Repositório Digital

A- A A+

Efeitos da atenção dividida na fase de recuperação da memória implícita

.

Efeitos da atenção dividida na fase de recuperação da memória implícita

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Efeitos da atenção dividida na fase de recuperação da memória implícita
Autor Sbicigo, Juliana Burges
Orientador Salles, Jerusa Fumagalli de
Co-orientador Janczura, Gerson Américo
Data 2015
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Psicologia. Programa de Pós-Graduação em Psicologia.
Assunto Atenção
Memória implícita
Priming de repetição
[en] Attention
[en] Conceptual priming
[en] Divided attention
[en] Implicit memory
[en] Perceptual priming
Resumo O objetivo geral da presente tese foi investigar possíveis efeitos da atenção dividida da memória implícita perceptual não-verbal e verbal, e conceitual na fase de recuperação. Foram realizados dois estudos teóricos e um empírico. O primeiro estudo teórico teve o objetivo de revisar sistematicamente pesquisas que avaliaram o papel da atenção em testes de memória implícita (priming de repetição) com o paradigma da atenção dividida, na fase de codificação ou de recuperação. Foram selecionados 31 artigos empíricos com base em critérios pré-estabelecidos. Concluiu-se que os primings, perceptual e conceitual, são afetados pela atenção dividida na codificação quando a tarefa secundária demanda mais atenção, isto é, quando exige resposta frequente e é apresentada sincrônica ao estímulo alvo de memória. Poucos estudos foram realizados na fase de recuperação e indicaram imunidade desses primings à atenção dividida. O segundo estudo buscou apresentar e discutir aspectos metodológicos relevantes à elaboração de experimentos usando priming de repetição, com ênfase na seleção de materiais (software, listas de estímulos normatizados para o Brasil e relevância de fatores psicolinguísticos) e manipulação de variáveis (calibração pré-experimental, instruções e tempo de exposição dos estímulos, por exemplo). Recomendações para pesquisas futuras foram apresentadas. O artigo empírico foi o terceiro estudo e incluiu três experimentos. Os experimentos exploraram o papel da atenção na memória implícita perceptual não verbal e expandiram os resultados com testes perceptual e conceitual verbal, avaliando os efeitos da atenção dividida em novas condições experimentais. O experimento 1 utilizou o teste implícito de completar fragmentos de figuras com uma tarefa secundária de julgamento de tons; o experimento 2 utilizou completar radical de palavra e o experimento 3, produção de exemplar da categoria, ambos com uma tarefa secundária de julgamento de sequências de consoantes. Os resultados evidenciaram que a memória implícita foi afetada pela atenção dividida nos testes de completar fragmentos de figura e produção de exemplar da categoria, enquanto completar radical de palavra foi imune aos efeitos da divisão da atenção. Coletivamente, os resultados indicaram que, sob algumas circunstâncias, memória implícita perceptual exige recursos atencionais na recuperação. Recursos atencionais são exigidos pela memória implícita conceitual, tal como hipotetizado na literatura.
Abstract The general aim of this thesis was to investigate the role of attention in nonverbal perceptual implicit memory and expand knowledge on perceptual implicit memory and verbal conceptual. Two theoretical studies and one empirical were performed. The first theoretical study systematized research that evaluated the role of attention in implicit memory tests (repetition priming) with the paradigm of divided attention in encoding or retrieval phase. A total of 31 empirical articles based on pre-established criteria. The conclusion was that the primings, perceptual and conceptual, are affected by divided attention in encoding when the secondary task demands more attention, that is, when requires frequent response and it is presented synchronously to the memory target stimulus. Few studies was conducted in the retrieval phase and indicated that the primings are immune to divided attention. The second theoretical study aimed to present and discuss methodological aspects relevant to the elaboration of experiments using repetition priming, with emphasis on the selection of materials (software, standardized stimuli lists for Brazil and relevance of psycholinguistic factors) and variable manipulation (pre-calibration experimental, instructions and exposure time of the stimuli, for example). Recommendations for future research are presented. The empirical paper was the third study and included three experiments. The experiments explored the role of attention in nonverbal perceptual implicit memory and expanded the results with perceptual tests and verbal conceptual, evaluating the effects of divided attention on new experimental conditions. Experiment 1 used the implicit picture fragment completion test with a secondary task of judgment tones; Experiment 2 used word stem completion and the experiment 3, exemplary production category, both with a secondary task of judgment consonant sequences. The results showed that implicit memory was affected by divided attention in picture fragment completion and category exemplar production, while word stem completion was immune to the effects of divided attention. Collectively, the results indicated that, under some circumstances, perceptual implicit memory requires attentional resources in recovery. Attentional resources are required by the conceptual implicit memory, as hypothesized in the literature.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/134596
Arquivos Descrição Formato
000987504.pdf (1.577Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.