Repositório Digital

A- A A+

A escola na rede : um estudo sobre diários de classe e gêneros do discurso

.

A escola na rede : um estudo sobre diários de classe e gêneros do discurso

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A escola na rede : um estudo sobre diários de classe e gêneros do discurso
Autor Schulz, Lia
Orientador Simões, Luciene Juliano
Data 2015
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Programa de Pós-Graduação em Letras.
Assunto Bakhtin, Mikhail Mikhailovich 1895-1975
Diário de classe
Escola
Gêneros do discurso
Internet
[en] Discourse genre
[en] Internet
[en] School
Resumo Esta tese tem como objetivo analisar os diários de classe encontrados em uma rede social na internet como gêneros do discurso. A partir da perspectiva e do entendimento do Círculo de Bakhtin acerca do conceito de gênero, busca-se analisar os diários de classe como formas relativamente estáveis em esferas de atividades humanas, enfatizando seu caráter dinâmico, plástico e móvel. O percurso metodológico realizado na pesquisa envolveu o uso de diferentes metodologias qualitativas na geração de dados. Um trabalho inicialmente etnográfico foi seguido de uma netnografia e análise documental na construção de um corpus de dados acerca dos diários de classe. A análise do gênero foi feita a partir do método sociológico proposto por Bakhtin/Voloshinov (2010) para o estudo da língua. Os dados foram gerados em 2013 e 2014, no entanto, abarcam uma análise, via pesquisa documental, das atividades durante o período de 2012 a 2014 de diários selecionados e escolhidos como foco da pesquisa. O Diário de Classe – a verdade, de Isadora Faber, é central no exame dos diários por ser o primeiro no Brasil e ter o maior número de seguidores em função da repercussão nacional e internacional que alcançou. O Diário de Classe – a verdade é comparado a outros diários ligados à escola onde iniciamos a pesquisa para apontar a diversidade do gênero. Já a busca de suas regularidades é feita pela análise das dimensões sociais e verbais do gênero levando em conta a ordem proposta pelo método sociológico bakhtiniano, que parte das condições sócio-históricas mais alargadas, para a situação mais imediata de interação, e, por fim, para a análise dos elementos linguísticos constitutivos do gênero. Os diários de classe são analisados nesta tese como gêneros discursivos cujo propósito é centrado em fazer denúncia de uma situação ou de um problema escolar. Esse modo sócio-histórico de denúncia é caracterizado pela publicação de textos escritos aliados a imagens com fins de exposição do problema denunciado, culpabilização dos responsáveis pelo problema e exigência de uma resolução. O propósito da denúncia perpassa os elementos constitutivos do gênero, ficando evidente nas temáticas, no modo composicional e no estilo. A análise também revelou uma diferença entre as posições de enunciador marcadas no gênero, assim como a multiplicidade de vozes sociais presentes. Esses últimos aspectos, aliados à análise do horizonte temático e temporal dos diários, contribuíram para a identificação de um possível acabamento do gênero, que, a partir de 2013, passa a ficar menos frequente em termos de postagens, assim como passa a divulgar mudanças e redirecionamentos das pautas e denúncias apresentadas. Concluímos, assim, que os diários de classe compõem um gênero híbrido, multissemiótico, plástico e volátil que logo que se estabiliza em uma forma brevemente estável, já se modifica novamente. Os diários, mesmo que por um breve período de tempo, são responsáveis por uma narrativa do cotidiano escolar na rede, onde a escola passa também a habitar, ao mesmo tempo em que é controlada e vigiada pelo universo midiatizado das redes.
Abstract This thesis aims at analyzing classroom journals found on a social network on the Internet, as discourse genres. From Bakhtin’s circle perspective and understanding on discourse genres, it is attempted to analyze the classroom journals as relatively stable forms in human activity spheres, emphasizing its dynamic, plastic and movable character. The methodological path used in the research involved the use of diverse qualitative methodologies in data generation. A work that was initially ethnographic was followed by a netnography and a documental analysis in the construction of a data corpus constituted by classroom journals. The genre analysis is made based on a sociological method proposed by Bakhtin/Voloshinov (2010) for studying languages. The data have been generated in 2013 and 2014, however, they include an analysis, made through documental research, of activities, in the period of 2012 to 2014, contained in journals selected and chosen as the research focus. Isadora Faber’s O Diário de Classe – a verdade is central in the journals exam, once it is the first one in Brazil and it has the largest followers number, due to the national and international repercussion that it has achieved. O Diário de Classe – a verdade is compared to other journals related to the school site where we have initiated the research, in order to assert the genre diversity. The pursuit for the genre regularities is performed through the analysis of the genre’s social and verbal dimensions, considering the order proposed by the bakhtinian sociological method, which comes from broader social-historic conditions, towards the more immediate interaction situation, and, then, to the analysis of linguistic elements that constitute the genre. The classroom genres are analyzed, in this thesis, as discourse genres, which purpose is centered on reporting a school issue or problem. This socio-historic report method is characterized by publishing written texts allied to images with purposes of exposing the reported problem, blaming the people responsible for the problem and demanding a solution for it. The report purpose goes across the genre constitutive elements, being evident in their theme, compositional structure and style. The analysis has also revealed a difference among the enunciator positions marked in the genre, as well as the multiplicity of social voices present in it. These last aspects, together with the analysis of the journals thematic and temporal horizons, have contributed for visualizing a possible hilt for the genre, which, form 2013 on, starts to be less frequent in terms of posting, as well as presenting changes and redirections in their agendas and reports presented. We have concluded, therefore, that the classroom journals compose a hybrid, multisemiotic, plastic and volatile genre that as soon as it stabilizes itself in a stable form, is already being modified again. The journals, even for a brief time period, are responsible for an everyday narrative of schools in the network, where the school also starts to live, at the same time that it is controlled and watched by the networks mediatized universe.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/132851
Arquivos Descrição Formato
000984813.pdf (4.515Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.