolar. Embora tenha sido observada certa ausência de sistematização dos procedimentos avaliativos, como também uma relativa variedade quanto aos referenciais teóricos que servem como base para a sua prática, ficou evidenciado que essa avaliação inicial apresenta características de um processo contínuo, que possui estreitas ligações com a avaliação do próprio processo de aprendizagem do aluno. Assim, a maneira como é realizada indica avanços em seu percurso na direção de novos olhares, novas práticas e novos modos de viver em relação.
Abstract The present work presents a research carried through between the years of 2005 and 2007, whose main objective was to analyze how is made the Initial Evaluation of the pupil with indications of Mental Deficiency that is frequenting the Regular School, in the inclusive perspective, and in which forms this evaluation can contribute for the process of learning of this pupil. Such research presents as theoretical support the social-historical referential, more specifically the contributions of Lev Seminovich Vygotsky, that defended the accomplishment of a contextualized evaluation of the child and taking in account the social context where the child is inserted, the relations of this context with the child’s behavior and the relations of the proper child with everything. The chosen approach was of qualitative nature, having as space the Municipal Network of Education of Porto Alegre. As methodological instruments, it has been used: half-structuralized interviews with professors specialists that work in Rooms of Integration and Resources - SIR of the related network, since they have been identified as the professionals who currently carry through the initial evaluation; analysis of documents regarding the evaluation of the pupils directed to these rooms and the field log of all the trajectory of research. It was searched to understand which conceptions the subjects possess regarding the Initial Evaluation and its importance for the process of learning of the pupil with special educational necessities, more specifically, with mental deficiency; as such subjects perceive the space of support in which they act - the SIR and in which ways they contribute with the inclusion of this pupil in common education; which feelings they live deeply in the development of their work; and, finally, what analysis they make of the inclusive movement and how they perceive the pupils they take care of and themselves inside of this movement. The development of the research made possible a vision of the way covered to the initial evaluation, that stops to follow a clinical model to privilege a more educational approach, being carried through by educators specialists and inside of the proper school environment. Although it has been observed a certain absence of systematization of the evaluative procedures, as also a relative variety regarding the theoretical references that serve as basis for its practice, it was evidenced that this initial evaluation presents characteristics of a continuous process, that possess narrow links with the evaluation of the proper process of learning of the pupil. Thus, the manner it is carried through indicates advances in its way in the direction of new looks, new practices and new ways of living in relation.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/13284
Arquivos Descrição Formato
000642726.pdf (832.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.